Leve, nutritivo e saboroso: 7 tipos de peixes ideais para sua dieta

<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
Peixes: Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.

Leves, saudáveis, gostosos e altamente nutritivos. Manter a diversividade de peixes no cardápio diário das refeições, além de ser, gastronomicamente, uma saborosa opção, é, também um dos hábitos alimentares mais indicados àqueles que buscam qualidade de vida através da dieta. Com quase 4 mil espécies conhecidas, somente no Brasil, não é tarefa difícil compor um farto menu à base dessas iguarias!

Apesar de a procura por pescados viver crescimento no Brasil-de acordo com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) -, o consumo de peixes per capita aumentou cerca de 30% no país-o Ministério da Saúde adverte que nossa ingestão diária do alimento ainda é pouca quanto às recomendações nutricionais elaborada pela Organização Mundial de Saúde. A nutricionista Rossana Torales realça à importância da inclusão de peixes nas refeições.

"Por ter baixo teor de gordura, os peixes têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana. Eles são grandes fontes de proteínas e ômega 3. Possui nutrientes anti-inflamatórios e substâncias que ajudam na construção de tecidos e músculos. Além disso, também é fonte do complexo B12", destacou a profissional. Por causa disso, preparamos um pequeno menu com 7 tipos de peixes deliciosos para sua alimentação.


7 tipos de peixes ideais para a sua dieta saudável

- Dourado: Apelidado de "rei dos rios", o dourado tem propriedades que auxiliam na regeneração de tecidos, regula a pressão e o PH sanguíneos, facilitando os processos digestivos e as contrações musculares.

Nutrientes:
Cálcio, potássio e vitamina D.

- Garoupa: É rica em nutrientes que estimulam a fabricação dos glóbulos vermelhos e facilita o bom funcionamento do sistema neurológico, atuando tanto na formação dos neurônios quanto na transmissão dos impulsos nervosos. Deve ser incluída na alimentação infantil, principalmente durante o primeiro ano de vida, pois colabora na prevenção da deficiência de micronutrientes, como ferro e a vitamina D, essenciais à saúde e ao crescimento.

Nutrientes:
Fósforo, ômega 3, potássio, selênio, vitamina B6 e vitamina B12.

- Linguado: Peixe pequeno de corpo achatado e formato ovalado, o linguado tem ação antioxidante e atua no controle da deterioração celular.

Nutrientes:
Fósforo, iodo, niacina, selênio e vitamina B12 e vitamina E.


- Robalo: Peixe típico de rios que deságuam no mar, o robalo é também é considerado um bom alimento para questões estéticas, pois ajudam a manter a pele e os cabelos saudáveis. Além disso, sua ação antioxidante favorece o sistema imunológico.

Nutrientes:
Cálcio, vitaminas A, C e do complexo B.

– Salmão: A espécie é referência para a saúde do coração, ossos, dentes e regeneração dos tecidos. Os nutrientes presentes podem atuar em processos relacionados à prevenção de doenças.

Nutrientes:
Ferro, fósforo, magnésio, niacina, ômega 3, potássio, selênio, vitamina A, vitamina B1, vitamina B5, vitamina B6, vitamina B12 e zinco.

– Sardinha: Suas propriedades contribuem para saúde cardiovascular, células nervosas e do tecido ósseo, sistema neurológico e fabricação de glóbulos vermelhos. Na gravidez, o ômega 3 presente na sardinha pode atuar evitando processos inflamatórios de endotélio e melhorando a circulação placentária.

Nutrientes:
Albumina, cálcio, ferro, fósforo, niacina, ômega 3, potássio, selênio e vitamina B12.

–Truta: Essa espécie só sobrevive em águas puras, o que o faz um dos peixes com menores riscos de contaminação. Atua na saúde de ossos e dentes, favorece a regeneração de tecidos e auxilia em processos digestivos e nas contrações musculares.

Nutrientes:
Cálcio, fósforo, ômega 3, potássio, selênio e vitamina A.


Mais noticias com...
Receitas:
Salmão
Ver Mais

Últimas Matérias

Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Na hora de montar o prato do almoço tem gente que ama caprichar na quantidade de carne, né? Só que isso não é algo muito indicado para quem busca uma...

> Leia mais
Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Originário da China e do Vietnã, o anis-estrelado é uma planta medicinal fonte de nutrientes importantes e rica em propriedades terapêuticas: auxilia na...

> Leia mais
Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

É difícil associar a farofa a uma alimentação saudável, né? Afinal, esse prato (que não costuma faltar no churrasco brasileiro) é geralmente preparado com...

> Leia mais
Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Imagine esta cena: você está em um restaurante, e observa algumas pessoas, seja um grupo de amigos ou uma família, em volta de uma mesa com suas refeições,...

> Leia mais
7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca 7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

Para aproveitar todos os nutrientes que os alimentos têm a oferecer, é importante que você consuma não apenas a polpa, mas também as suas cascas e sementes....

> Leia mais
Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

É muito bom descobrir maneiras novas de preparar os alimentos, né? Seja usando temperos ou métodos de cozimento variados, é sempre possível inovar na...

> Leia mais
Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos

Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos

Encontrado em diversos tipos de plástico, policarbonato, resina e alumínio, o Bisfenol A - também chamado de BPA - é uma substância química utilizada para...

> Leia mais
Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir

Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir

Para quem sofre com insônia ou problemas para dormir, tomar chás calmantes na parte da noite é uma ótima dica. Existem diversas plantas medicinais, frutas e...

> Leia mais
Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele

Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele

O maior órgão do nosso corpo é a pele. Sendo assim, nada mais justo do que se preocupar com a sua saúde. Uma das substâncias que ajudam a cuidar da...

> Leia mais
Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida

Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida

A melancia é uma das frutas preferidas dos brasileiros: conhecida pelo seu sabor doce e grande quantidade de água, ela é muito consumida por ser um alimento...

> Leia mais