Tipos de vinagres: Branco, balsâmico, de maçã... Quais são as diferenças?

Existem tantas opções de vinagres no mercado que fica difícil escolher! Tem vinagre orgânico, balsâmico, branco, tinto, de arroz e até vinagre de maçã... Ou seja, possibilidades diversas e diferentes para utilizarmos um dos ingredientes mais conhecidos na culinária, que traz tanto sabor e consistência às comidas. Mas, dentre essas versões, você sabe qual é a mais saudável para o nosso consumo? Conheça alguns tipos desse produto e as peculiaridades que os diferem!

Muito usado para temperos, amaciar carnes, em conservas ou, até mesmo, substituir o sal nas receitas, o vinagre, independente do tipo, é um produto que se destaca pela baixíssima quantidade de calorias e por acrescentar propriedades antioxidantes aos pratos. Segundo a nutricionista Paola Lisboa, embora seja um alimento saudável, as pessoas devem estar atentas ao consumo e escolher as versões mais naturais da iguaria:

"Todos os tipo de vinagre podem ser incluídos em caldos, sopas e em molhos ajudando assim a temperar os alimentos com menos sal. Pessoas com problemas de estômago, como gastrite graves e úlceras devem prestar atenção no consumo, sempre consultar nutricionista para encaixar no seu plano alimentar", explica a nutricionista, analisando, abaixo, as versões de vinagres mais usadas no dia a dia. Confira!

Conheça 7 tipos de vinagre importantes para sua alimentação saudável

1 - Branco: Segundo a nutricionista, o vinagre branco é o mais comumente encontrado. O produto possui baixo valor nutricional e seu sabor é mais picante que os outros. Por ser um alimento popular, seu valor de venda é bem acessível.

2 - Balsâmico: Possui um sabor adocicado e uma boa quantidade de antioxidantes em sua composição, que ajuda a combater doenças cardiovasculares e melhora a digestão. Tem uma cor mais escura que os demais vinagres.

3 - Orgânico: Feito à base de produtos livre de agrotóxicos, essa versão se torna a mais saudável e indicada. "Possui um alto teor de nutrientes usado para dietas de restrição alimentar e perda de peso", analisa Paola.

4 - Vinagre de arroz: Preparado a partir da fermentação do arroz, essa versão do vinagre é leve, adocicada e cheia de nutrientes importantes. Embora seja conhecido para o preparo da culinária japonesa, o vinagre de arroz também cai bem com outros peixes, como o salmão.

5 - Vinagre de frutas: O mais conhecido é o vinagre de maçã, porém, uva, kiwi, manga e laranja, também estão na lista. São boas fontes de agentes antioxidantes para o nosso organismo, além dos minerais e vitaminas presentes.

6 - Vinagre de vinho (tinto e branco): Obtido da fermentação dos vinhos, o vinagre tinto é mais utilizado para o preparo de carnes e o vinagre de vinho branco para saladas de folhas e legumes. São conhecidos por combaterem o colesterol e diminuírem os níveis da pressão arterial.

7 - Vinagre aromatizado: para quem gosta de inovar nas preparações, o vinagre aromatizado é uma boa opção! É incluído especiarias como ervas, alho e outros condimentos que tornam o produto (e a refeição) ainda mais saboroso.

* Paola Lisboa (CRN- 15100233) é nutricionista clínica e funcional e disponibiliza sua rede social para contato e outras informações: Facebook

Ver mais: Alimentação saudável, Receitas light em calorias, Alimentos orgânicos, Carne, Molhos, Acompanhamentos

Últimas matérias