Leptina e grelina: entenda a relação desses hormônios com a obesidade

Leptina e grelina são hormônios responsáveis por regular o apetite e, em casos de obesidade, tendem a ficar em desequilíbrio no organismo
Leptina e grelina são hormônios responsáveis por regular o apetite e, em casos de obesidade, tendem a ficar em desequilíbrio no organismo
Carine Rodrigues

Consultor:

Carine Rodrigues

Formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), é pós-graduanda em Terapia Nutricional pela GANEP.

Você sabia que existem hormônios responsáveis por incentivar e inibir o nosso apetite? A leptina e a grelina, em especial, são substâncias que ajudam no controle da gordura corporal e precisam estar sempre em equilíbrio no organismo. Para entender melhor o funcionamento desses hormônios e sua relação com a obesidade, nós conversamos com a nutricionista Carine Rodrigues, que esclareceu vários pontos importantes.

Para começar, a nutricionista destaca que a obesidade, em muitos casos, pode desencadear problemas de saúde bem graves e, por isso, deve ser encarada com seriedade. "A obesidade é um distúrbio do metabolismo, sendo considerada um problema de saúde pública muito frequente nos dias atuais. O excesso de tecido adiposo, principalmente na região abdominal, está intimamente relacionado ao risco de desenvolvimento de doença arterial coronária, hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus e dislipidemias (problemas de colesterol alto). A maior parte dessas doenças está relacionada à ação do tecido adiposo como órgão endócrino, uma vez que os adipócitos (células que armazenam gorduras) sintetizam diversas substâncias que atuam no metabolismo e controle de diversos sistemas", explica a profissional.

Qual a função da leptina e grelina no organismo?

A leptina e a grelina são basicamente hormônios produzidos por células armazenadoras de gordura que cumprem função importante no controle da composição de gordura do corpo.

"Dentre as diversas substâncias sintetizadas pelos adipócitos, destaca-se a leptina, um peptídeo responsável pela saciedade, que desempenha um papel importante na regulação da ingestão alimentar e no gasto energético, gerando um aumento na queima de energia e diminuindo a ingestão alimentar. A grelina, ao contrário da leptina, é um hormônio que estimula o apetite, é produzido pelas células do estômago e está diretamente envolvida na regulação a curto prazo do balanço energético. Além disso, estimula a lipogênese (síntese de gorduras) e reduz a taxa metabólica", afirma Carine.

Obesidade pode criar um quadro de resistência à leptina

Sabe quando o corpo cria resistência a determinado hormônio ou substância? Isso ocorre, por exemplo, no caso da diabetes - em que o organismo acaba ficando resistente à insulina, o que dificulta (ou impossibilita) o metabolismo da glicose. De acordo com a nutricionista, no caso de pessoas obesas é possível que esse tipo de problema ocorra com outros hormônios. "O excesso de peso eleva os níveis plasmáticos de leptina, originando uma resistência à sua ação no organismo, acarretando em um desequilíbrio entre a ingestão de alimentos e o gasto energético. A perda de peso é capaz de restabelecer esse equilíbrio, melhorando a qualidade de vida dos indivíduos", explica.

Já a grelina, ao contrário do esperado, é encontrada em taxas menores em pessoas obesas. O que acontece é que, nesse caso, existe uma sensibilidade maior com relação à substância - levando em conta que a grelina, além de estimular o apetite, também cumpre papel importante na via de recompensa do cérebro (responsável por processar informações relacionadas à sensação de prazer e satisfação na hora de comer, por exemplo).

De acordo com a nutricionista, uma boa dica para se manter saudável e garantir equilíbrio às funções hormonais é dar preferência a comidas mais naturais sempre que possível. "Alimentos ricos em fibras, proteínas e gorduras boas contribuem para aumentar a saciedade e diminuir a ingestão de alimentos, auxiliando no controle de peso e gordura corporal", finaliza Carine.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como preparar agrião? Descubra diferentes maneiras de consumir o vegetal

Como preparar agrião? Descubra diferentes maneiras de consumir o vegetal Como preparar agrião? Descubra diferentes maneiras de consumir o vegetal

Incluir vegetais verde-escuros na dieta é uma boa dica para aumentar o consumo de ferro, fibras e vitaminas que fortalecem a imunidade. O agrião, por...

> Leia mais
A receita de doce de casca de maracujá para evitar o despedício da fruta

A receita de doce de casca de maracujá para evitar o despedício da fruta A receita de doce de casca de maracujá para evitar o despedício da fruta

Aproveitar os alimentos em sua totalidade - usando casca, polpa, talo e sementes - é uma ótima forma de ser sustentável (evitando desperdícios) e...

> Leia mais
5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor 5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

Praticar exercícios físicos de forma regular e equilibrada - mesmo em dias mais quentes - é importante para a saúde mental e corporal. No entanto, durante o...

> Leia mais
Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Usada para tratar inflamações e amenizar sintomas de gripes e resfriados, como tosse e coriza, a equinácea (Echinacea ssp.) é uma planta medicinal...

> Leia mais
6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo 6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

Rica em fibras alimentares, ômega 3 e minerais importantes, a chia é uma semente altamente nutritiva geralmente usada em dietas restritivas, já que é...

> Leia mais
O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

Após colocar piercing, fazer tatuagem ou realizar procedimentos cirúrgicos, é muito importante evitar certos alimentos e ter uma dieta que contribua para o...

> Leia mais
Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Equilíbrio, flexibilidade e força. Você sabia que essas três palavrinhas estão associadas a praticamente todos os tipos de ginástica? Classificada em...

> Leia mais
Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Entre as espécies de boldo mais utilizadas para tratar problemas como gastrite, gripes e resfriados, o boldo-da-terra e o boldo-do-chile são duas que...

> Leia mais
5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde 5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

Usar farinha de linhaça no preparo de omeletes, pães, biscoitos, panquecas e até vitaminas no dia a dia é uma ótima forma de fortalecer o organismo....

> Leia mais
Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Nativo da região amazônica e consumido em todo o Brasil, o açaí é uma fruta altamente nutritiva (rica em cálcio, potássio, ferro, vitaminas A, C, do complexo...

> Leia mais