Como congelar os vegetais? Veja as melhores formas para armazenar os alimentos

Descubra as melhores formas para congelar vegetais no freezer. Essa técnica, quando feita da maneira correta, preserva e muito a qualidade dos alimentos.
Descubra as melhores formas para congelar vegetais no freezer. Essa técnica, quando feita da maneira correta, preserva e muito a qualidade dos alimentos.

Um dos principais fatores que contribuem para a qualidade dos alimentos é a forma de armazená-los no refrigerador. No grupo dos vegetais, por exemplo, existem diversas técnicas de congelamento que geram sobrevida aos ingredientes, deixando-os aptos para serem consumidos e reutilizados sem que, para isso, percam suas principais características nutritivas e, claro, de sabor.

De acordo com uma pesquisa da "Birds Eye", uma empresa americana especializada em vegetais congelados, entre o caminho inicial da colheita até o fornecedor, mais o tempo que ficam expostos nos supermercados, em cerca de duas semanas esses vegetais perdem entre 10% e 45% dos seus nutrientes. Por isso, quando congelamos um legume, por exemplo, naturalmente há uma eliminação de microrganismos na superfície do alimento. Com esse procedimento os vegetais mantêm suas cores, sabores e texturas, além dos nutrientes por muito mais tempo.

Qual é o melhor procedimento para congelar vegetais?

Entretanto, para congelar os vegetais, é necessário saber manuseá-los. Eles precisam estar extremamente limpos e descascados. Devem ser escaldados em água fervente ou no vapor, nunca deixar cozinhar totalmente e logo que retirar, mergulhar em água com gelo, com ajuda de um escorredor, dando assim, um choque térmico, em um processo denominado "branqueamento".

Procedimento básico - Congele os vegetais em porções pequenas, em sacos plásticos, tirando o máximo de ar possível. Nunca use o papel-alumínio para embalar, pois ele grudará no alimento. Para descongelar pode levar direto ao forno micro-ondas, sabendo que terá que cozinhar mais, já que eles sofreram apenas um préaquecimento.

OBS: Na verdade, todos os vegetais deveriam ser congelados após a colheita, mas como isso não é possível, porém, há alguma exceções como o tomate, o rabanete e o pepino. Já a batata, por exemplo, não pode ser congelada crua, pelo excesso de amido que ela contém. Veja abaixo uma lista completa de como armazenar cada alimento no freezer.

Vegetal por vegetal, veja como armazená-los no freezer

- Abóbora: Corte em pedaços e deixe cozinhar por 2 minutos. Ela pode ficar por até 6 meses armazenada.

- Abobrinha: Corte em rodelas ou em pedaços e congele crua. Pode ficar armazenada por até 6 meses.

- Acelga: Pique e branqueie a parte verde. Deixe cozinhar por 2 minutos. Já a parte branca, corte em pedaços e congele crua. Pode ficar por até seis meses congelada.

- Beterraba: Corte em rodelas e deixe cozinhar por 8 minutos. Pode ficar refrigerada por 8 meses.

- Berinjela: Cortar em rodelas de 1 cm e cozinhe por 4 minutos. Pode ficar armazenada por 8 meses.

- Brócolis: Deixar de molho por 10 minutos, em água com vinagre, e cozinhe, por 3 minutos, com água e sal. Fica armazenada por 12 meses.

- Cebola: Picada ou em rodelas, também pode ser congelada crua ou cozinhada por 2 minutos. Fica até 10 meses no freezer.

- Cenoura: Em rodelas ou cubos, branqueie de forma ralada. Pode ser armazenada crua ou cozinhe por 3 minutos. Fica 10 meses no freezer.

- Cogumelo: Deixe de molho por 5 minutos em água, limão e sal. Cozinhe de 3 a 5 minutos. Pode ficar armazenado em até 6 meses.

- Couve: Corte bem fina e jogue água fervente em cima. Dura até 6 meses.

- Couve-flor: Separe os buquês e cozinhe por 3 minutos com limão. Fica 8 meses na geladeira.

- Espinafre: Em folhas ou picado, cozinhe por 2 minutos. Fica 12 meses congelado.

- Mandioca: Apenas descascar e cortar. Não precisa branquear. Fica 6 meses na geladeira.

- Mandioquinha: Apenas descascar e cortar em pedaços. Cozinhe por 3 minutos. Dura 6 meses.

- Milho em espiga: Escaldar as espigas inteiras. Cozinhe por 5 minutos. Dura 8 meses.

- Milho em grãos: Cozinhe por 2 minutos. Dura 8 meses.

- Pimentão: Corte, tire as sementes e congele cru. Fica por 12 meses congelado.

- Quiabo: Cozinhe por 2 minutos. Dura 6 meses.

- Repolho branco ou roxo: Separe as folhas e cozinhe por 2 minutos. Dura 6 meses.

- Vagem: Cozinhe por 2 minutos. Dura 12 meses no freezer.

Receitas:
Cebola
Ver Mais

Últimas Matérias

Gergelim preto ou branco? Descubra as diferenças e vantagens de cada um deles

Gergelim preto ou branco? Descubra as diferenças e vantagens de cada um deles Gergelim preto ou branco? Descubra as diferenças e vantagens de cada um deles

Muito usada no preparo de pães, saladas e molhos, a semente de gergelim é fonte de nutrientes fundamentais para o organismo, como fibras, ferro, vitaminas do...

> Leia mais
Receitas com abacate: 7 opções para aproveitar os nutrientes da fruta

Receitas com abacate: 7 opções para aproveitar os nutrientes da fruta Receitas com abacate: 7 opções para aproveitar os nutrientes da fruta

Fonte de vitaminas, minerais e fibras, o abacate é um superalimento que pode ser preparado de diversas maneiras. Basta usar a criatividade para inventar...

> Leia mais
O que são ácidos graxos trans e por que seu consumo é tão temido

O que são ácidos graxos trans e por que seu consumo é tão temido O que são ácidos graxos trans e por que seu consumo é tão temido

Você já ouviu falar nos ácidos graxos trans? Também conhecidos como "gorduras trans", essas substâncias são altamente danosas para o organismo,...

> Leia mais
Ayurveda é boa para a azia? E para a acne? Saiba o que essa medicina pode tratar

Ayurveda é boa para a azia? E para a acne? Saiba o que essa medicina pode tratar Ayurveda é boa para a azia? E para a acne? Saiba o que essa medicina pode tratar

A Ayurveda (ou Ayurvédica), para quem ainda não conhece, é uma medicina indiana milenar, considerada uma das ciências da saúde mais antigas que existem. Não...

> Leia mais
Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Na hora de montar o prato do almoço tem gente que ama caprichar na quantidade de carne, né? Só que isso não é algo muito indicado para quem busca uma...

> Leia mais
Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Originário da China e do Vietnã, o anis-estrelado é uma planta medicinal fonte de nutrientes importantes e rica em propriedades terapêuticas: auxilia na...

> Leia mais
Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

É difícil associar a farofa a uma alimentação saudável, né? Afinal, esse prato (que não costuma faltar no churrasco brasileiro) é geralmente preparado com...

> Leia mais
Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Imagine esta cena: você está em um restaurante, e observa algumas pessoas, seja um grupo de amigos ou uma família, em volta de uma mesa com suas refeições,...

> Leia mais
7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca 7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

Para aproveitar todos os nutrientes que os alimentos têm a oferecer, é importante que você consuma não apenas a polpa, mas também as suas cascas e sementes....

> Leia mais
Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

É muito bom descobrir maneiras novas de preparar os alimentos, né? Seja usando temperos ou métodos de cozimento variados, é sempre possível inovar na...

> Leia mais