Bem ou mal passada? Qual o ponto ideal da carne para a nossa saúde?

Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.
Qual é o ponto correto da carne? Além do sabor e suculência, saber preparar corretamente a carne ajuda a garantir mais nutrientes do alimento, deixando-a, inclusive, mais segura para seu consumo.

Churrasco. Não existe uma pessoa apaixonada por carnes que não se entusiasme com ele. Contudo, para um churrasco melhor e mais saudável, alguns cuidados precisam ser tomados, principalmente no ponto certo de cada corte. A forma de cocção, conservação e origem do produto, aliados às técnicas de preparo, são vitais para o aproveitamento nutricional do alimento com maior segurança de consumo.

Existe muita polêmica quanto ao ponto ideal da carne, por causa do sabor, textura, entre outros motivos. O gosto maior do brasileiro é pela carne mal passada, herança dos europeus, que preferem assim por deixar o alimento mais suculento, mas, na maioria das vezes, o sabor não compensa certos perigos de consumi-la dessa forma. O modo de manuseio do alimento, a credibilidade de sua origem e armazenamento, deixam a carne mais ou menos propensa à contaminação.

Para aproveitar o que a carne pode oferecer de nutrientes, sem pôr a saúde em risco, é preciso saber como preparar de forma a preservar a suculência e sabor. "Deve ser observado que cortes de carne que contêm pouco colágeno, como paleta, acém, peito e capa de filé, pedem métodos de cocção que hidratem o alimento, como o calor úmido. O calor seco pode ser utilizado em cortes de carne mais macias, como alcatra, lagarto, peito de frango e peixes, e em preparações grelhadas utilize filé mignon, contrafilé, patinho", orienta a nutricionista Sheila Basso.

Por isso, dentre bem ou mal passada, a carne preparada ao ponto não oferece riscos e é excelente fonte de proteína de alto valor biológico (fácil absorção) e de ferro, vitaminas do complexo B, zinco, magnésio, sódio e outros nutrientes necessários para a boa saúde. Ingerir uma pequena quantidade de carne vermelha por dia, por exemplo, pode diminuir a propensão do cérebro desenvolver distúrbios de ansiedade e depressão.

Para deixar a carne em seu melhor estado, existe uma técnica chamada "rest", que consiste em deixar o alimento descansar antes de servir. A carne, quando está em alta temperatura, se contrai e o sangue vai se concentrando na parte central, então, se for cortada logo depois de sair do calor, estará dura nos lugares que não tem mais sangue e o que se concentrou no meio vai escorrer, junto com o sabor. Deixando a carne por um tempo, ela "relaxa" e recupera a maciez, o sangue do centro se espalha devolve o aspecto rosado quando cortada, sem cenário sangrento no prato.

6 dicas para preparar a carne sem perder nutrientes

1 – Escolha sempre se alimentar de carnes magras. Prefira cortes como lagarto, patinho, alcatra, maminha ou filé mignon;

2 – Caso haja alguma gordura no pedaço escolhido, limpe ou peça ao açougueiro para remover essa parte;

3 – Carnes devem ser conservadas na geladeira e não devem ficar mais do que 30 minutos fora dela, o que facilita o desenvolvimento de micro-organismos.

4 – Prefira comer as carnes preparadas no vapor, assadas, refogadas ou grelhadas , evitando as frituras

5 – Fique atento à coloração da carne, quando tudo apresentar uma coloração parda é garantido que todo e qualquer micro-organismo foi eliminado.

6 – Se o prato pedir que a carne seja frita, prepare sempre com pouco óleo e retire toda a gordura que soltar da carne;

Alguns cuidados no churrasco

O que mais acontece nos churrasquinhos com amigos ou família é esquecer a carne na grelha e ela passar do ponto. Esse hábito, além de pôr a perder o que a carne tem de bom em sabor e valor nutricional, deixa o alimento prejudicial à saúde.

"A permanência prolongada da carne na grelha também pode vir a ser um problema, pois grande parte das substâncias da combustão do carvão são tóxicas. Além disso, a gordura que se libera cai sobre a fonte de calor e origina uma chama que carboniza o alimento. Sempre que a matéria orgânica se carboniza ou é submetida a temperaturas muito elevadas, além de ocorrer perda de nutrientes, tornam-se substâncias cancerígenas. Portanto, para se garantir um churrasco saudável, deve-se evitar manter o alimento por um longo período na grelha e muito próximo do carvão (manter uma distância de 30cm)", encerra a nutricionista.

Mais noticias com...
Receitas:
Carne bovina
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais