Fast-food saudável? Aprenda a substituir alimentos gordurosos por nutritivos

Combinar pão integral com salada é uma ótima forma de preparar um hambúrguer saudável
Combinar pão integral com salada é uma ótima forma de preparar um hambúrguer saudável

Produto recomendado

Farinha integral Taeq

Farinha integral Taeq

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Hambúrguer, batata frita, refrigerantes, pizza... São muitas opções irresistíveis de fast-food! Por isso, para a maioria das pessoas seguir uma alimentação saudável não é assim tão fácil se não houver muito foco e determinação - afinal, pelo menos no começo, todos esses lanches parecem muito mais apetitosos que uma salada.

Mas você sabia que é possível fazer algumas substituições que não tornem tão difícil assim dizer adeus a esse tipo de comida? Para te ajudar nessa missão, conversamos com a nutricionista Sheila Basso, que alertou sobre os malefícios do fast-food e deu ótimas dicas para preparar lanches nutritivos em casa.

Não é só questão de estética: fast-food em excesso faz mal para a saúde

Cortar o fast-food é uma das primeiras ações de quem começa uma dieta para perder peso. No entanto, não é só quem deseja perder alguns quilos que precisa se preocupar com esse tipo de alimento: independentemente das medidas do corpo, hambúrguer, batata frita e derivados devem ser consumidos com muita cautela por fazerem mal para a saúde. "Dentre os diversos malefícios que consumo excessivo desse tipo de alimentação traz, podemos listar hipertensão, diabetes, obesidade e colesterol alto", esclarece a nutricionista Sheila Basso.

Mas, apesar desse alerta já ser muito conhecido, a profissional aponta que muitas pessoas preferem continuar apostando no fast-food por conta da praticidade e do sabor que só esse tipo de comida tem. Por isso, para ficar mais fácil se despedir do lanche - ou, pelo menos, diminuir o consumo -, ela dá a dica de fazer substituições que vão deixar a refeição gostosa e nutritiva ao mesmo tempo.

Atenção redobrada com as crianças! Dica é fazer substituições que tornem a comida mais atraente

Se para um adulto já é difícil trocar o combo de hambúrguer com batata frita por uma salada, imagina para uma criança que já estava acostumada com esse tipo de lanche? Por isso, a dica de Sheila Basso é apostar em alimentos nutritivos que lembrem o fast-food que elas tanto gostam para que fique mais fácil fazer com que se alimentem bem e fiquem longe dos riscos que vêm junto com as refeições gordurosas e altamente calóricas. "Já pensou em oferecer para as crianças água com gás misturada às frutas no lugar do refrigerante? Ou batatas assadas crocantes ao invés de batata frita? Outra dica importante é também oferecer alimentos saudáveis de maneira divertida, como bolachas caseiras em forma de bichinhos ou espetinhos de frutas, por exemplo", recomenda.

De acordo com a nutricionista, é importante não fazer proibições - mas sim tentar alternativas mais saudáveis. "A pipoca, por exemplo, ao invés daquela preparada no micro-ondas, com todos os conservantes, pode ser a pipoca feita na panela, com pouco sal e óleo", diz.

Preparar o lanche em casa é a melhor maneira de fugir das opções pouco saudáveis

Assim como as crianças, adultos também devem apostar em substituições saudáveis e saborosas para ficarem bem longe do fast-food - e, para isso, o ideal é preparar os lanches na própria casa. A pizza, por exemplo, pode ser feita com farinha integral e ingredientes menos calóricos para que fique mais leve.

Já com o hambúrguer, uma das maiores tentações para quem quer seguir uma rotina saudável, Sheila Basso dá a receita ideal para que o lanche fique nutritivo e tão delicioso quanto um fast-food: "Escolha uma carne magra - como o patinho ou maminha, no caso da bovina. Para facilitar, compre a carne já moída. Pegue tempero, cebola, ovo e farinha de aveia. Misture-os com a carne e você já terá o hambúrguer pronto para ir ao fogo. Para fechar, acrescente salada, pão de hambúrguer integral, molho sem adição de açúcar e batatas rústicas assadas ou feitas em fritadeira elétrica", finaliza.

Viu como alimentação regrada não precisa ser sinônimo de sofrimento? Dessa forma, você consegue comer bem sem precisar dizer adeus a um lanche que gosta.

* Sheila Basso (CRN 21.557) é especialista em nutrição clínica e em obesidade, emagrecimento e saúde pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)

Receitas:
Carne bovina
Ver Mais

Últimas Matérias

6 alimentos ricos em catequinas, substâncias com forte ação antioxidante

6 alimentos ricos em catequinas, substâncias com forte ação antioxidante 6 alimentos ricos em catequinas, substâncias com forte ação antioxidante

No universo dos antioxidantes, existem diversas moléculas (como os flavonoides e polifenóis) que apresentam ação antienvelhecimento e anti-inflamatória. As...

> Leia mais
Fruta pequi é fonte de vitaminas e minerais! Conheça esse alimento do cerrado

Fruta pequi é fonte de vitaminas e minerais! Conheça esse alimento do cerrado Fruta pequi é fonte de vitaminas e minerais! Conheça esse alimento do cerrado

Nativo do Cerrado brasileiro, o pequi é um fruto de casca verde-escura que possui espinhos no caroço (debaixo da polpa) e se destaca por ser altamente...

> Leia mais
Há alimentos que causam apendicite? Saiba o que evitar comer

Há alimentos que causam apendicite? Saiba o que evitar comer Há alimentos que causam apendicite? Saiba o que evitar comer

Você sabia que a apendicite (tipo de inflamação aguda no apêndice) pode ser causada por conta de descuidos com a alimentação? Ter uma dieta saudável - livre...

> Leia mais
Já provou molho de abacate para salada? Aprenda a prepará-lo

Já provou molho de abacate para salada? Aprenda a prepará-lo Já provou molho de abacate para salada? Aprenda a prepará-lo

Incrementar saladas de folhas e legumes com molhos, sementes ou cereais é uma ótima forma de diversificar a alimentação diária. Você sabia que é possível...

> Leia mais
5 tipos de comida japonesa para conhecer melhor a culinária nipônica

5 tipos de comida japonesa para conhecer melhor a culinária nipônica 5 tipos de comida japonesa para conhecer melhor a culinária nipônica

Conhecida por ser uma culinária rica em alimentos sazonais e fruto de diversas mudanças políticas e sociais em seu país de origem, a comida japonesa (também...

> Leia mais
Suco congelado é ótimo para aproveitar nutrientes das frutas! Saiba armazená-lo

Suco congelado é ótimo para aproveitar nutrientes das frutas! Saiba armazená-lo Suco congelado é ótimo para aproveitar nutrientes das frutas! Saiba armazená-lo

Você sabia que o suco congelado é uma ótima opção para aproveitar os nutrientes da fruta? Além de trazer mais praticidade para o dia a dia, a bebida consegue...

> Leia mais
4 receitas com farinha de coco que são supersaudáveis

4 receitas com farinha de coco que são supersaudáveis 4 receitas com farinha de coco que são supersaudáveis

Nutritiva, saborosa e superversátil, a farinha de coco é o ingrediente perfeito para quem gosta de colocar a mão na massa e cozinhar receitas saudáveis!...

> Leia mais
4 chás abortivos que grávidas não devem consumir jamais

4 chás abortivos que grávidas não devem consumir jamais 4 chás abortivos que grávidas não devem consumir jamais

Tomar chá é ótimo para tranquilizar a mente, aliviar dores, tratar inflamações e outros problemas de saúde. Mas você sabia que, em alguns casos, esse tipo de...

> Leia mais
Os alimentos ricos em colágeno indicados para manter a saúde da pele

Os alimentos ricos em colágeno indicados para manter a saúde da pele Os alimentos ricos em colágeno indicados para manter a saúde da pele

Fontes de uma das proteínas mais abundantes do organismo, os alimentos ricos em colágeno são essenciais para manter a saúde da pele! Para quem não sabe, a...

> Leia mais
Para que serve o DHEA, o famoso 'super-hormônio'

Para que serve o DHEA, o famoso 'super-hormônio' Para que serve o DHEA, o famoso 'super-hormônio'

Você já ouviu falar no DHEA e sabe da sua importância no organismo? Considerado um super-hormônio, ele cumpre importantes funções metabólicas e, quando está...

> Leia mais