Celíacos: O que eles podem comer? Veja 5 alimentos para substituir o glúten

É possível viver sem glúten? Sim, e cada vez melhor! Saiba as melhores alternativas para uma dieta celíaca
É possível viver sem glúten? Sim, e cada vez melhor! Saiba as melhores alternativas para uma dieta celíaca

Substituir o glúten em um plano alimentar saudável pode ser mais fácil do que você imagina! Para os celíacos, pessoas intolerantes ou alérgicos à substância, sobram alternativas deliciosas que ajudam a tornar a vida mais leve e natural. Conheça quais são os alimentos que melhor podem suprir o consumo de trigo, aveia e outros cereais nas dietas e descubra novas opções para o seu dia a dia!

Quando nos deparamos com uma alergia ou intolerância alimentar, automaticamente surge a pergunta: "O que eu vou comer agora?". Calma! Quando o assunto é alimentação saudável, tudo tem jeito. No caso do glúten, por exemplo, os celíacos ganham, a cada dia, alternativas gostosas e nutritivas, principalmente ao evitar a farinha de trigo e outras fontes da substância do plano alimentar, como explica a nutricionista Carine Rodrigues:

"A pessoa que possui a doença celíaca não pode consumir alimentos que contenham trigo, aveia, centeio, cevada, malte e seus derivados. É importante estar sempre atento aos rótulos, além disso, os fabricantes são obrigados a informar se há presença ou não de glúten. Verificar se na preparação há presença de farinha de trigo, ou gérmen de trigo, ou farelo de trigo, ou malte, ou centeio, ou cevada, ou aveia, ou farinha de rosca", explica a profissional.

Como substituir o glúten no dia a dia?

Primeiramente, vale ressaltar que, toda e qualquer restrição alimentar deve ser feita mediante um acompanhamento profissional, visto que alguns nutrientes devem ser devidamente substituídos e repostos no plano alimentar.

1 - Farinha de arroz: Na hora de preparar um bolo, uma massa de pizza ou um pão caseiro, substitua o trigo pela farinha de arroz. Esse alimento, além de não conter glúten é fonte de proteínas, fibras alimentares, controla os níveis de açúcar e ajuda no fortalecimento e bom desenvolvimento dos ossos e músculos.

2 - Pães (francês ou de forma): Esses alimentos que fazem parte diariamente dos nossos lanches e café da manhã podem ser substituídos pelos pães sem glúten, disponíveis em diversas prateleiras dos mercados. Ou, se você preferir, podem ser feitos em casa, com a farinha arroz.

3 - Biscoitos: Assim como os pães, os snacks e biscoitos integrais são substituídos pelo biscoito de polvilho, de milho e também de arroz. Esses alimentos são produzidos com as farinhas livres de glúten, impedindo que cause alergia aos intolerantes.

4 - Pizza: É hora de optar pelas pizzas saudáveis... Já pensou em fazer massa de pizza de couve flor? Pois é, alimentos como a couve flor e brócolis podem se tornar massas e transformar o lanche em um prato mais saudável e nutritivo. Outra opção é fazer pizza com os vegetais, tais como berinjela e a abobrinha.

5 - Bebidas: Café e achocolatados também contém glúten, por isso atente-se! É possível optar pelo cacau em pó, porém, se adapte aos chás e sucos naturais, misture suas frutas favoritas e torne a sua alimentação mais equilibrada.

*Bebidas alcoólicas - Cervejas e whisky, podem ser substituídos por cerveja sem glúten, vinhos e champanhe, sempre com a devida moderação.

Os cuidados com a dieta restritiva do glúten

Tirar o glúten do dia a dia não é uma tarefa fácil, principalmente para quem já está acostumado com um plano alimentar. Porém, para quem sofre com a alergia, é necessário estar atento às necessidades do organismo e suprir os nutrientes necessários, por isso, um acompanhamento com um nutricionista é altamente importante para o bem-estar.

"O tratamento para a doença celíaca é a retirada de alimentos que contenham glúten. Quando um celíaco consome o glúten, o seu sistema imunológico reconhece esta proteína como um "inimigo" e reage contra ela, podendo levar a morte", finaliza a nutricionista.

* Carine Rodrigues (CRN 16101174) é nutricionista clínica e esportiva e especialista em emagrecimento e reeducação alimentar. A profissional disponibiliza suas redes sociais para contato:Facebook e Instagram

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Gergelim preto ou branco? Descubra as diferenças e vantagens de cada um deles

Gergelim preto ou branco? Descubra as diferenças e vantagens de cada um deles Gergelim preto ou branco? Descubra as diferenças e vantagens de cada um deles

Muito usada no preparo de pães, saladas e molhos, a semente de gergelim é fonte de nutrientes fundamentais para o organismo, como fibras, ferro, vitaminas do...

> Leia mais
Receitas com abacate: 7 opções para aproveitar os nutrientes da fruta

Receitas com abacate: 7 opções para aproveitar os nutrientes da fruta Receitas com abacate: 7 opções para aproveitar os nutrientes da fruta

Fonte de vitaminas, minerais e fibras, o abacate é um superalimento que pode ser preparado de diversas maneiras. Basta usar a criatividade para inventar...

> Leia mais
O que são ácidos graxos trans e por que seu consumo é tão temido

O que são ácidos graxos trans e por que seu consumo é tão temido O que são ácidos graxos trans e por que seu consumo é tão temido

Você já ouviu falar nos ácidos graxos trans? Também conhecidos como "gorduras trans", essas substâncias são altamente danosas para o organismo,...

> Leia mais
Ayurveda é boa para a azia? E para a acne? Saiba o que essa medicina pode tratar

Ayurveda é boa para a azia? E para a acne? Saiba o que essa medicina pode tratar Ayurveda é boa para a azia? E para a acne? Saiba o que essa medicina pode tratar

A Ayurveda (ou Ayurvédica), para quem ainda não conhece, é uma medicina indiana milenar, considerada uma das ciências da saúde mais antigas que existem. Não...

> Leia mais
Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Na hora de montar o prato do almoço tem gente que ama caprichar na quantidade de carne, né? Só que isso não é algo muito indicado para quem busca uma...

> Leia mais
Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Originário da China e do Vietnã, o anis-estrelado é uma planta medicinal fonte de nutrientes importantes e rica em propriedades terapêuticas: auxilia na...

> Leia mais
Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

É difícil associar a farofa a uma alimentação saudável, né? Afinal, esse prato (que não costuma faltar no churrasco brasileiro) é geralmente preparado com...

> Leia mais
Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Imagine esta cena: você está em um restaurante, e observa algumas pessoas, seja um grupo de amigos ou uma família, em volta de uma mesa com suas refeições,...

> Leia mais
7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca 7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

Para aproveitar todos os nutrientes que os alimentos têm a oferecer, é importante que você consuma não apenas a polpa, mas também as suas cascas e sementes....

> Leia mais
Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

É muito bom descobrir maneiras novas de preparar os alimentos, né? Seja usando temperos ou métodos de cozimento variados, é sempre possível inovar na...

> Leia mais