Capsaicina: para que serve? As suas vantagens e em quais alimentos encontrá-la

Capsaicina é uma substância química responsável pela ardência dos alimentos, presente (sobretudo) nos mais variados tipos de pimentas
Capsaicina é uma substância química responsável pela ardência dos alimentos, presente (sobretudo) nos mais variados tipos de pimentas

Sabe aqueles momentos em que você coloca pimenta demais na comida e depois usa alguns truques para diminuir a sua ardência? Então, tudo culpa de uma substância chamada capsaicina. Já ouviu falar nela? A capsaicina é a grande responsável pela ardência dos alimentos, sobretudo das pimentas de coloração avermelhada como a pimenta malagueta e a calabresa. Mas ao contrário do que muitas pessoas pensam, a substância tem uma série de benefícios à saúde. Que saber quais são as suas vantagens e em quais alimentos você pode encontrá-la? Dá uma olhada na matéria!

Capsaicina é uma substância anti-inflamatória e analgésica

Além de promover a sensação de calor na boca, a capsaicina tem diversas propriedades benéficas ao organismo. Ela é considerada um anti-inflamatório natural que ajuda na defesa do sistema imunológico combatendo lesões e infecções causadas por inflamações. Ela também age como analgésico e antioxidante, estimulando a produção de endorfina, um neuro-hormônio responsável por amenizar o estresse, a ansiedade e a depressão.

Por ter ação termogênica, composto também contribui para a perda saudável de peso

A capsaicina está presente em grande parte dos alimentos termogênicos, grupo alimentar conhecido pela conhecido por ter a capacidade de auxiliar na perda de peso (através da aceleração do metabolismo e da queima de gordura), desinchar o corpo e favorecer o bom funcionamento do organismo. Eles também estimulam a defesa do sistema imunológico e, quando aliados à prática regular de exercícios, combatem gripes, resfriados e até doenças mais severas como o câncer.

Pimentas vermelhas, pimentão e gengibre são ricos na substância

Para consumir os benefícios da capsaicina, sua alimentação deve ser rica em alimentos que possuem boas doses da substância, como os diversos tipos de pimenta-do-reino, as pimentas mais avermelhadas - como a pimenta biquinho, calabresa, malagueta, dedo de moça e jalapeño -, e especiarias picantes como a páprica.

Outros alimentos menos ardidos (ou seja, que possuem menores quantidades de capsaicina), também são fontes da substância e devem fazer parte da dieta. Por isso, não deixe de incluir o gengibre e o pimentão na sua alimentação!

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor 5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

Praticar exercícios físicos de forma regular e equilibrada - mesmo em dias mais quentes - é importante para a saúde mental e corporal. No entanto, durante o...

> Leia mais
Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Usada para tratar inflamações e amenizar sintomas de gripes e resfriados, como tosse e coriza, a equinácea (Echinacea ssp.) é uma planta medicinal...

> Leia mais
6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo 6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

Rica em fibras alimentares, ômega 3 e minerais importantes, a chia é uma semente altamente nutritiva geralmente usada em dietas restritivas, já que é...

> Leia mais
O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

Após colocar piercing, fazer tatuagem ou realizar procedimentos cirúrgicos, é muito importante evitar certos alimentos e ter uma dieta que contribua para o...

> Leia mais
Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Equilíbrio, flexibilidade e força. Você sabia que essas três palavrinhas estão associadas a praticamente todos os tipos de ginástica? Classificada em...

> Leia mais
Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Entre as espécies de boldo mais utilizadas para tratar problemas como gastrite, gripes e resfriados, o boldo-da-terra e o boldo-do-chile são duas que...

> Leia mais
5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde 5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

Usar farinha de linhaça no preparo de omeletes, pães, biscoitos, panquecas e até vitaminas no dia a dia é uma ótima forma de fortalecer o organismo....

> Leia mais
Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Nativo da região amazônica e consumido em todo o Brasil, o açaí é uma fruta altamente nutritiva (rica em cálcio, potássio, ferro, vitaminas A, C, do complexo...

> Leia mais
4 receitas com jambo para usar a fruta no dia a dia

4 receitas com jambo para usar a fruta no dia a dia 4 receitas com jambo para usar a fruta no dia a dia

Embora seja nativo da Malásia, o jambo-vermelho é uma frutinha bastante encontrada nas regiões Norte, Nordeste e Sudeste do Brasil - sendo consumida in...

> Leia mais
Já provou a pimenta-do-reino verde? Saiba tudo sobre esse tempero

Já provou a pimenta-do-reino verde? Saiba tudo sobre esse tempero Já provou a pimenta-do-reino verde? Saiba tudo sobre esse tempero

Você já ouviu falar da pimenta-do-reino verde? De origem asiática, a variação vem de uma das pimentas mais antigas e conhecidas do mundo, principalmente...

> Leia mais