Possui doença celíaca? Nutricionista dá dicas para cortar o glúten do cardápio

Arroz, feijão e vegetais podem fazer parte da dieta de qualquer celíaco
Arroz, feijão e vegetais podem fazer parte da dieta de qualquer celíaco

Quem é celíaco já sabe: glúten é completamente proibido do cardápio. Afinal, pessoas que sofrem com essa doença são intolerantes à proteína, o que significa que se elas não querem sofrer com qualquer tipo de inflamação e desconforto é preciso eliminar de vez qualquer resquício do glúten na alimentação diária. Mas embora essa doença não tenha cura, a boa notícia é que com alguns cuidados é possível viver com ela sem sofrimentos.

Fique atento ao rótulo da embalagem

O primeiro passo para evitar qualquer tipo de desconforto é simplesmente ficar sempre de olho nos rótulos das embalagens. Afinal, desde 2003 existe uma lei que define que a presença ou não de glúten nos alimentos deve estar clara para evitar que a pessoa compre algo que não pode consumir por engano, como lembra a nutricionista Caroline Velloso.

"Devemos nos atentar para os alimentos que não possuem glúten na sua composição, pois durante a fabricação eles podem entrar em contato com os que possuem, ou serem utilizados um mesmo maquinário para o processamento - gerando a contaminação cruzada. Por isso, esses alimentos também devem ser evitados para não causarem prejuízos à saúde do celíaco. Alguns bons exemplos que devem ficar longe da mesa são aveia, queijos fundidos, sopas instantâneas, molhos prontos, carnes embutidas, ketchup e batata frita congelada", afirma.

Como ter uma dieta sem glúten

Mesmo sabendo que é preciso evitar cereais em geral - como trigo, centeio e cevada -, às vezes é difícil ter uma dieta que não tenha o menor traço de glúten. Afinal, para ter uma alimentação balanceada é preciso consumir diferentes alimentos, que vão trazer benefícios variados ao corpo. Por isso, uma boa ideia é combinar alguns ingredientes que não entram na lista de proibidos em diferentes tipos de receitas.

"Para que o paciente celíaco possa manter uma dieta rica em nutrientes, mesmo sem consumir nada com glúten, é preciso ter uma alimentação variada e ser criativo. Os alimentos que naturalmente não possuem glúten e, portanto, podem ser consumidos são, por exemplo: arroz, feijão, frutas, legumes e verduras, carnes, peixe, tapioca, óleos, azeite, sal, açúcar e quinoa", explica Caroline Velloso.

Substituições evitam uma dieta monótona

A nutricionista destaca também que alimentos in natura, como frutas, legumes e verduras, podem ser consumidos à vontade. Já no caso dos que fazem mal a celíacos, a dica é trocar um ingrediente proibido por outro equivalente que possa fazer parte do cardápio.

"O celíaco precisa variar a dieta com a substituição de farinhas que contém glúten, como as de trigo, por farinhas como as de amêndoa, milho, arroz, linhaça, chia e coco. Também é preciso fazer uso amido de milho, polvilho, fécula de batata para realizar preparações mais elaboradas como pães e bolos, com o objetivo de evitar uma dieta monótona e ter uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes mesmo com tamanha restrição", diz.

Cardápio de celíacos pode ter pão, basta cortar o glúten

Por fim, a nutricionista lembra que celíacos não podem comer de jeito nenhum pão, biscoito, cerveja, pizza, salgadinhos, molho branco, barras de cereais, gérmen de trigo, massas e bolos. Ao mesmo tempo, as adaptações são sempre bem-vindas. Você sabia, por exemplo, que é possível preparar um pão sem glúten ou mesmo encontrar um desses no mercado? Pois é, não poder consumir glúten não é o fim do mundo, e é possível continuar aproveitando deliciosas receitas sem abrir mão de uma dieta rica em nutrientes.

Para quem não sabe por onde começar, Caroline Velloso deu uma ajuda e preparou um cardápio especial para celíacos para todas as refeições do dia. Dá uma olhada:

Café da manhã: Pães sem glúten ou tapioca com manteiga e leite com fruta

Lanche da manhã: Salada de fruta

Almoço: Arroz, feijão, filé de frango grelhado com mix de folhas e salada de grão-de-bico

Sobremesa: Melancia

Lanche da tarde: Tapioca com queijo minas e suco de laranja

Jantar: Arroz, filé de peixe cozido, salada de agrião com tomate cereja e beterraba ralada

Sobremesa: Morango

* Caroline Velloso (CRN 18100391) é formada em Nutrição pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e disponibiliza o seu Instagram para contato.

Mais noticias com...
Receitas:
Tapioca
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Você com certeza já ouviu falar do flúor na hora de ir ao dentista, ou nas indicações para comprar algum creme ou enxaguante bucal. Porém, apesar de não...

> Leia mais
Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

A gente sabe que ser saudável não é uma tarefa fácil em um primeiro momento. Afinal, para que ter trabalho levando comida de casa para o trabalho ou...

> Leia mais
Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Quando você chega do mercado o que faz com as compras? Provavelmente guarda cada alimento no seu respectivo destino, certo? O problema é que às vezes surge...

> Leia mais
Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

A cada quatro mães de recém-nascidos brasileiras, uma sofre de depressão pós-parto. Com os hormônios ainda em reajuste, a mulher pode experimentar um período...

> Leia mais
5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado 5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

A água representa 70% do nosso organismo e é essencial para o nosso corpo. Inclusive, beber água é, muitas vezes, receituário médico em diversas situações....

> Leia mais
10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer 10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

Se tem uma coisa que não pode faltar na casa do brasileiro, decididamente, é o feijão. E por aqui a gente tem vários tipos: feijão preto, branco, manteiga,...

> Leia mais
Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

A anorexia é um distúrbio de imagem que faz com que a pessoa se enxergue de maneira muito distorcida da qual ela é de fato (geralmente, com maior peso e...

> Leia mais
O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

Verdade seja dita, a corrida é um dos exercícios mais democráticos que tem. Afinal, não é preciso pagar uma academia para começar a treinar, apenas encontrar...

> Leia mais
6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia 6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

A epilepsia é uma doença do sistema nervoso que se caracteriza pela perda de consciência momentânea, a partir de crises convulsivas, que acontecem de tempos...

> Leia mais
Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Os triglicerídeos (ou triglicérides) são gorduras muito importantes para o nosso corpo. Elas são as calorias ingeridas que o próprio organismo reserva para...

> Leia mais