Dos jardins para o seu prato: Conheça 5 flores comestíveis e ricas em nutrientes

Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.
Se não bastasse serem lindas e perfumadas, algumas flores também podem fazer parte da nossa alimentação. Ricas em diversos nutrientes e, até certo ponto, saborosas, elas combinam perfeitamente com os ideais dos bons hábitos alimentares.

Flores.. As flores são lindas, perfumadas, inspiradoras e... Muito nutritivas! Apesar de muita gente estranhar, diversos tipos de flores são comestíveis, fazem muito bem à saúde, e se encaixam perfeitamente nas mais diversas variações gastronômicas, deixando qualquer prato mais colorido, rico e saboroso.

Mas, antes de sair catando flores do seu jardim de qualquer maneira, calma. As flores comestíveis são cultivadas por produtores especializados, sem o uso de agrotóxicos e tratamentos químicos. A nutricionista Carolina Baliere explica:

"As flores comestíveis são muito utilizadas na cozinha asiática. Além de ficar lindo, aproveitamos o benefício funcional das plantas. Temos vários tipos de flores como flor de hibiscus, calêndula, capuchinha, por exemplo, que tem funções antioxidantes, diuréticas, anti-inflamatórias, ricas em vitamina C e potente função de desintoxicação, ou seja, ajuda na limpeza do fígado. Além de ajudar no aumento da imunidade e favorecer para um emagrecimento saudável." destacou a nutricionista Carolina Baliere.


Algumas sugestões de flores comestíveis

As melhores formas de consumir as flores comestíveis são acrescentá-las em sopas, saladas cruas e tortas, basta ter criatividade e alguns cuidados extras. É extremamente importante ter precaução com o excesso e com a sua procedência; sempre preferir as orgânicas e ter certeza de quais são as flores indicadas para a alimentação, pois outras opções das plantas são tóxicas. Não exagerar na quantidade também é importante, pois possuem sabores fortes. Por isso, antes de aderir qualquer flor à alimentação, consulte a ajuda de um profissional de saúde que esteja fazendo o acompanhamento.

- Calêndula: É conhecida por muitos graças aos seus efeitos benéficos para o estômago, aliviando e tratando problemas como gastrites, úlceras, abscessos e azias. Por possuir poderosas propriedades cicatrizantes, a planta é eficaz para ferimentos de aspecto geral, como queimaduras, assaduras, frieiras, foliculites, verrugas, veias dilatadas, varizes, cortes, dermatites, acnes e escaras.

- Flor de abóbora: Apesar de não durar muito na geladeira a planta é rica em fósforo e cálcio, importantes nutrientes para o fortalecimento dos ossos e muito recomendadas para pessoas com problema de osteoporose. A flor de abóbora também é eficiente na formação de enzimas reparadoras e enzimas anticancerígenas, que ajudam a bloquear o desenvolvimento das células malígnas.

- Amor perfeito: Uma flor bem versátil que auxilia no tratamento de problemas de pele, como dermatite e acne, resfriados, gripe, tosse seca, dor de cabeça, pressão arterial alta, febre, reumatismo, gota, infecções urinárias ou prisão de ventre. Além de possuir propriedades anti-inflamatórias, calmantes, laxantes e diurética. Lindos e coloridos vão deixar seu prato mais vivo.

- Lavanda: Delicada e bem perfumada, a lavanda é conhecida por seu efeito calmante e sedativo, além de ser facilmente inserida na alimentação. Pode ser incorporada em diferentes receitas, doces ou salgadas, trazendo novos sabores ao alimento com seu sabor doce e floral.

- Rosas: Extremamente conhecida por seu perfume, seu sabor varia de acordo com a cor e a forma na qual é cultivada. Além do visual, a rosa acrescenta um suave perfume aos pratos que acompanha. É muito usada para aromatizar e decorar doces com caldas e é irresistível numa salada. Pode ser utilizada em cremes, guarnições e sobremesas.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais