5 dicas infalíveis para deixar a sua salada saudável, nutritiva e deliciosa

Não faltam opções para montarmos saladas incríveis. Veja algumas dicas saudáveis para incrementar a sua refeição
Não faltam opções para montarmos saladas incríveis. Veja algumas dicas saudáveis para incrementar a sua refeição
Giovana Morbi

Consultor:

Giovana Morbi

Graduada em Nutrição pela Faculdade São Camilo, é especialista em Nutrição Clínica e Ortomolecular com extensão em Nutrigenômica e especializada em Diabetologia Prática pelo Steno Education Center, na Dinamarca.

Como você gosta da sua salada? Com mais ou menos folhas, molhos e temperos especiais, acompanhadas por carnes? Não importa, as saladas são receitas tão versáteis que conseguem se adaptar facilmente a qualquer paladar. Por isso, dentre tamanhas possibilidades, manter combinações saudáveis, nutritivas e naturais, sempre serão as melhores escolhas. Veja algumas boas ideias para incrementar a sua saladinha do dia a dia.

Sejam servidas como entradas ou, até mesmo, pratos principais, as saladas são refeições que combinam com tudo. Nós podemos montar deliciosas saladas com frutas, grãos, legumes, ervas, especiarias e até proteínas, que aumentam o valor nutritivo do prato, por exemplo. Segundo a nutricionista Giovana Morbi, a primeira dica e, talvez, a mais importante, é deixar as folhas e vegetais previamente higienizados:

"Para começar deixe tudo já lavado e separado em recipientes. Eu deixo os tomates, pepino, cenoura já lavados e devidamente guardados na geladeira para ficar sempre fácil e disponível. Tire aqueles plásticos de mercado que não são nada higiênicos e podem contaminar outros alimentos na geladeira", indica a profissional.

O que podemos fazer para deixar as nossas saladas mais saborosas e nutritivas?

1 - Invista na mistura de texturas: Ingredientes macios (queijos e frutas), crocantes (oleaginosas), cremosos (iogurte) e finos (folhas), formam uma salada mais completa, com diversos sabores. A combinação pode ser diversa, com ou sem molho, temperada com azeite, agridoce ou salgada... O que vale nessa hora é a criatividade culinária e a vontade de inovar na preparação do prato.

2 - Diversifique nos temperos: Azeite e sal, são os tradicionais, não é mesmo? Crie outros temperos e condimentos que possam acompanhar a sua salada. O sal de ervas, por exemplo, já pode trazer um sabor diferente. Já o óleo de coco, em quantidade moderada, garante um toque especial. Alecrim, páprica, manjericão e outras ervas aromáticas também farão com que a salada ganhe um sabor diferente.

3 - Dê preferência pelos molhos caseiros: Ainda que em uma salada feita em casa, com ingredientes saudáveis, é muito comum que adicionemos aqueles molhos prontos, carregados de sódio e conservantes. Por isso, a Giovana Morbi indica preparar um molho caseiro natural e saboroso:

"Pegue um recipiente pequeno e coloque duas colheres de sopa de óleo ou azeite extra virgem, uma colher de sopa de suco de limão ou vinagre e três colheres de ervas frescas. Par realçar o sabor, você pode usar alho, mostarda, manga ou morango. Se você prefere uma consistência cremosa, adicione iogurte natural desnatado ou grego no lugar da maionese. E, para quem gosta de um sabor agridoce, é só acrescentar uma colher de chá de mel ou melado de cana.", explica a nutricionista.

4 - Acrescente proteína: Algumas tirinhas de frango ou de carne podem ajudar a misturar as texturas e também aumentar o quadro nutricional dos alimentos. Corte a proteína em pedaços pequenos para equilibrar com a salada e garanta que o mesmo esteja bem temperadinho. Para os vegetarianos ou veganos, os cogumelos e a soja podem substituir a carne, sem alterar os nutrientes da salada.

5 - Finalize o prato e torne-o ainda mais atraente: Há quem ame as saladas e quem as coma por obrigação, por isso, garantir que a refeição seja colorida pode estimular ainda mais. Acrescente queijo ralado light, alecrim, folhas de hortelã que, além da aparência, garantem mais nutrientes. Por exemplo, os queijos aumentam a quantidade de cálcio ingerida na refeição, beneficiando os ossos e músculos, o alecrim atua no equilíbrio da pressão arterial e a hortelã traz refrescância e facilita o processo digestivo.

* Giovana Morbi (CRN-SP 34076) é nutricionista graduada pelo Centro Universitário São Camilo com especialização em Nutrição Clínica e Ortomolecular com extensão em Nutrigenômica e especializada em Diabetologia Prática pelo Steno Eduacation Center, Dinamarca. A profissional disponibiliza seu site para contato e outras informações: Giovana Morbi

Receitas:
Frango
Ver Mais

Últimas Matérias

5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor 5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

Praticar exercícios físicos de forma regular e equilibrada - mesmo em dias mais quentes - é importante para a saúde mental e corporal. No entanto, durante o...

> Leia mais
Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Usada para tratar inflamações e amenizar sintomas de gripes e resfriados, como tosse e coriza, a equinácea (Echinacea ssp.) é uma planta medicinal...

> Leia mais
6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo 6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

Rica em fibras alimentares, ômega 3 e minerais importantes, a chia é uma semente altamente nutritiva geralmente usada em dietas restritivas, já que é...

> Leia mais
O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

Após colocar piercing, fazer tatuagem ou realizar procedimentos cirúrgicos, é muito importante evitar certos alimentos e ter uma dieta que contribua para o...

> Leia mais
Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Equilíbrio, flexibilidade e força. Você sabia que essas três palavrinhas estão associadas a praticamente todos os tipos de ginástica? Classificada em...

> Leia mais
Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Entre as espécies de boldo mais utilizadas para tratar problemas como gastrite, gripes e resfriados, o boldo-da-terra e o boldo-do-chile são duas que...

> Leia mais
5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde 5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

Usar farinha de linhaça no preparo de omeletes, pães, biscoitos, panquecas e até vitaminas no dia a dia é uma ótima forma de fortalecer o organismo....

> Leia mais
Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Nativo da região amazônica e consumido em todo o Brasil, o açaí é uma fruta altamente nutritiva (rica em cálcio, potássio, ferro, vitaminas A, C, do complexo...

> Leia mais
4 receitas com jambo para usar a fruta no dia a dia

4 receitas com jambo para usar a fruta no dia a dia 4 receitas com jambo para usar a fruta no dia a dia

Embora seja nativo da Malásia, o jambo-vermelho é uma frutinha bastante encontrada nas regiões Norte, Nordeste e Sudeste do Brasil - sendo consumida in...

> Leia mais
Já provou a pimenta-do-reino verde? Saiba tudo sobre esse tempero

Já provou a pimenta-do-reino verde? Saiba tudo sobre esse tempero Já provou a pimenta-do-reino verde? Saiba tudo sobre esse tempero

Você já ouviu falar da pimenta-do-reino verde? De origem asiática, a variação vem de uma das pimentas mais antigas e conhecidas do mundo, principalmente...

> Leia mais