Aproveite o sabor dos queijos para uma dieta saudável

Os queijos são boas fontes principalmente de proteínas e minerais importantes como o cálcio, que é fundamental para fortalecer a estrutura óssea do corpo
Os queijos são boas fontes principalmente de proteínas e minerais importantes como o cálcio, que é fundamental para fortalecer a estrutura óssea do corpo

Sua elaboração é uma arte (comparada até com as fabricações de vinhos); seus sabores, aromas e texturas, inconfundíveis... Além disso, ainda por cima, é um dos alimentos mais ricos, leves e gostosos para serem inseridos à alimentação saudável! De quem estamos falando? Do queijo , é claro! Fonte dos mais diversos nutrientes, a tradicional iguaria é presença quase obrigatória em dietas para o dia a dia.

Apesar de possuir uma infinidade de tipos, estilos e variações, o queijo, em regra, é feito da mesma matéria-prima: o leite animal (vaca, ovelha ou cabra). Como é necessária uma grande quantidade do leite para sua produção (cerca de 10 litros para produzir 1 kg), ele guarda em sua composição um farto arsenal de nutrientes fundamentais ao organismo. Por isso, o Guia Alimentar para a População Brasileira, do Ministério da Saúde, recomenda a ingestão de 3 porções diárias de leite e seus derivados, para uma alimentação saudável e equilibrada. A nutricionista Fábia Massarani enfatiza a importância dessa iguaria à saúde.

"De maneira geral, os queijos são boas fontes principalmente de proteínas e minerais importantes como o cálcio, que é fundamental para fortalecer a estrutura óssea do corpo, evitando, por exemplo, a osteoporose. Também são fontes ricas de vitaminas A e do complexo B", comentou a nutricionista, avaliando os melhores tipos do alimento para as dietas. "Dê preferência aos queijos brancos, como ricota, queijo minas e cottage. Eles são mais leves e menos gordurosos. Os queijos amarelados, embora também tenham nutrientes, como o cálcio (o parmesão, por exemplo, é uma excelente fonte), adicionam muita gordura ao cardápio, por isso devem ser evitados ao consumo diário", destacou.

Sem hora – Um dos diferenciais dos queijos, principalmente os brancos, é a sua flexibilidade alimentar. O alimento, de acordo com a Drª Fábia, pode ser consumido a qualquer hora, em qualquer refeição, desde que não seja em grande quantidade. "Essa é a maior vantagem do queijo como aliado no plano alimentar: não tem restrição de horário e nem de tipo de refeição – cai bem em preparações desde o café da manhã e lanches até almoço e jantar, constituindo também uma boa ceia para uma noite tranquila de sono. Porém, devemos sempre estar atentos à quantidade ingerida, pois, além de o excesso alimentar nunca ser bom para a saúde, pode dificultar a absorção de nutrientes oriundos de outros alimentos e fornecer sódio muitas vezes em alta quantidade, o que está relacionado com aumento da pressão arterial", enfatizou.

Cuidados e Restrições – Contudo, não é porque o queijo tem tantas virtudes que não devemos tomar algumas precauções. A maneira de usar e armazenar, além de pessoas com restrições alimentícias ou intolerantes à lactose, devem seguir orientações básicas. "As orientações dos rótulos/embalagens devem sempre ser seguidas, pois cada tipo de queijo merece um cuidado especial. Em geral, devemos ficar atentos: a refrigeração, por exemplo. Para evitar que o queijo fique seco e duro, cubra-o com uma película; nunca deixe o queijo livre/solto na geladeira, sem estar com uma proteção ou em um pote; não coloque queijos diferentes em um mesmo recipiente, cada um tem um tempo e uma validade, e fazendo isso um pode comprometer o outro; limpe sempre a faca quando for cortar outro tipo de queijo diferente depois; uma vez refrigerado, evite ao máximo expor o queijo à temperatura ambiente (por exemplo, deixar em cima da mesa para petiscar, e depois voltar para a refrigeração)", explicou a nutricionista.

Para os intolerantes à lactose ou àqueles que não usam nada de origem animal na alimentações, Fábia Massarani apresenta algumas alternativas para manter o mesmo padrão nutritivo do queijo às dietas. "Para os intolerantes à lactose, hoje em dia existem algumas versões de queijos lacfree. Quanto à proteína, a do queijo é mais fácil de ser digerida do que a proteína do leite, uma vez que uma etapa da digestão já é feita no processo de coagulação do mesmo. Mas, na maioria dos casos, costumo indicar o alimento através de outra origem: queijos caseiros feitos com oleaginosas, que não devem nada em sabor e qualidade nutricional, e ainda agradam a veganos", finalizou.
Mais noticias com...
Receitas:
Queijo
Ver Mais

Últimas Matérias

Para que serve a beldroega, planta comestível que nasce em solo brasileiro

Para que serve a beldroega, planta comestível que nasce em solo brasileiro Para que serve a beldroega, planta comestível que nasce em solo brasileiro

Conhecer o universo das plantas medicinais a fundo é uma missão complicada, não é mesmo? Afinal, existem inúmeros tipos e espécies (com propriedades...

> Leia mais
Suco roxo: 5 opções detox para limpar o organismo de toxinas

Suco roxo: 5 opções detox para limpar o organismo de toxinas Suco roxo: 5 opções detox para limpar o organismo de toxinas

Para desinchar e eliminar as toxinas do organismo, uma boa dica é recorrer às receitas de sucos detox - feitas com diferentes frutas, vegetais e especiarias...

> Leia mais
Os alimentos monossacarídeos e a sua importância no nosso dia a dia

Os alimentos monossacarídeos e a sua importância no nosso dia a dia Os alimentos monossacarídeos e a sua importância no nosso dia a dia

Os monossacarídeos, também conhecidos como carboidratos simples, estão presentes em frutas, legumes, cereais e funcionam como importantes fontes de energia....

> Leia mais
O que é gastrite nervosa e quais alimentos ajudam a aliviá-la

O que é gastrite nervosa e quais alimentos ajudam a aliviá-la O que é gastrite nervosa e quais alimentos ajudam a aliviá-la

Você já parou para pensar que as suas emoções podem afetar o seu organismo? A princípio isso pode soar um pouco estranho, mas é verdade! Gastrite nervosa,...

> Leia mais
Para que serve a cavalinha? Os benefícios dessa erva medicinal

Para que serve a cavalinha? Os benefícios dessa erva medicinal Para que serve a cavalinha? Os benefícios dessa erva medicinal

Saber informações sobre todas as plantas medicinais que podem fazer bem para a nossa saúde é praticamente impossível. Mas se você nunca ouvir falar da...

> Leia mais
Sente o estômago inchado? Saiba o que consumir para amenizar a dor

Sente o estômago inchado? Saiba o que consumir para amenizar a dor Sente o estômago inchado? Saiba o que consumir para amenizar a dor

A sensação de má digestão, inchaço ou queimação no estômago pode ser causada por diferentes fatores, sabia? Geralmente, quando a pessoa mantém hábitos...

> Leia mais
Como fazer chips de batata-doce para comer de snack

Como fazer chips de batata-doce para comer de snack Como fazer chips de batata-doce para comer de snack

Há diversos motivos para incrementar um poderoso tubérculo, como a batata-doce, no cardápio do dia a dia. Ela é dona de benefícios poderosos, como boas doses...

> Leia mais
Nectarina é uma fruta cheia de benefícios! Conheça 6 deles

Nectarina é uma fruta cheia de benefícios! Conheça 6 deles Nectarina é uma fruta cheia de benefícios! Conheça 6 deles

A nectarina, para quem não conhece, é uma variação do pêssego altamente nutritiva e saborosa. Ela é redonda, de pele lisa (sem pelos), tem caroço e, quando...

> Leia mais
O que é a Hora do Planeta e como participar desse movimento

O que é a Hora do Planeta e como participar desse movimento O que é a Hora do Planeta e como participar desse movimento

Criada em 2007, a Hora do Planeta é um movimento que visa mobilizar a sociedade contra o aquecimento global. Durante 60 minutos, em todo último sábado de...

> Leia mais
Alimentação fit e saudável são a mesma coisa? Saiba as diferenças dessas dietas

Alimentação fit e saudável são a mesma coisa? Saiba as diferenças dessas dietas Alimentação fit e saudável são a mesma coisa? Saiba as diferenças dessas dietas

Muitas pessoas vêm embarcando em uma nova onda de estilo de vida saudável, com uma alimentação restritiva e bem regrada. Mas será que todas as dietas que...

> Leia mais