Alimentos que parecem inofensivos para veganos, mas que têm origem animal

A gelatina é feita a partir da cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, e se for vermelha ainda pode conter um corante que é extraído de um inseto
A gelatina é feita a partir da cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, e se for vermelha ainda pode conter um corante que é extraído de um inseto

Virar vegetariano não consiste em simplesmente cortar a carne do cardápio. Para isso é preciso fazer uma dieta balanceada, na qual é necessário substituir os nutrientes da carne por outros bem saudáveis. Se a partir daí a pessoa resolveu virar vegana, então, a tarefa se mostra ainda mais difícil, embora nada impossível. Mas por mais empenhada que ela esteja com a sua causa, ainda assim há alguns alimentos que podem se tornar verdadeiras armadilhas. Isso porque, embora não pareça, eles têm em seu preparo algum produto de origem animal.

Gelatina

Tudo bem que muitos vegetarianos e veganos já sabem que a gelatina é uma sobremesa proibida, mas ainda assim não custa nada lembrar. Ela é feita a partir de cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, como o boi. A boa notícia é que se você gosta muito desse doce - que pode vir na sua versão diet - existe um bom substituto: o ágar-ágar, que é extraído a partir de algas marinhas. Por ser transparente e sem um sabor forte, o ideal é misturá-lo com o suco de alguma fruta, que preferencialmente deve ser fresca, permitindo que você crie uma gelatina 100% vegana.

Batata frita

É bem possível que você tenha ouvido falar que no passado as pessoas conservavam os alimentos na banha, e graças à geladeira essa prática se tornou cada vez menos comum. Só que nem por isso a gordura de porco deixou de ser utilizada. Na verdade, hoje muitos food trucks utilizam o artifício para deixar a carne de seus hambúrgueres mais saborosas. Só que ela muitas vezes é utilizada também em outros alimentos fritos, como é o caso da batata. E embora a gordura animal seja mais saudável que óleos vegetais quando ambos estão expostos a altas temperaturas, eles ainda assim não devem ser ingeridos por vegetarianos ou veganos exatamente pela sua origem. Se esse é o seu caso, evite comer batata frita na rua, e até comprar as congeladas, que também podem conter banha. Dê preferência a escolher suas próprias batatas no mercado ou na feira e fazer você mesmo em casa.

Comidas com corante vermelho

Sabe aqueles alimentos que de tão vermelhos fazem a sua língua adquirir um pouco da tonalidade? Em geral vemos isso ocorrer após comer uma bala ou pirulito, e sabemos que isso se deve ao seu corante. Mas o que muita gente não sabe é que o responsável pode ser um composto químico chamado E120, que é usado tanto na alimentação quanto em tintas e cosméticos, como batons. O grande problema é que ele vem da extração de um inseto chamado cochonilha. Pois é, o animal é morto para que dele a substância de coloração vermelho vivo seja extraída. De acordo com a Anvisa (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária), aqui no Brasil ele é "Utilizado em medicamentos em geral". De qualquer forma, é bom ficar atento aos rótulos, ainda mais porque se o produto for importado nada garante que o E120, também conhecido como "carmim", não estará presente. Lembrando que as frutas vermelhas nada têm a ver com isso, ok?

Cerveja

Embora aparentemente seja uma bebida que pode ser consumida até por veganos ela pode sim conter um ingrediente de origem animal. E mais uma vez o grande vilão é, quem diria, a gelatina! Não pense que as cervejas artesanais são melhores, porque o perigo maior está exatamente nelas. Isso porque muitas delas originalmente têm uma coloração marrom, então para clareá-la o cervejeiro coloca gelatina incolor na mistura e a deixa curtindo por alguns dias. E como nós já explicamos, o produto é feito a partir de partes do corpo de alguns animais, e portanto deve ser evitado tanto por vegetarianos quanto por veganos. Uma boa solução é aproveitar a deixa para cortar a bebida de vez e passar a tomar apenas drinks não alcoólicos.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada

Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada

Presente em uma série de mitos sobre a alimentação, o ovo é um alimento que costuma causar muita controvérsia entre os consumidores. Enquanto algumas pessoas...

> Leia mais
5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral

5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral 5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral

Importante para a saúde dos ossos, nervos e músculos, o potássio é um mineral abundante e extremamente necessário para o nosso organismo. Quem sofre...

> Leia mais
Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Ter uma alimentação rica em vitaminas é fundamental para fortalecer a imunidade e garantir o bom funcionamento do organismo como um todo. O complexo K, em...

> Leia mais
Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais
Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Usar cogumelos para incrementar receitas veganas ou vegetarianas é sempre uma boa opção. Afinal, eles acrescentam muito em termos nutricionais e agregam mais...

> Leia mais
Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais