Comida requentada perde nutrientes? 8 dicas para reaproveitar a sua alimentação!

Além de preservar o sabor, a comida requentada também pode garantir os nutrientes da refeição inicial. É só seguir alguns passos básicos
Além de preservar o sabor, a comida requentada também pode garantir os nutrientes da refeição inicial. É só seguir alguns passos básicos
Carine Rodrigues

Consultor:

Carine Rodrigues

Formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), é pós-graduanda em Terapia Nutricional pela GANEP.

Quem nunca aproveitou o que sobrou do delicioso almoço de domingo para garantir as refeições de uma semana inteira? A prática de requentar comida é muito normal, principalmente para quem precisa otimizar tempo na cozinha. A boa notícia é que, feita de forma correta, esse hábito pode fazer parte de uma alimentação saudável, conferindo sabor e os nutrientes das comidas por períodos mais longos.

Seja no forno micro-ondas, no fogão ou em banho-maria, requentar a comida é uma prática saudável e uma boa maneira de economizar um pouquinho, evitando também o desperdício de alimentos. Segundo a nutricionista Carine Rodrigues, contudo, é necessário ter alguns cuidados inclusive com o preparo das receitas, para garantir o reaquecimento saudável:

"Algumas vitaminas como, por exemplo, a vitamina C (ácido ascórbico), B1 (tiamina), B5 (ácido pantotênico) e B9 (ácido fólico), são instáveis a presença de calor, ou seja, são perdidas quando submetidas ao aquecimento. Portanto, devemos ter alguns cuidados na cocção dos alimentos, para evitar a perda de nutrientes", explica a profissional.

Como podemos reaproveitar as comidas de forma saudável e sem perder os nutrientes?

1 - Cozinhe os alimentos com pouca água e em curto tempo: Os alimentos e suas propriedades nutricionais não suportam grandes temperaturas por muito tempo, seus nutrientes podem ser perdidos no cozimento, por isso, deixe apenas o tempo ideal.

2 - Cozinhe as hortaliças no vapor: Cozer a vapor é uma das formas mais saudáveis de cozinhar. Embora o processo demore um pouco mais que o normal, o cozimento conserva os nutrientes (vitaminas e minerais) e garantem um sabor mais natural dos alimentos. As hortaliças permanecem mais nutritivas e mais saborosas.

3 - Os tubérculos devem ser coccionados com casca: As cascas desses alimentos (cenoura, batata doce, beterraba, aipim, inhame, etc), muitas vezes, possuem mais nutrientes, por isso, ao cozer junto às cascas, que são ricas em fibras alimentares, se torna mais uma maneira de garantir que os nutrientes dos tubérculos não sejam perdidos.

4 - Descongele os alimentos na geladeira: No lugar de utilizar o microondas para descongelar, tire-os com antecedência e deixe-os na geladeira, assim, na hora do preparo da sua refeição, o alimento já estará descongelado, sendo necessário apenas reaquecer.

5 - Espere o alimento esfriar: Nada de terminar de cozinhar e colocá-lo direto na geladeira: "Deve-se esperar o esfriamento dos alimentos para serem armazenados. Não ultrapassando o período de duas horas em temperatura ambiente", alerta a profissional.

6 - Reaqueça apenas uma vez: Caso tenha sobrado muita comida, divida em pequenas porções para que esse processo não seja repetido: "O reaquecimento dos alimentos deve ser realizado apenas uma vez, a temperatura superior ou igual a 74º C", indica Carine.

7 - Onde requentar: Segundo a nutricionista, o reaquecimento pode ser feito no forno, em banho-maria ou no microondas: "Entretanto, deve-se ter cuidado com o reaquecimento feito no microondas, pois o aquecimento não é o mesmo em todas as partes, na metade do processo deve-se retirar o recipiente, mexer o alimento e continuar o processo. É importante que todo o alimento atinja no mínimo 74ºC para reduzir o risco de intoxicação alimentar", analisa a profissional.

8 - Reutilize a água do cozimento: Como alguns nutrientes e propriedades são deixados na água de cozimento, a nutricionista Carine Rodrigues indica que esta água seja utilizada para o preparo de sopas, na preparação do arroz ou no cozimentos de massas.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Já provou molho de abacate para salada? Aprenda a prepará-lo

Já provou molho de abacate para salada? Aprenda a prepará-lo Já provou molho de abacate para salada? Aprenda a prepará-lo

Incrementar saladas de folhas e legumes com molhos, sementes ou cereais é uma ótima forma de diversificar a alimentação diária. Você sabia que é possível...

> Leia mais
5 tipos de comida japonesa para conhecer melhor a culinária nipônica

5 tipos de comida japonesa para conhecer melhor a culinária nipônica 5 tipos de comida japonesa para conhecer melhor a culinária nipônica

Conhecida por ser uma culinária rica em alimentos sazonais e fruto de diversas mudanças políticas e sociais em seu país de origem, a comida japonesa (também...

> Leia mais
Suco congelado é ótimo para aproveitar nutrientes das frutas! Saiba armazená-lo

Suco congelado é ótimo para aproveitar nutrientes das frutas! Saiba armazená-lo Suco congelado é ótimo para aproveitar nutrientes das frutas! Saiba armazená-lo

Você sabia que o suco congelado é uma ótima opção para aproveitar os nutrientes da fruta? Além de trazer mais praticidade para o dia a dia, a bebida consegue...

> Leia mais
4 receitas com farinha de coco que são supersaudáveis

4 receitas com farinha de coco que são supersaudáveis 4 receitas com farinha de coco que são supersaudáveis

Nutritiva, saborosa e superversátil, a farinha de coco é o ingrediente perfeito para quem gosta de colocar a mão na massa e cozinhar receitas saudáveis!...

> Leia mais
4 chás abortivos que grávidas não devem consumir jamais

4 chás abortivos que grávidas não devem consumir jamais 4 chás abortivos que grávidas não devem consumir jamais

Tomar chá é ótimo para tranquilizar a mente, aliviar dores, tratar inflamações e outros problemas de saúde. Mas você sabia que, em alguns casos, esse tipo de...

> Leia mais
Os alimentos ricos em colágeno indicados para manter a saúde da pele

Os alimentos ricos em colágeno indicados para manter a saúde da pele Os alimentos ricos em colágeno indicados para manter a saúde da pele

Fontes de uma das proteínas mais abundantes do organismo, os alimentos ricos em colágeno são essenciais para manter a saúde da pele! Para quem não sabe, a...

> Leia mais
Para que serve o DHEA, o famoso 'super-hormônio'

Para que serve o DHEA, o famoso 'super-hormônio' Para que serve o DHEA, o famoso 'super-hormônio'

Você já ouviu falar no DHEA e sabe da sua importância no organismo? Considerado um super-hormônio, ele cumpre importantes funções metabólicas e, quando está...

> Leia mais
Linhaça com cravo emagrece? Nutricionista explica as vantagens dessa combinação

Linhaça com cravo emagrece? Nutricionista explica as vantagens dessa combinação Linhaça com cravo emagrece? Nutricionista explica as vantagens dessa combinação

Você sabia que existem combinações que auxiliam na perda de peso? Alimentos ricos em fibras ou com ação termogênica, em especial, ajudam a manter o...

> Leia mais
Que tal fazer lanche sem pão? Veja maneiras de substituir esse carboidrato

Que tal fazer lanche sem pão? Veja maneiras de substituir esse carboidrato Que tal fazer lanche sem pão? Veja maneiras de substituir esse carboidrato

Para fazer uma dieta low carb, é necessário diminuir (ou até mesmo cortar) alguns alimentos da dieta. No entanto, isso deve ser feito sempre com a orientação...

> Leia mais
Para que serve a aroeira? Veja 7 benefícios dessa planta medicinal

Para que serve a aroeira? Veja 7 benefícios dessa planta medicinal Para que serve a aroeira? Veja 7 benefícios dessa planta medicinal

Também chamada de aroeira-vermelha, aguaraíba e cambuí, a aroeira nada mais é que uma planta com folhas bem aromáticas e frutos redondos, pequenos e...

> Leia mais