Reeducação alimentar infantil: o cardápio que ajuda a criança a comer melhor

Para fazer uma reeducação alimentar infantil, é necessário incluir alimentos naturais, como frutas, verduras, legumes, cereais integrais, grãos, carnes, leites, derivados e outras opções saudáveis
Para fazer uma reeducação alimentar infantil, é necessário incluir alimentos naturais, como frutas, verduras, legumes, cereais integrais, grãos, carnes, leites, derivados e outras opções saudáveis
Natália Vignoli

Consultor:

Natália Vignoli

Nutricionista funcional e comportamental formada pelo Instituto de Metabolismo e Nutrição (IMEN), possui especialização em Nutrição Materna e Infantil

Para fazer uma reeducação alimentar infantil é necessário mudar uma série de hábitos, planejar um cardápio saudável (em conjunto com uma nutricionista) e pensar em estratégias para estimular o apetite dos pequenos. Afinal, é importante elaborar preparos mais atrativos, que sejam ao mesmo tempo saudáveis e saborosos. Para saber mais sobre o assunto, nós conversamos com a nutricionista Natália Vignoli, especializada em Nutrição Materna e Infantil, que deu dicas de como realizar mudanças na rotina e montar um cardápio infantil adequado.

Como iniciar o programa de reeducação alimentar infantil?

Antes de estabelecer mudanças concretas no cardápio infantil, é muito importante consultar um nutricionista para fazer uma reeducação e planejar a dieta a longo prazo. Vale lembrar que a alimentação infantil não deve ser radical, mas sim bastante completa e preferencialmente com alimentos naturais. A nutricionista Natália Vignoli deu ótimas dicas para iniciar esse processo da melhor maneira possível.

Mude os hábitos alimentares da família toda

De acordo com a nutricionista, para que a criança passe a comer melhor é fundamental que esse processo de reeducação alimentar abranja toda a família. Assim, fica mais fácil evitar alimentos que sejam prejudiciais para a saúde.

"O mais importante é que a família como um todo tenha um hábito alimentar saudável. Não adianta os pais cortarem algum tipo de doce ou salgadinho da criança, por exemplo, sendo que eles também não comem frutas, verduras, legumes ou não participam das refeições com o filho. Então, é importante que os pais, ao menos em uma refeição no dia, façam a refeição em conjunto, para que tenha esse momento coletivo de refeição. Isso porque a criança aprende por um processo de modelagem", recomenda a profissional.

Prepare pratos divertidos para crianças

Você já pensou em fazer pratos coloridos com frutas, verduras, legumes e ovos em formatos lúdicos? É possível fazer desenhos de animais e paisagens, por exemplo, usando ingredientes naturais e, assim, estimular a criança a comer melhor. De acordo com a nutricionista, essa é uma ótima estratégia para usar durante o processo de reeducação alimentar infantil.

"É importante fazer preparações mais atrativas, saborosas, bem temperadas, com ingredientes naturais. Um macarrão colorido com vegetais, por exemplo, funciona superbem. Ovo mexido com chuchu e cenoura ralada também é uma boa sugestão de prato. Sempre que você puder deixar o prato colorido ou cortar os alimentos em formatos diferentes (uma carambola em formato de estrela, por exemplo), pode ajudar bastante. Assim você traz um pouco do universo lúdico, o que incentiva as crianças a comerem melhor", sugere a especialista.

Monte um cardápio infantil completo e variado nutricionalmente

Além de aplicar alguns truques para estimular hábitos saudáveis, é muito importante garantir que o cardápio infantil seja bem completo e balanceado, com alimentos fontes de proteínas, fibras, carboidratos, minerais, vitaminas, ácidos graxos e outros nutrientes indispensáveis. A nutricionista destacou quais grupos de alimentos são essenciais nessa nova dieta: "Na alimentação infantil, os alimentos que não podem faltar são basicamente os que constituem a dieta de um adulto: cereais integrais, grãos, carnes, ovos, leites e derivados, frutas, legumes e verduras. Uma alimentação rica e variada nutricionalmente é fundamental", destaca Natália.

Sugestões de alimentos para o cardápio infantil

- Arroz integral

- Feijão

- Carnes (peixe, frango e vermelhas com pouca gordura)

- Ovos

- Leite

- Granola

- Brócolis

- Espinafre

- Alface

- Tomate

- Cenoura

- Inhame

- Chuchu

- Banana

- Maçã

- Mamão

Obs.: É possível incluir uma variedade maior de alimentos FLV (frutas, legumes e verduras), leguminosas, grãos e outros na rotina da criança. Para ter mais ideias e garantir uma dieta 100% equilibrada, não se esqueça de consultar um nutricionista, ok?

Além de incluir alimentos naturais na dieta dos pequenos, é importante evitar produtos ultraprocessados e outros que podem ser prejudiciais para a saúde das crianças e da família como um todo. De acordo com a nutricionista, é necessário analisar cada caso (a saúde da criança em questão) para realizar o corte de alimentos gordurosos e outros de forma mais certeira. Ainda assim, de uma forma geral, ela destaca que é possível ser saudável sem ter um controle obsessivo com a dieta da criança.

"Não acho que seja necessário cortar algum alimento de forma radical. Claro que refrigerantes, salsichas (e outros embutidos) ou alimentos muito processados, balas, guloseimas e salgadinhos não devem estar presentes no dia a dia da criança. A casa, em especial, é o lugar em que os pequenos devem ter um maior contato com alimentos mais saudáveis, caseiros, com bastante consumo de frutas, legumes e receitas como arroz com brócolis, por exemplo. Já os alimentos ultraprocessados devem ser exclusivos para momentos específicos, como festas de aniversário".

Receitas:
Arroz
Ver Mais

Últimas Matérias

Tabule: aprenda a fazer uma salada de quinoa com legumes

Tabule: aprenda a fazer uma salada de quinoa com legumes Tabule: aprenda a fazer uma salada de quinoa com legumes

A culinária árabe é sempre uma forma de diversificar o cardápio sem deixar a saúde e o paladar de lado. O tabule é a prova disso: trata-se de uma salada...

> Leia mais
Como montar um prato saudável para o almoço em 3 passos

Como montar um prato saudável para o almoço em 3 passos Como montar um prato saudável para o almoço em 3 passos

Acertar como montar um prato saudável para o almoço é mais fácil do que você imagina. Não são poucas as pessoas que têm dificuldade em seguir uma rotina...

> Leia mais
Chá de camomila e outras 3 ideias de chá de flor para experimentar

Chá de camomila e outras 3 ideias de chá de flor para experimentar Chá de camomila e outras 3 ideias de chá de flor para experimentar

O chá de camomila é bastante conhecido por ter efeito calmante e sedativo. Mas sabia que ele pode trazer vários outros benefícios? Quando consumido...

> Leia mais
Mingau de aveia: conheça os ingredientes para uma versão fit da receita

Mingau de aveia: conheça os ingredientes para uma versão fit da receita Mingau de aveia: conheça os ingredientes para uma versão fit da receita

O mingau de aveia é sempre uma opção de receita bem versátil e saborosa para quem procura uma alimentação mais saudável e equilibrada no dia a dia. Mas sabia...

> Leia mais
Zinco: para que serve o mineral e onde encontrá-lo

Zinco: para que serve o mineral e onde encontrá-lo Zinco: para que serve o mineral e onde encontrá-lo

Os sais minerais cumprem várias funções importantes no organismo: contribuem para a síntese de proteínas, para a produção de hormônios, fortalecem os...

> Leia mais
Mel ou melado de cana? Conheça os benefícios e formas de usar esses ingredientes

Mel ou melado de cana? Conheça os benefícios e formas de usar esses ingredientes Mel ou melado de cana? Conheça os benefícios e formas de usar esses ingredientes

As diferenças entre mel e melado de cana vão além da maneira como os ingredientes são produzidos, viu? Ambos são ótimas alternativas ao açúcar cristal para...

> Leia mais
Natação: saiba o que comer antes e depois do treino para aproveitar benefícios

Natação: saiba o que comer antes e depois do treino para aproveitar benefícios Natação: saiba o que comer antes e depois do treino para aproveitar benefícios

A natação é um esporte aquático muito famoso ao redor do mundo. A prática física acontece majoritariamente em piscinas e é considerada uma atividade...

> Leia mais
Mitos e verdades sobre comida congelada: veja a opinião de uma nutricionista

Mitos e verdades sobre comida congelada: veja a opinião de uma nutricionista Mitos e verdades sobre comida congelada: veja a opinião de uma nutricionista

Comida congelada e saudável existe e pode ser muito bem aproveitada no dia-a-dia! Apesar dos mitos a respeito dos produtos conservados no freezer, é fato que...

> Leia mais
Suco de limão: os benefícios e 3 versões para fazer em casa

Suco de limão: os benefícios e 3 versões para fazer em casa Suco de limão: os benefícios e 3 versões para fazer em casa

Suco de limão é aquela opção refrescante para quem quer hidratar o corpo e garantir boas doses de energia para o organismo! No verão e em qualquer outra...

> Leia mais
Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio

Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio

Quer dar uma diferenciada no cardápio no fim de semana? A comida mediterrânea é uma opção saudável para curtir uma noite de receitas estrangeiras com a...

> Leia mais