Check-up médico completo: Por que é tão importante fazer? Veja por onde começar

O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro
O check-up médico completo é essencial para manter o corpo saudável e detectar qualquer problema no futuro

Você já marcou o seu check-up médico? Ou, pelo menos, lembra-se da última vez que fez algum exame clínico? Pois é, estar atento aos sinais do seu corpo é um importante começo, porém, ter um acompanhamento profissional periódico também é fundamental para garantir saúde, vitalidade e bem-estar, prevenindo ou tratando qualquer problema futuro que possa acontecer.

O check-up é uma avaliação médica completa e de rotina. Normalmente, ele é realizado de uma a duas vezes ao ano, dependendo da idade da pessoa e do histórico familiar. Nesses exames são feitos testes cardíacos, sanguíneos, das musculaturas e ossos do corpo, visão, etc. Segundo o cardiologista, Dr. Gabriel Dotta, o check-up é importante para a detecção e o tratamento precoce de possíveis doenças:

"A medicina está em constante evolução. O aprimoramento das pesquisas de muitas doenças crônicas trouxe avanços expressivos nos métodos diagnósticos e nos tratamentos disponíveis. Diante destes novos conceitos, a tecnologia aliada a um bom profissional médico faz com que as ações preventivas sejam muito mais eficazes", explica o profissional.

Como e quando começar o check-up médico? Veja algumas recomendações

Teoricamente, o check-up médico começa desde quando estamos no ventre da nossa mãe, com o exame pré-natal. Quando crianças, nós frequentamos regularmente o pediatra e ao chegar à adolescência, momento que normalmente ficamos mais displicentes com a nossa saúde, até chegar à fase adulta e os problemas começarem a aparecer, afinal, é nesse tempo que ocorrem as principais mudanças e maturidade do nosso corpo.

Próximo aos 30 anos, ou a partir dele, o check-up se torna quase uma obrigação, por isso, o Dr. Gabriel Dotta indica: "O indivíduo deve começar sempre conversando com um profissional médico que possa acompanhá-lo durante a vida. Ele fará os primeiros exames e acompanhará os resultados, avaliando o paciente como um todo. O check-up varia conforme a faixa etária e o gênero. A história familiar dá informações importantes sobre o componente genético", analisa o médico.

Check-up completo: Quais são os exames mais pedidos?

Essa avaliação clínica é composta de exames físicos e solicitação de exames complementares laboratoriais ou de imagem. Veja a lista de alguns dos principais pedidos:

- Medição da pressão arterial: Essa técnica ocorre a partir dos 18 anos e é feita para ter o controle, diminuindo os riscos de infartos e derrames no caso da hipertensão.

- Hemograma completo: É o famoso exame de sangue com todas aquelas solicitações para o controle de colesterol, hemoglobinas, glicemia, células vermelhas e brancas. Geralmente é feito uma vez no ano desde os primeiros anos de vida. É importante para notar o estado sanguíneo e do sistema imune, apontando infecções e outras complicações. Nesse pedido está incluso as análises de fezes e urina.

- Teste Ergométrico e eletrocardiograma: São pedidos, geralmente, a partir dos 20 anos de idade. Esses exames são fundamentais para apurar as condições cardiovasculares do paciente e prevenir complicações cardíacas.

- Ecocardiograma: Um dos exames mais pedidos e essenciais após os 40 anos de idade. Essa investigação serve para ficar atento à saúde do coração.

- Exames oftalmológicos: Exames de fundo de olho e da pressão se tornam mais comum após os 30 anos. Essa investigação ajuda a prevenir o glaucoma, por exemplo, diminuindo os riscos da degeneração macular.

Para as mulheres:

- Exames ginecológicos: O tradicional preventivo deve ser feito anualmente, no início da vida sexual da mulher. Além da ultrassonografia transvaginal e mamária que ajudam a detectar lesões, alterações do útero e atua na prevenção do câncer.

- Mamografia: Esse exame é fundamental para a detecção do câncer de mama, muito comum nas mulheres. É exigido a partir dos 30 anos, porém, se torna obrigatório anualmente a partir dos 40.

"Homens e mulheres são encorajados a realizar check-ups anuais, principalmente após os 40 anos, pois muitas doenças crônicas são silenciosas, por exemplo, as cardiovasculares e as neoplasias", ressalta o Dr. Gabriel Dotta.

Tenha bons hábitos de vida: A sua saúde agradece

Segundo o cardiologista, além de estar em dia com os exames, cultivar hábitos saudáveis é importante: "Os hábitos saudáveis de vida (alimentação de qualidade, não fumar, manter-se no peso ideal, praticar atividade física regular, dormir bem e diminuir o estresse diário) diminuem as chances de o paciente desenvolver problemas de saúde. Os check-ups periódicos com o acompanhamento médico tem por objetivo enxergar o que os olhos não conseguem ver", finaliza.

* Dr. Gabriel Dotta é cardiologista e especialista em medicina interna. Graduado em medicina pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), especialista em medicina interna/clínica médica (SES/SC) e especialista em cardiologia pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) – CRM-SP 172.476 / www.drgabrieldotta.com.br

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Fibras e diabetes: entenda como o nutriente é essencial para quem tem a doença

Fibras e diabetes: entenda como o nutriente é essencial para quem tem a doença Fibras e diabetes: entenda como o nutriente é essencial para quem tem a doença

Você sabia que dietas ricas em fibras (com grãos, sementes, cereais e alimentos integrais) ajudam a controlar a diabetes? Elas mantêm o colesterol...

> Leia mais
Os alimentos brancos para evitar sempre que possível

Os alimentos brancos para evitar sempre que possível Os alimentos brancos para evitar sempre que possível

São muitos os alimentos brancos que costumam fazer parte da nossa dieta (como arroz e farinha de trigo). Mas você sabia que muitos deles, na verdade, não são...

> Leia mais
Pasta de amendoim tem benefícios de sobra! Conheça suas principais vantagens

Pasta de amendoim tem benefícios de sobra! Conheça suas principais vantagens Pasta de amendoim tem benefícios de sobra! Conheça suas principais vantagens

Deliciosamente produzida a partir de amendoim torrado e moído e mais alguns óleos vegetais, a pasta de amendoim tem sabor e cremosidade únicos. E, ao...

> Leia mais
Espinafre refogado, cru e a vapor: como preparar o vegetal de diferentes formas

Espinafre refogado, cru e a vapor: como preparar o vegetal de diferentes formas Espinafre refogado, cru e a vapor: como preparar o vegetal de diferentes formas

Incrementar o seu cardápio diário com espinafre, é investir em superalimento cheio de vitaminas, fibras e muito, muito ferro! Se você ainda tinha alguma...

> Leia mais
Dia Internacional do Riso: 6 motivos para sorrir todos os dias

Dia Internacional do Riso: 6 motivos para sorrir todos os dias Dia Internacional do Riso: 6 motivos para sorrir todos os dias

Uma coisa é certa: por trás de um sorriso tem sempre um motivo. Pode ser algo engraçado, bonito, emocionante ou divertido que serve de gatilho para uma boa...

> Leia mais
Como ser saudável gastando pouco? As dicas para aliar saúde e economia

Como ser saudável gastando pouco? As dicas para aliar saúde e economia Como ser saudável gastando pouco? As dicas para aliar saúde e economia

Seguir uma dieta saudável (com alimentos naturais) não significa necessariamente gastar muito, sabia? Muitas pessoas acreditam que comida saudável é mais...

> Leia mais
Água de coco faz mal para diabéticos? É low carb? Os mitos e verdades da bebida

Água de coco faz mal para diabéticos? É low carb? Os mitos e verdades da bebida Água de coco faz mal para diabéticos? É low carb? Os mitos e verdades da bebida

Água de coco: uma bebida altamente nutritiva, saborosa, refrescante e definitivamente compatível com o verão! Mas como todo bom alimento saudável, há certos...

> Leia mais
Alimentos energéticos, construtores e reguladores: entenda cada um desses grupos

Alimentos energéticos, construtores e reguladores: entenda cada um desses grupos Alimentos energéticos, construtores e reguladores: entenda cada um desses grupos

Você já ouviu falar nos alimentos energéticos, construtores e reguladores? O nome pode até não ser usual, mas esses três grupos alimentares com certeza fazem...

> Leia mais
5 frutas para o pré-treino perfeitas para quem se exercita com frequência

5 frutas para o pré-treino perfeitas para quem se exercita com frequência 5 frutas para o pré-treino perfeitas para quem se exercita com frequência

Manter uma rotina de exercício físico é fundamental para o seu bem-estar. Mas, para fazer isso de forma saudável, você deve montar uma dieta equilibrada, com...

> Leia mais
Cardápio para celíaco e intolerante à lactose: o que você pode preparar sem medo

Cardápio para celíaco e intolerante à lactose: o que você pode preparar sem medo Cardápio para celíaco e intolerante à lactose: o que você pode preparar sem medo

Uma das maiores dificuldades para os que têm algum tipo de intolerância alimentar é montar um cardápio eclético, saudável e com ingredientes acessíveis....

> Leia mais