Alimentos que parecem inofensivos para veganos, mas que têm origem animal

A gelatina é feita a partir da cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, e se for vermelha ainda pode conter um corante que é extraído de um inseto
A gelatina é feita a partir da cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, e se for vermelha ainda pode conter um corante que é extraído de um inseto

Virar vegetariano não consiste em simplesmente cortar a carne do cardápio. Para isso é preciso fazer uma dieta balanceada, na qual é necessário substituir os nutrientes da carne por outros bem saudáveis. Se a partir daí a pessoa resolveu virar vegana, então, a tarefa se mostra ainda mais difícil, embora nada impossível. Mas por mais empenhada que ela esteja com a sua causa, ainda assim há alguns alimentos que podem se tornar verdadeiras armadilhas. Isso porque, embora não pareça, eles têm em seu preparo algum produto de origem animal.

Gelatina

Tudo bem que muitos vegetarianos e veganos já sabem que a gelatina é uma sobremesa proibida, mas ainda assim não custa nada lembrar. Ela é feita a partir de cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, como o boi. A boa notícia é que se você gosta muito desse doce - que pode vir na sua versão diet - existe um bom substituto: o ágar-ágar, que é extraído a partir de algas marinhas. Por ser transparente e sem um sabor forte, o ideal é misturá-lo com o suco de alguma fruta, que preferencialmente deve ser fresca, permitindo que você crie uma gelatina 100% vegana.

Batata frita

É bem possível que você tenha ouvido falar que no passado as pessoas conservavam os alimentos na banha, e graças à geladeira essa prática se tornou cada vez menos comum. Só que nem por isso a gordura de porco deixou de ser utilizada. Na verdade, hoje muitos food trucks utilizam o artifício para deixar a carne de seus hambúrgueres mais saborosas. Só que ela muitas vezes é utilizada também em outros alimentos fritos, como é o caso da batata. E embora a gordura animal seja mais saudável que óleos vegetais quando ambos estão expostos a altas temperaturas, eles ainda assim não devem ser ingeridos por vegetarianos ou veganos exatamente pela sua origem. Se esse é o seu caso, evite comer batata frita na rua, e até comprar as congeladas, que também podem conter banha. Dê preferência a escolher suas próprias batatas no mercado ou na feira e fazer você mesmo em casa.

Comidas com corante vermelho

Sabe aqueles alimentos que de tão vermelhos fazem a sua língua adquirir um pouco da tonalidade? Em geral vemos isso ocorrer após comer uma bala ou pirulito, e sabemos que isso se deve ao seu corante. Mas o que muita gente não sabe é que o responsável pode ser um composto químico chamado E120, que é usado tanto na alimentação quanto em tintas e cosméticos, como batons. O grande problema é que ele vem da extração de um inseto chamado cochonilha. Pois é, o animal é morto para que dele a substância de coloração vermelho vivo seja extraída. De acordo com a Anvisa (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária), aqui no Brasil ele é "Utilizado em medicamentos em geral". De qualquer forma, é bom ficar atento aos rótulos, ainda mais porque se o produto for importado nada garante que o E120, também conhecido como "carmim", não estará presente. Lembrando que as frutas vermelhas nada têm a ver com isso, ok?

Cerveja

Embora aparentemente seja uma bebida que pode ser consumida até por veganos ela pode sim conter um ingrediente de origem animal. E mais uma vez o grande vilão é, quem diria, a gelatina! Não pense que as cervejas artesanais são melhores, porque o perigo maior está exatamente nelas. Isso porque muitas delas originalmente têm uma coloração marrom, então para clareá-la o cervejeiro coloca gelatina incolor na mistura e a deixa curtindo por alguns dias. E como nós já explicamos, o produto é feito a partir de partes do corpo de alguns animais, e portanto deve ser evitado tanto por vegetarianos quanto por veganos. Uma boa solução é aproveitar a deixa para cortar a bebida de vez e passar a tomar apenas drinks não alcoólicos.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Casca de maracujá: 5 motivos para nunca desperdiçar essa parte fibrosa da fruta

Casca de maracujá: 5 motivos para nunca desperdiçar essa parte fibrosa da fruta Casca de maracujá: 5 motivos para nunca desperdiçar essa parte fibrosa da fruta

Nada mais gostoso que um suco de maracujá para relaxar, não é mesmo? A fruta é famosa pelo seu sabor inigualável e suas propriedades calmantes. Mas o que...

> Leia mais
Receitas com pitaya: 4 opções saudáveis que farão você se deliciar com a fruta

Receitas com pitaya: 4 opções saudáveis que farão você se deliciar com a fruta Receitas com pitaya: 4 opções saudáveis que farão você se deliciar com a fruta

A pitaya é uma fruta deliciosa e ainda pouco conhecida por muita gente. Apelidada de "fruta do dragão", por suas cores diferentes e chamativas e seu aspecto...

> Leia mais
Oca do Peru: os benefícios desse tubérculo famoso na culinária andina

Oca do Peru: os benefícios desse tubérculo famoso na culinária andina Oca do Peru: os benefícios desse tubérculo famoso na culinária andina

Ao ler o nome oca talvez você pense que estamos falando sobre a moradia tradicional indígena, mas não! Também conhecida como oca do Peru, esse tubérculo é...

> Leia mais
Você conhece o glutamato monossódico? Saiba os perigos do realçador de sabor

Você conhece o glutamato monossódico? Saiba os perigos do realçador de sabor Você conhece o glutamato monossódico? Saiba os perigos do realçador de sabor

Você provavelmente já passou por ele sem nem perceber várias vezes. Isso porque esse ingrediente se disfarça sob várias "identidades": realçador de sabor,...

> Leia mais
Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Você com certeza já ouviu falar do flúor na hora de ir ao dentista, ou nas indicações para comprar algum creme ou enxaguante bucal. Porém, apesar de não...

> Leia mais
Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

A gente sabe que ser saudável não é uma tarefa fácil em um primeiro momento. Afinal, para que ter trabalho levando comida de casa para o trabalho ou...

> Leia mais
Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Quando você chega do mercado o que faz com as compras? Provavelmente guarda cada alimento no seu respectivo destino, certo? O problema é que às vezes surge...

> Leia mais
Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

A cada quatro mães de recém-nascidos brasileiras, uma sofre de depressão pós-parto. Com os hormônios ainda em reajuste, a mulher pode experimentar um período...

> Leia mais
5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado 5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

A água representa 70% do nosso organismo e é essencial para o nosso corpo. Inclusive, beber água é, muitas vezes, receituário médico em diversas situações....

> Leia mais
10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer 10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

Se tem uma coisa que não pode faltar na casa do brasileiro, decididamente, é o feijão. E por aqui a gente tem vários tipos: feijão preto, branco, manteiga,...

> Leia mais