Leve, nutritivo e saboroso: 7 tipos de peixes ideais para sua dieta

<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
Peixes: Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.
<strong>Peixes:</strong> Têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana.

Leves, saudáveis, gostosos e altamente nutritivos. Manter a diversividade de peixes no cardápio diário das refeições, além de ser, gastronomicamente, uma saborosa opção, é, também um dos hábitos alimentares mais indicados àqueles que buscam qualidade de vida através da dieta. Com quase 4 mil espécies conhecidas, somente no Brasil, não é tarefa difícil compor um farto menu à base dessas iguarias!

Apesar de a procura por pescados viver crescimento no Brasil-de acordo com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) -, o consumo de peixes per capita aumentou cerca de 30% no país-o Ministério da Saúde adverte que nossa ingestão diária do alimento ainda é pouca quanto às recomendações nutricionais elaborada pela Organização Mundial de Saúde. A nutricionista Rossana Torales realça à importância da inclusão de peixes nas refeições.

"Por ter baixo teor de gordura, os peixes têm a carne mais indicada a ser digerida regularmente, de preferência de 3 a 4 vezes por semana. Eles são grandes fontes de proteínas e ômega 3. Possui nutrientes anti-inflamatórios e substâncias que ajudam na construção de tecidos e músculos. Além disso, também é fonte do complexo B12", destacou a profissional. Por causa disso, preparamos um pequeno menu com 7 tipos de peixes deliciosos para sua alimentação.


7 tipos de peixes ideais para a sua dieta saudável

- Dourado: Apelidado de "rei dos rios", o dourado tem propriedades que auxiliam na regeneração de tecidos, regula a pressão e o PH sanguíneos, facilitando os processos digestivos e as contrações musculares.

Nutrientes:
Cálcio, potássio e vitamina D.

- Garoupa: É rica em nutrientes que estimulam a fabricação dos glóbulos vermelhos e facilita o bom funcionamento do sistema neurológico, atuando tanto na formação dos neurônios quanto na transmissão dos impulsos nervosos. Deve ser incluída na alimentação infantil, principalmente durante o primeiro ano de vida, pois colabora na prevenção da deficiência de micronutrientes, como ferro e a vitamina D, essenciais à saúde e ao crescimento.

Nutrientes:
Fósforo, ômega 3, potássio, selênio, vitamina B6 e vitamina B12.

- Linguado: Peixe pequeno de corpo achatado e formato ovalado, o linguado tem ação antioxidante e atua no controle da deterioração celular.

Nutrientes:
Fósforo, iodo, niacina, selênio e vitamina B12 e vitamina E.


- Robalo: Peixe típico de rios que deságuam no mar, o robalo é também é considerado um bom alimento para questões estéticas, pois ajudam a manter a pele e os cabelos saudáveis. Além disso, sua ação antioxidante favorece o sistema imunológico.

Nutrientes:
Cálcio, vitaminas A, C e do complexo B.

– Salmão: A espécie é referência para a saúde do coração, ossos, dentes e regeneração dos tecidos. Os nutrientes presentes podem atuar em processos relacionados à prevenção de doenças.

Nutrientes:
Ferro, fósforo, magnésio, niacina, ômega 3, potássio, selênio, vitamina A, vitamina B1, vitamina B5, vitamina B6, vitamina B12 e zinco.

– Sardinha: Suas propriedades contribuem para saúde cardiovascular, células nervosas e do tecido ósseo, sistema neurológico e fabricação de glóbulos vermelhos. Na gravidez, o ômega 3 presente na sardinha pode atuar evitando processos inflamatórios de endotélio e melhorando a circulação placentária.

Nutrientes:
Albumina, cálcio, ferro, fósforo, niacina, ômega 3, potássio, selênio e vitamina B12.

–Truta: Essa espécie só sobrevive em águas puras, o que o faz um dos peixes com menores riscos de contaminação. Atua na saúde de ossos e dentes, favorece a regeneração de tecidos e auxilia em processos digestivos e nas contrações musculares.

Nutrientes:
Cálcio, fósforo, ômega 3, potássio, selênio e vitamina A.


Mais noticias com...
Receitas:
Salmão
Ver Mais

Últimas Matérias

Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável

Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável

Muita gente não sabe, mas 20 de julho (além de ser o Dia Internacional do Amigo) também é considerado o Dia Nacional do Biscoito. E quem é que não ama esse...

> Leia mais
Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia

Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia

Os chás são ótimos aliados na nossa saúde - especialmente em dias frios, quando ajudam a aquecer o corpo. Entre os seus benefícios podemos citar que hidratam...

> Leia mais
Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

Buscar uma alimentação saudável é a meta de muita gente, né? Só que, muitas vezes, fica difícil ponderar as quantidades e descobrir quais alimentos são...

> Leia mais
Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento

Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento

A abóbora é um tipo de fruto bem nutritivo e cheio de propriedades benéficas: é fonte de fibras, cálcio, magnésio, ferro, vitamina C e carboidratos (que...

> Leia mais
Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição

Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição

Para facilitar o nosso dia a dia, é comum seguirmos à risca um mesmo hábito alimentar, e isso inclui fazer as refeições nos mesmos horários. Esse costume...

> Leia mais
5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável 5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

Para ter uma rotina saudável não basta comer bem: é preciso se movimentar. A boa notícia é que, para isso, não é necessário frequentar uma academia, já que é...

> Leia mais
Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Durante o período da maternidade é necessário ter alguns cuidados com a alimentação - tanto na gestação quanto no pós-parto/ amamentação. Existem alguns...

> Leia mais
Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

O amendoim vem sendo incorporado cada vez mais no cardápio dos brasileiros, seja na sua forma torrada, cozida ou em pasta. Embora ele proporcione uma série...

> Leia mais
As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer

As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer

Quando falamos em culinária brasileira logo surgem na mente várias comidinhas típicas: pão de queijo, feijoada, brigadeiro, açaí e por aí vai... alimentos...

> Leia mais
Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir

Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir

Quem conhece bem o estilo de vida vegano sabe que a alimentação desse grupo é bem restritiva - afinal, o veganismo consiste em um consumo consciente e...

> Leia mais