Xô, preconceito! 9 alimentos exóticos que você deveria provar

O mangostão é bom para diabéticos, pois diminui os níveis de açúcar no sangue.
O mangostão é bom para diabéticos, pois diminui os níveis de açúcar no sangue.

Comer alimentos naturais é uma boa alternativa para quem quer levar uma vida mais saudável. Mas existem muitos alimentos que você não conhece e que podem turbinar sua alimentação e contribuir muito para a sua saúde. Feche os olhos para o preconceito e conheça 9 alimentos exóticos que vão trazer um sabor a mais na sua rotina.

1. Amaranto, o cereal amigo dos celíacos

O amaranto é um cereal exótico recheado de benefícios. Ele é fonte de proteínas, o que favorece o fortalecimento dos músculos, e de cálcio, fortalecendo ossos e dentes e combatendo a osteoporose. Por ser rico em antioxidantes, ele previne diversos tipos de câncer, combate o envelhecimento precoce e fortalece o sistema imunológico. O amaranto também é rico em fibras, o que melhora o funcionamento intestinal, auxilia no emagrecimento saudável e auxilia na prisão de ventre. E alô, celíacos: ele também é livre de glúten!

2. Alfarroba, um bom substituto do chocolate

Esse alimento exótico é um fruto que produz uma polpa naturalmente doce, que pode ser transformada em pó e se tornar uma substituta do cacau. Ele é rico em complexo B e em vitamina A, que protege os olhos e a pele. Ela também é um alimento altamente fibroso, o que aumenta a sensação de saciedade. A alfarroba também é um poderoso antidiarreico e amigo do estômago, do intestino, regula o colesterol e é antioxidante. Diabéticos podem consumi-la à vontade, pois não contém açúcar.

3. Cagaita: fruta do cerrado é rica em vitamina C

A cagaita é uma fruta rica em vitamina C e antioxidantes, que dão ânimo, energia, combatem à anemia e fortalecem o sistema imunológico, além de prevenirem o câncer e combaterem o envelhecimento precoce. A cagaita, entretanto, precisa ser consumida com parcimônia, pois o fruto exposto ao sol tem efeito laxante.

4. Kiwano, uma fruta diferente

Apesar do nome, ele não se assemelha em nada com o kiwi. Essa é uma fruta famosa na África e na Ásia e está vindo timidamente para o Brasil. Rico em antioxidantes e vitamina C, o kiwano é bom para a saúde do cérebro, do metabolismo e dos olhos. Também combate o estresse, a ansiedade e o envelhecimento precoce.

5. Rambutão previne a diabetes

Essa fruta, muito semelhante à lichia, é repleta de benefícios. Rica em vitamina C e minerais como cálcio, ferro e fósforo, ela é boa para a saúde dos ossos, dos cabelos e dos rins. O pó feito com rambutão é conhecido por prevenir a diabetes, sendo indicado para pessoas com a doença na família.

6. Araçá-rosa é altamente proteico

Quer um alimento rico em proteínas? Então precisa conhecer o araçá-rosa, fruta facilmente encontrada em diversas regiões do Brasil. Ela também é excelente para gripes e resfriados, além de ter propriedades antimicrobianas. Suas folhas têm poder antibiótico e anti-inflamatório, e sua polpa ajuda no tratamento da prisão de ventre, do estresse e da ansiedade.

7. Taioba: semelhante ao inhame, ela combate a anemia

A taioba é um vegetal parecido com o inhame, muito usado em saladas e em sucos detox graças aos seus benefícios para a saúde. Por ser rica em fibras, ela é amiga do intestino e aumenta a sensação de saciedade. Rica em vitaminas A e C, também protege a visão, a pele, atua como antioxidante e ajuda a combater a anemia.

8. Tamarilho é bom para o colesterol

O tamarilho é uma frutinha pequena ainda desconhecida em boa parte do país. Porém, seus benefícios são inúmeros: regula a pressão arterial, reduz os níveis de colesterol ruim no sangue, é bom para a saúde do fígado e do sistema nervoso e tem efeito laxante. Ele também é poderoso em casos de gripe e melhora o sistema imunológico.

9. Mangostão diminui os níveis de açúcar no sangue

Diabéticos, essa é para vocês! O mangostão ajuda a tratar a doença, pois diminui os níveis de glicose no sangue. Antioxidante e com função antibacteriana, ele ajuda no tratamento de doenças e protege a pele e os cabelos. Seus benefícios não param por aí: ele controla a pressão arterial, é amigo do estômago e combate o mal de Alzheimer.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais