Melhore a sua digestão com os benefícios da ameixa

Grande aliada para nossa digestão, a ameixa é uma fruta muito popular no Brasil e usada nas mais diversas dietas e preparações alimentares no país. Cientificamente conhecida como "prunus domestica" , ela é comumente aproveitada em receitas caseiras para regular o intestino.

"É uma fruta riquíssima em fibras solúveis que ajudam no melhor funcionamento intestinal, além de ser fonte de isatina e sorbitol, que também ajudam nesse processo", explica a nutricionista Carolina Baliere.

Mas os benefícios da ameixa à saúde não param por aí: a fruta é rica em vitaminas do complexo B, além de vitaminas A, C e K, e minerais como magnésio, fósforo, potássio, ferro, cálcio e zinco. Ou seja, elas beneficiam a visão, melhoram o sistema imunológico, tem propriedades anticoagulantes e aumenta a densidade óssea.

A Dra. Carolina ainda destaca que a fruta é rica em antocianinas e catequinas, poderosos antioxidantes que atuam no combate ao envelhecimento precoce das células causado pelos radicais livres. Além disso, por ter função anti-inflamatória, a ameixa também ajuda na perda de peso. Mas, atenção: por ser calórica, o ideal é consumir até três ameixas secas por dia, já que cada unidade da fruta contém 19 calorias.

A nutricionista sugere um shake para aproveitar todo o sabor das ameixas e seus benefícios: bater 1 copo de leite vegetal (de macadâmia ou amêndoas), com 5 ameixas secas ou 2 vermelhas, meia banana e 1 colher de sopa de chia. A combinação de nutrientes é ideal para potencializar os efeitos benéficos da fruta à saúde do trato digestivo.

Nutrientes fundamentais à saúde presentes na ameixa

Potássio – Responsável por equilibrar o sódio no organismo, o potássio é um dos principais minerais na prevenção da hipertensão, na regulação do metabolismo e no combate ao estresse e ansiedade.

Magnésio – Segundo mineral mais importante para o organismo humano (atrás apenas do potássio), o magnésio é fundamental para manter a saúde óssea, combater os radicais livres e auxiliar na produção de proteínas. Ele também limpa as artérias e atua no controle da hipertensão.

Fósforo – Encontrado em grandes quantidades no cérebro, o fósforo é fundamental para combater a debilidade cerebral. Além disso, o fósforo também é importante no equilíbrio hormonal e diminuição da fadiga e fraqueza do corpo.

Zinco – Fundamental para conservar a saúde reprodutiva e para prevenir doenças crônicas e cardiovasculares.

Antioxidantes – A catequina e antiocina atuam no combate aos radicais livres que promovem o envelhecimento precoce e oxidação das células do organismo. Elas também possuem propriedades anti-inflamatórias.

Vitamina A – Protege os olhos, mantém a integridade da pele e evita infecções.

Vitamina K – Melhora a circulação sanguínea e promove a saúde dos ossos.

Vitaminas B – Mantém a integridade do sistema neurológico, saúde da pele, unha e cabelos, reduz o risco de infartos e reforça o sistema imunológico.

Vitamina C – Também responsável por fortalecer o sistema imunológico e melhorar a absorção de ferro, fundamental para evitar doenças como anemia e dificuldade de aprendizado em crianças.

Ver mais: Alimentação saudável, Alimentos sem lactose, Alimentos sem glúten, Alimentos ricos em fibras, Alimentos ricos em cálcio, Frutas, Alimentos orgânicos, Complexo B

Últimas matérias