Dia das crianças: Como negociar a alimentação com o seu filho? Veja 6 dicas

No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber "negociar" o alimentos é essencial para que os pequenos cresçam com saúde e bons hábitos de vida.
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber
No dia da crianças é importante destacarmos a necessidade de uma atenção especial à alimentação infantil. Saber

"Negociar" é propor uma troca que seja satisfatória para toda as partes. Nesse sentido, quando falamos em alimentação infantil, pais e mães precisam ter a habilidade de um verdadeiro especialista para deixar nossos filhos longe das tentações do dia a dia. Nesse dia das crianças, com paciência, o momento pode servir como o início de uma boa reeducação alimentar, voltada à saúde e aos nutrientes necessários para o bom desenvolvimento dos pequenos! Veja algumas dicas para "negociar" a alimentação com o seu filho.

Bons hábitos alimentares começam na infância e é dessa forma que é possível conseguir negociar mais facilmente os costumes da criançada. Introduzir novos alimentos, diversificar nas cores do prato e manter uma rotina alimentar, é questão de tempo, dedicação e criatividade, afinal, os pequenos têm sempre uma resposta na ponta da língua para as novidades que lhe são apresentadas. Segundo a nutricionista Carolina Xavier, apresentar os alimentos de forma colorida e saborosa, pode ajudar a incentivar a alimentação:

"A forma de preparo dos alimentos vai determinar a aprovação ou não dos pequenos. Você ainda pode esconder alguns desses alimentos em preparações, como em suflês, panquecas, risotos", explica a profissional, apresentando 6 dicas importantes que ajudarão a dar um "up" na alimentação do seu filho. Confira!

6 dicas para negociar a alimentação com as crianças

1 - Não use o alimento como moeda de troca: Se em uma refeição o seu filho comer algo saudável por obrigação, por apenas ter a garantia que vai comer alguma guloseima mais tarde, fará com que encare os hábitos saudáveis como um dever e não algo natural e benéfico.

2 - Os adultos precisam dar o exemplo: Não adianta você falar para o seu filho comer verduras, legumes e frutas se você não consome nada disso. O exemplo vem dos mais velhos e as crianças se espelham nisso. Sente-se ao lado dele e mostre como pode ser prazeroso comer tal alimento.

3 - Evite fazer comentários se a criança não aceitar a primeira vez: A repetição da exposição ao alimento fará com que se acostume ao sabor e característica. Apresente o alimento um por um. Nunca comente se a criança não gosta daquilo porque está apenas fazendo birra.

4 - Deixe a criança se servir: Para que ela se torne um adulto consciente, peça que ele ou ela coloque apenas o que vai comer no prato para que não jogue fora pois existem muitas pessoas passando fome. Explique sobre o desperdício e as consequências que podem levar. É uma maneira de ensiná-lo e conscientizá-lo desde criança.

5 - Não a force comer tudo que está no prato: Temos que entender que a criança não come que nem um adulto e que sua necessidade é diferente da nossa. Respeite sua individualidade e deixe que ele coma o que vai lhe satisfazer.

6 - Inove na preparação: Caso você já tenha servido um alimento e ele não tenha gostado, experimente prepará-lo de outra maneira, com outros ingredientes e estimule-o a provar novamente. É assim que vamos adequando e aprimorando o paladar das crianças!

* Essas e outras questões alimentares a nutricionista Carolina Xavier responde em seu blog Transborde Saúde e na sua página do instagram: @transbordesaude

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Você com certeza já ouviu falar do flúor na hora de ir ao dentista, ou nas indicações para comprar algum creme ou enxaguante bucal. Porém, apesar de não...

> Leia mais
Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

A gente sabe que ser saudável não é uma tarefa fácil em um primeiro momento. Afinal, para que ter trabalho levando comida de casa para o trabalho ou...

> Leia mais
Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Quando você chega do mercado o que faz com as compras? Provavelmente guarda cada alimento no seu respectivo destino, certo? O problema é que às vezes surge...

> Leia mais
Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

A cada quatro mães de recém-nascidos brasileiras, uma sofre de depressão pós-parto. Com os hormônios ainda em reajuste, a mulher pode experimentar um período...

> Leia mais
5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado 5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

A água representa 70% do nosso organismo e é essencial para o nosso corpo. Inclusive, beber água é, muitas vezes, receituário médico em diversas situações....

> Leia mais
10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer 10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

Se tem uma coisa que não pode faltar na casa do brasileiro, decididamente, é o feijão. E por aqui a gente tem vários tipos: feijão preto, branco, manteiga,...

> Leia mais
Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

A anorexia é um distúrbio de imagem que faz com que a pessoa se enxergue de maneira muito distorcida da qual ela é de fato (geralmente, com maior peso e...

> Leia mais
O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

Verdade seja dita, a corrida é um dos exercícios mais democráticos que tem. Afinal, não é preciso pagar uma academia para começar a treinar, apenas encontrar...

> Leia mais
6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia 6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

A epilepsia é uma doença do sistema nervoso que se caracteriza pela perda de consciência momentânea, a partir de crises convulsivas, que acontecem de tempos...

> Leia mais
Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Os triglicerídeos (ou triglicérides) são gorduras muito importantes para o nosso corpo. Elas são as calorias ingeridas que o próprio organismo reserva para...

> Leia mais