Alimentos inflamatórios: a lista com os principais a serem evitados na dieta

Entre os alimentos inflamatórios que devem ser evitados na dieta podemos citar frituras, gorduras e carnes processadas
Entre os alimentos inflamatórios que devem ser evitados na dieta podemos citar frituras, gorduras e carnes processadas
Caroline Miranda

Consultor:

Caroline Miranda

Formada em Nutrição pela UNIRIO, possui pós-graduação em Clínica Funcional, em Fitoterapia Funcional e é coach de Emagrecimento e Qualidade de Vida

Se você pensa que o carboidrato é o grande vilão da dieta saudável, é possível que ainda não tenha ouvido falar dos alimentos inflamatórios. Muitas vezes são eles os responsáveis por causar aquela sensação de inchaço e desconforto no estômago, além de gerarem sintomas como azia, enxaqueca e outros problemas mais sérios relacionados à doenças como hipertensão, obesidade e diabetes. Para entender melhor o assunto, nós conversamos com a nutricionista funcional Caroline Miranda, que esclareceu quais são os principais alimentos inflamatórios que devem evitados na dieta. Dá uma olhada!

O que são alimentos inflamatórios e de que forma eles atuam no organismo?

De acordo com a nutricionista, "alimentos inflamatórios estão ligados ao processo de estresse oxidativo que acontece no nosso organismo. Ele é baseado em uma cascata de reações químicas que produzem substâncias capazes de gerar um ambiente inflamatório no corpo e a exposição frequente causa um desequilíbrio culminando em danos nas proteínas, lipídios e DNA das células".

Pois é, como o próprio nome indica, os alimentos inflamatórios atuam de uma forma nada benéfica ao organismo, especialmente no que diz respeito à pele. "As consequências vão desde envelhecimento, aterosclerose até doenças autoimunes. Nas células da pele, os açúcares dos alimentos de alto índice glicêmico fixam nas fibras de colágeno deixando as junções rígidas e danificando de maneira irreversível. Por isso a pele perde sua elasticidade e as rugas se instalam. Ou seja, quanto mais inflamatória for a alimentação, mais este processo é acelerado, por exemplo", complementa Caroline Miranda.

Quais são os principais alimentos inflamatórios que devem ser evitados?

A especialista afirma que "alimentos que utilizam altas temperaturas na produção e que necessitam de muitos conservantes para maior durabilidade pertencem ao grupo dos alimentos de maior poder inflamatório". Com isso, alguns exemplos como biscoitos industrializados, frituras e embutidos derivados de carne estão na lista dos alimentos inflamatórios que devem ser evitados. Veja a lista de quais evitar:

1. Frituras e alimentos muito gordurosos

Por serem ricos em gorduras saturadas, qualquer uma dessas opções pode fazer mal ao organismo se você consumir exageradamente. Além das sensações de desconforto, frituras e gorduras também são responsáveis por reduzir os níveis de triptofano no nosso organismo - aminoácido que ativa o hormônio da serotonina e que, se estiver em níveis muito baixos, pode causar mau humor.

2. Biscoitos industrializados

Os biscoitos industrializados que não são voltados para uma alternativa de snack saudável e que possuem muitos conservantes em sua composição também são considerados alimentos inflamatórios. A dica procurar por opções leves e realmente nutritivas que podem fazer bem ao organismo (mesmo que sejam consumidas em poucas quantidades).

3. Embutidos derivados da carne vermelha

Algumas carnes processadas como salame, presunto, bacon, linguiça e salsicha também devem ser cortadas da dieta. Embora proteicas, elas normalmente são ricas em sódio e podem aumentar o colesterol "ruim" (LDL).

4. Refrigerantes e bebidas alcoólicas

Extremamente ricos em açúcar, os refrigerantes e as bebidas alcoólicas (principalmente as mais fermentadas, como a cerveja) costumam contribuir bastante para o desenvolvimento de doenças como hipertensão e diabetes. O melhor mesmo é substituí-los por opções mais saudáveis, feitas com o suco da fruta e outras alternativas!

5. Alimentos açucarados

Doces, sorvetes, caldas e qualquer outro tipo de alimento açucarado e industrializado são cheios do que chamamos de "açúcar invertido" - substância que faz muito mal para o organismo e que é produzida industrialmente para melhorar o sabor e a textura desses alimentos. Por isso, o ideal é que você guarde as opções açucaradas apenas para os finais de semana e tenha um consumo moderado delas!

Alimentos anti-inflamatórios podem ajudar a equilibrar a dieta

Alguns alimentos anti-inflamatórios e antioxidantes - como gengibre, cúrcuma, alho, limão e mel - podem ajudar a equilibrar a dieta e a diminuir a reação dos alimentos que causam inflamações no organismo.

De acordo com a nutricionista Caroline Miranda, "uma forma de equilibrar a alimentação é substituir esses alimentos por opções menos gordurosas e naturais. Dar preferência para carne de aves, suínos e peixes. Mais importante do que reduzir o consumo é incluir nutrientes com ação anti-inflamatória para ajustar esse desequilíbrio".

Mais noticias com...
Receitas:
Carne bovina
Ver Mais

Últimas Matérias

Arginina: para que serve e onde encontrar

Arginina: para que serve e onde encontrar Arginina: para que serve e onde encontrar

As refeições diárias estão cheias de nutrientes essenciais e superimportantes que nem imaginamos, como é o caso da arginina! Essa substância está presente no...

> Leia mais
Barra de frutas: o que é e como consumir

Barra de frutas: o que é e como consumir Barra de frutas: o que é e como consumir

A barra de frutas é uma fonte de energia e tanto, principalmente em dias mais corridos! Incluir o alimento no cardápio é sinônimo de saúde e saciedade para o...

> Leia mais
Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Ótimo para preparar vitaminas, smoothies e incrementar saladas, o iogurte natural é um ingrediente bem nutritivo que ajuda a manter o organismo em...

> Leia mais
Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Você já conhece o sabor do patê de berinjela? Além de todos os benefícios que o alimento apresenta para o organismo, o legume também agrada o paladar de um...

> Leia mais
Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Já ouviu falar da dieta cetogênica? Em outras palavras, as pessoas que seguem esse cardápio diferenciado se adequam a uma dieta sem carboidrato. É uma...

> Leia mais
Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Conciliar um café da manhã saudável com uma rotina mais corrida não precisa ser um problema. Você sabia que existem opções nutritivas bem rápidas de...

> Leia mais
Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Muito usado no preparo de saladas, refogados, molhos (como o vinagrete), risotos e moquecas, o pimentão verde é um tipo de vegetal bem nutritivo e saboroso,...

> Leia mais
Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde? Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Para reduzir o consumo de carboidratos, muita gente prefere evitar pães (e outras massas) e dar preferência a receitas com tapioca nos lanches. Mas será que...

> Leia mais
Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Que tal fazer leite de castanha do Pará para aproveitar os benefícios da oleaginosa? É sempre bom ter opções diferentes de receitas para incluir na rotina...

> Leia mais
Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Quantas receitas com ervilha você conhece? E com ervilha congelada? Apesar da enorme praticidade que o legume apresenta, nem todos sabem como usá-lo no dia a...

> Leia mais