Conheça os tipos de laranja mais comuns e saiba como usá-los da melhor forma

Laranja é fonte de vitamina C, sendo portanto um poderoso antioxidante
Laranja é fonte de vitamina C, sendo portanto um poderoso antioxidante

A laranja é quase uma fruta universal. Afinal, você conhece algum lugar onde seu suco simplesmente não exista? Mas essa não é a única forma de aproveitar seus benefícios, já que ela pode aparecer do preparo de doces ou mesmo ser utilizada em chás e águas aromatizadas. Só que o que muita gente não sabe (ou esquece) é que há vários tipos de laranja, e que cada uma delas possui um sabor distinto. Só há uma coisa na qual elas se assemelham: nos benefícios.

Laranja é fonte de vitamina C

Algo que costuma ser mencionado a respeito da laranja é que ela é muito rica em vitamina C, tanto é que aparece como sabor em medicamentos que possuem esse nutriente. Mas quais os seus benefícios? Em primeiro lugar ela é um poderoso antioxidante, o que significa que ajuda a evitar doenças, que podem ser tratar tanto de um câncer quanto de uma simples gripe. Isso sem falar que impede o envelhecimento precoce. Pois é, por isso ela é muito bem-vinda quando as pessoas apresentam sintomas de resfriado, já que ela irá deixar o sistema imunológico mais forte. Outro ponto benéfico da vitamina C é que ela auxilia a absorção de ferro, sendo essencial para combater a anemia.

Fruta cítrica hidrata e melhora a cicatrização

Achou que a laranja tivesse apenas vitamina C? Nada disso! Ela é rica em açúcar e carboidratos, e por isso perfeita para dar energia. Isso sem falar que, por possuir muito líquido, seu consumo é uma ótima forma de hidratar o corpo. Aliás, ela ajuda a regular o pH da urina, evitando possíveis problemas renais. Mas seus benefícios vão além. Essa fruta tem muitas fibras, que auxiliam o sistema digestivo e ajudam a regular o intestino. Por fim, além de ser um ótimo calmante ela é rica em fitonutrientes, que ajudam no processo de cicatrização do corpo.

Laranja-bahia não possui sementes e é fácil de descascar

A primeira fruta que merece destaque é a laranja-bahia, que em alguns lugares do Brasil também é chamada de laranja-de-umbigo. O motivo? Uma de suas extremidades possui uma ponta mais acentuada, e se assemelhando a um umbigo. Sua casca é bem amarela, e por isso é fácil identificá-la no mercado ou na feira. Embora ela possa virar um delicioso suco, é muito indicado consumi-la em sua forma crua porque ela é fácil de descascar e não possui sementes. Calma, isso não significa que ela seja transgênica, porque essa mutação ocorreu de forma natural há dois séculos, época que ela era plantada no estado da Bahia. Pois é, é daí que vem o seu nome. Por possuir essa "vantagem" ela muitas vezes é colocada em saladas ou utilizada como complemento de pratos.

Laranja-pêra não é muito ácida e produz um ótimo suco

Já a laranja-pêra pode ser identificada graças ao seu tamanho, que é menor que o de outras espécies. Aliás, entre todas elas essa é a mais cultivada em nosso país, por isso não seria estranho se ela fosse também a mais conhecida em todo o território nacional. Além de não possuir muita acidez, seu sabor é adocicado, e por isso muitos preferem consumi-la em sua forma natural. Ao mesmo tempo, dela também pode ser feito um ótimo suco.

Laranja-lima é indicada a crianças e idosos por ser doce e sem acidez

Embora não tenha nenhum formato que chame particularmente a atenção, ela é muito indicada para consumo por não ter nenhuma acidez e sem bem doce. Pois é, neste caso é difícil ver alguém que a utilize para fazer um suco, mas a fruta pode servir como um ótimo ingrediente para caldas e doces de uma maneira geral. Além disso, por não ser ácida ela costuma ser mais indicada a crianças pequenas e a idosos.

Laranja da terra possui fins medicinais

Também conhecida como laranja-cavalo, laranja-da-china e laranja-azeda, esse tipo é conhecido pelo seu sabor mais amargo. Não é toa que é comum utilizá-lo para fazer compotas ou mesmo geleias. Além de pequena, a fruta possui um formato mais achatado e é lembrada principalmente pelos seus fins medicinais. Por é, se estiver precisando de um bom expectorante talvez seja uma boa ideia tomar o seu suco.

Laranja-seleta possui polpa suculenta e é utilizada no preparo de diversas receitas

Com uma casca ligeiramente amarelada, a laranja-seleta possui pouca acidez e é muito utilizada no preparo de sucos. Aliás, acredita-se que tenha sido a partir dela que surgiu a laranja-bahia, devido às suas características similares. Sua polpa é muito suculenta, e por isso ela muito utilizada em diversas receitas, como bolos.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais
Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Presente na nossa alimentação antes mesmo de o Brasil ser descoberto pelos portugueses, a mandioca (também chamada de macaxeira ou aipim) é uma raiz...

> Leia mais
6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente 6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

Separar poucos minutos do dia para meditar, relaxar o corpo e a mente pode ser algo muito benéfico, sabia? Cuidar da saúde mental e emocional requer pequenos...

> Leia mais
Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo

Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo

Os minerais, de uma forma geral, são muito importantes para a saúde dos sistemas nervoso, muscular, esquelético e digestivo, além de garantirem equilíbrio...

> Leia mais