Biodisponibilidade: Como podemos aumentar a absorção de nutrientes no organismo?

A união de nutrientes potencializam os valores de qualquer alimento. Essa absorção em nosso organismo se chama biodisponibilidade e é essencial para a vida. Descubra aqui quais combinações são as mais importantes e os melhores meios de se atingir as harmonizações dessas substâncias no dia a dia alimentar.
A união de nutrientes potencializam os valores de qualquer alimento. Essa absorção em nosso organismo se chama biodisponibilidade e é essencial para a vida. Descubra aqui quais combinações são as mais importantes e os melhores meios de se atingir as harmonizações dessas substâncias no dia a dia alimentar.
Daniella Chein

Consultor:

Daniella Chein

Formada em Nutrição Clínica pelo Centro Universitário Bennett, atualmente atua como coach e faz acompanhamento nutricional à distância

Se um único nutriente proporciona os mais diversos benefícios à saúde, imagina quando eles estão unidos, potencializando suas forças? Dentro do conceito da alimentação saudável, isso tem nome: biodisponibilidade. Saiba como a absorção dessa combinação de elementos no dia a dia é primordial para a melhor qualidade de vida e no funcionamento completo do organismo!

Quando comemos, os nutrientes dos alimentos interagem entre si, aumentando a ingestão de vitaminas, minerais e fibras, trazendo inúmeras vantagens para o corpo como: emagrecimento natural, melhora do sistema imunológico e fortalecimentos dos músculos. A biodisponibilidade acontece quando absorvermos essas substâncias todas juntas, por isso é tão importante variarmos o nosso cardápio cotidiano, já que podendo aumentar ou diminuir esses níveis.

Por exemplo: o leite é fonte de lactose, vitamina D e cálcio. A união do açúcar (lactose) e da vitamina D, favorecem o organismo no aumento da absorção do cálcio. Segundo a nutricionista Daniella Chein, outro bom exemplo é o ferro e a vitamina C (feijão e laranja) que, quando consumidos em conjunto, podem potencializar essa absorção:

"O organismo só absorve 10% do ferro do feijão. Mas quando o alimento é associado a uma fonte de vitamina C e mais os vegetais verde escuros, a absorção sobe para quase 40%", destaca a profissional que listou quatro das melhores combinações de nutrientes para estarmos atento na hora da refeição. Sendo assim, ao preparar o seu prato no almoço ou no jantar, vale a pena se preocupar com algumas combinações alimentares para que a biodisponibilidade aconteça.

Confira as 4 melhores combinações de nutrientes

- Feijão + couve + laranja (ferro e vitamina C): Os aminoácidos essenciais e o ferro do feijão e da couve mais as vitaminas da laranja (principalmente a vitamina C), aumentam e potencializam a absorção do ferro pelo organismo.

- Tomate + abacate (gorduras monoinsaturadas e licopeno): Como possui gorduras monoinsaturadas (aquela que faz bem ao coração), o abacate transporta com grande eficiência, o licopeno do tomate até o intestino, o que facilita a biodisponibilidade desse nutriente. O licopeno tem o poder de reduzir os radicais livres produzidos pela exposição do sol e da poluição.

- Aveia + morango (vitamina D e vitamina C): Combinação que facilita eliminar uns quilinhos e ajuda na biodisponibilidade da vitamina D, mineral com dificuldades de plena absorção pelo organismo, ideal para vegetarianos. A vitamina D atua prevenindo a osteopenia e osteoporose. E segundo estudos de universidades asiáticas, a vitamina D também deixa os músculos mais resistentes. Resultado: se consegue queimar calorias extras e emagrecer mais facilmente.

- Abóbora e semente de girassol (vitamina E + betacaroteno): A pró-vitamina A (betacaroteno) presente na abóbora é mais bem absorvida na presença da vitamina E, encontrada na repleta na semente de girassol, e tem efeito antioxidante sobre os lipídios (gorduras) que a transportam. O resultado: olhos, pele e mucosas mais protegidos e sistema imunológico em dia.

As interações que diminuem a biodisponibilidade

Assim como há as interações positivas, quando ingerimos certas combinações de nutrientes, há também aquelas que não vão ajudar tanto essa absorção dos nutrientes, como é o caso do cálcio e o ferro. Ao consumir refeições que contenha ferro, como feijão, carnes vermelhas e vegetais verdes escuros, acompanhadas do leite, por exemplo, o cálcio irá diminuir a utilização do ferro no organismo.

Outro caso que também inclui o ferro, quando unido ao zinco, o aumento do ferro interfere na biodisponibilidade de zinco, isso ocorre também no sentido contrário.

Mais noticias com...
Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

Como preparar agrião? Descubra diferentes maneiras de consumir o vegetal

Como preparar agrião? Descubra diferentes maneiras de consumir o vegetal Como preparar agrião? Descubra diferentes maneiras de consumir o vegetal

Incluir vegetais verde-escuros na dieta é uma boa dica para aumentar o consumo de ferro, fibras e vitaminas que fortalecem a imunidade. O agrião, por...

> Leia mais
A receita de doce de casca de maracujá para evitar o despedício da fruta

A receita de doce de casca de maracujá para evitar o despedício da fruta A receita de doce de casca de maracujá para evitar o despedício da fruta

Aproveitar os alimentos em sua totalidade - usando casca, polpa, talo e sementes - é uma ótima forma de ser sustentável (evitando desperdícios) e...

> Leia mais
5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor 5 cuidados importantes para quem vai praticar atividades físicas no calor

Praticar exercícios físicos de forma regular e equilibrada - mesmo em dias mais quentes - é importante para a saúde mental e corporal. No entanto, durante o...

> Leia mais
Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la Não sabe para que serve a equinácea? Descubra por que e como consumi-la

Usada para tratar inflamações e amenizar sintomas de gripes e resfriados, como tosse e coriza, a equinácea (Echinacea ssp.) é uma planta medicinal...

> Leia mais
6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo 6 motivos para consumir chá de chia e como prepará-lo

Rica em fibras alimentares, ômega 3 e minerais importantes, a chia é uma semente altamente nutritiva geralmente usada em dietas restritivas, já que é...

> Leia mais
O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar O que não pode comer quando coloca piercing? Descubra quais alimentos priorizar

Após colocar piercing, fazer tatuagem ou realizar procedimentos cirúrgicos, é muito importante evitar certos alimentos e ter uma dieta que contribua para o...

> Leia mais
Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um Quais os tipos de ginástica? Veja as características de cada um

Equilíbrio, flexibilidade e força. Você sabia que essas três palavrinhas estão associadas a praticamente todos os tipos de ginástica? Classificada em...

> Leia mais
Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um Boldo-da-terra ou boldo-do-chile? Saiba para que serve cada um

Entre as espécies de boldo mais utilizadas para tratar problemas como gastrite, gripes e resfriados, o boldo-da-terra e o boldo-do-chile são duas que...

> Leia mais
5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde 5 benefícios da farinha de linhaça para a sua saúde

Usar farinha de linhaça no preparo de omeletes, pães, biscoitos, panquecas e até vitaminas no dia a dia é uma ótima forma de fortalecer o organismo....

> Leia mais
Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você Como é feito o açaí? Entenda o processo que a palmeira passa para chegar a você

Nativo da região amazônica e consumido em todo o Brasil, o açaí é uma fruta altamente nutritiva (rica em cálcio, potássio, ferro, vitaminas A, C, do complexo...

> Leia mais