O que é aromaterapia e como proporcionar bem-estar através das fragrâncias

Na aromaterapia, há mais de uma forma de ter contato com a fragrância, já que ela pode ser inalada ou passada através da pele em massagens
Na aromaterapia, há mais de uma forma de ter contato com a fragrância, já que ela pode ser inalada ou passada através da pele em massagens

É bem possível que você conheça a fitoterapia, que é o uso das plantas como forma de tratamento medicinal, mas e o que falar da aromaterapia? Como o próprio nome indica, ela se refere à utilização de fragrâncias no nosso dia a dia, que vão trabalhar como uma espécie de terapia, melhorando o bem-estar. É importante ressaltar que essa atividade não consiste em cheirar plantas cujo odor é agradável, mas sim em uma série de práticas que prometem até minimizar sintomas de algumas doenças.

História da aromaterapia

Antes de explicar como é feita a aromaterapia é interessante compreender a sua origem, pois assim é mais fácil entender o seu propósito. As fragrâncias são consideradas fitoterápicas desde a Antiguidade. Na Índia, onde a Ayurveda é muito utilizada, seu uso há muitos séculos é considerado medicinal. Mas não pense que essa relação é exclusiva da Ásia. Tanto os egípcios quanto os gregos e os romanos utilizavam o poder dos aromas em suas rotinas, fosse para acabar com pragas ou para preparar óleos para massagens. O objetivo não necessariamente era curar os males do corpo, mas sim do espírito.

O que é a aromaterapia

Mesmo sendo tão antiga, a aromaterapia tal qual conhecemos hoje na verdade se difundiu apenas no século XX. Hoje, está principalmente relacionada à extração de óleos de plantas que serão utilizados para fazer massagens. Mas não pense que esse ato é sem propósito, pois cada aroma é utilizado para um objetivo diferente. Afinal, odores são muito pessoais, e por isso estão diretamente relacionados à memória afetiva de cada um. Além disso, há mais de uma forma de ter contato com o aroma, já que ele pode ser inalado ou passado através da pele, que é o que ocorre em uma massagem. De qualquer maneira, a fragrância é capaz de estimular uma região do cérebro que pode promover ações diretas no nosso corpo, e por isso é utilizado de forma medicinal. No fim, seu objetivo é um só: proporcionar bem-estar.

Como a aromaterapia ajuda no tratamento de doenças?

Para cada objetivo um aroma diferente. É claro que há o quesito pessoal, mas normalmente há fragrâncias específicas para cada problema. As de camomila, jasmim e rosa, por exemplo, são utilizadas como calmantes naturais. Neste caso, basta pensar nas propriedades dos seus chás para entender melhor a relação. Por terem esse benefício, eles ajudam a combater o estresse, a insônia e a ansiedade, transtorno que pode gerar, inclusive, a compulsão alimentar.

Já problemas respiratórios são tratados com eucalipto ou mesmo óleo de sândalo, já que ambos ajudam a dar aquela sensação de "abertura" de pulmão. Com isso, são especialmente indicados para pessoas que sofrem com asmas e bronquites, por exemplo. A aromaterapia também pode ser utilizada para aliviar problemas de pele, como acnes e herpes. Neste caso, óleo de bergamota, fruta parente da tangerina, é uma boa sugestão. Já odores com limão ajudam a concentrar, aumentando a produtividade no trabalho e nos estudos.

Contraindicações da aromaterapia

Embora seja muito benéfica, há sim contraindicações em relação ao seu uso. Em primeiro lugar, pessoas alérgicas a determinados componentes não podem utilizá-lo nesse processo, por mais que o ingrediente em si seja benéfico para o que pessoa está procurando. Neste caso, é melhor buscar uma alternativa em outro aroma. Além disso, grávidas devem procurar um médico especialista antes de optar por essa prática, e o mesmo vale para quem deseja utilizá-la em bebês.

Por fim, é bom lembrar que a aromaterapia faz parte da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC). Isso significa que sua prática não apenas é reconhecida no Brasil como também pode ser utilizada de forma medicinal pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Conheça as frutas alcalinas que reduzem a acidez do sangue

Conheça as frutas alcalinas que reduzem a acidez do sangue Conheça as frutas alcalinas que reduzem a acidez do sangue

Você sabia que existem frutas alcalinas que ajudam a manter o pH do sangue no nível ideal (entre 7,3 e 7,4)? São alimentos que contribuem para a...

> Leia mais
Como introduzir alimentos aos bebês? As dicas para iniciar a dieta dos pequenos

Como introduzir alimentos aos bebês? As dicas para iniciar a dieta dos pequenos Como introduzir alimentos aos bebês? As dicas para iniciar a dieta dos pequenos

Quem é mãe de primeira viagem costuma ficar na dúvida sobre como introduzir a alimentação ao bebê. Afinal, nos 6 primeiros meses, a recomendação médica é...

> Leia mais
Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável

Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável

Muita gente não sabe, mas 20 de julho (além de ser o Dia Internacional do Amigo) também é considerado o Dia Nacional do Biscoito. E quem é que não ama esse...

> Leia mais
Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia

Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia

Os chás são ótimos aliados na nossa saúde - especialmente em dias frios, quando ajudam a aquecer o corpo. Entre os seus benefícios podemos citar que hidratam...

> Leia mais
Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

Buscar uma alimentação saudável é a meta de muita gente, né? Só que, muitas vezes, fica difícil ponderar as quantidades e descobrir quais alimentos são...

> Leia mais
Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento

Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento

A abóbora é um tipo de fruto bem nutritivo e cheio de propriedades benéficas: é fonte de fibras, cálcio, magnésio, ferro, vitamina C e carboidratos (que...

> Leia mais
Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição

Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição

Para facilitar o nosso dia a dia, é comum seguirmos à risca um mesmo hábito alimentar, e isso inclui fazer as refeições nos mesmos horários. Esse costume...

> Leia mais
5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável 5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

Para ter uma rotina saudável não basta comer bem: é preciso se movimentar. A boa notícia é que, para isso, não é necessário frequentar uma academia, já que é...

> Leia mais
Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Durante o período da maternidade é necessário ter alguns cuidados com a alimentação - tanto na gestação quanto no pós-parto/ amamentação. Existem alguns...

> Leia mais
Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

O amendoim vem sendo incorporado cada vez mais no cardápio dos brasileiros, seja na sua forma torrada, cozida ou em pasta. Embora ele proporcione uma série...

> Leia mais