Você sabia que alguns nutrientes podem inibir a ação de outros? Entenda!

A combinação de hambúrguer com milkshake não é muito recomendável, pois o cálcio do leite (presente na bebida) pode inibir a absorção do ferro (que está na carne do hambúrguer)
A combinação de hambúrguer com milkshake não é muito recomendável, pois o cálcio do leite (presente na bebida) pode inibir a absorção do ferro (que está na carne do hambúrguer)
Roni Cardoso

Consultor:

Roni Cardoso

Formado em Nutrição pela Unigranrio, é pós-graduando em Nutrição e Fisiologia Aplicados ao Exercício no Instituto BBSFS

Muita gente não sabe, mas existem alguns alimentos que, quando ingeridos juntos, acabam se anulando. Isso porque alguns nutrientes acabam funcionando como "inibidores" de outros e, por isso, o ideal é que você os consuma separadamente. Para aprofundar mais esse assunto, a gente conversou com o nutricionista Roni Cardoso Alexandre, que contou quais são as principais combinações que não dão muito certo. Confira!

Cálcio funciona como inibidor do ferro

Você sabia que o cálcio tem a capacidade de inibir a absorção de ferro pelo organismo? Pois é, isso ocorre porque essas duas substâncias têm propriedades semelhantes - tal como o mecanismo de transporte celular, que é bem parecido nos dois casos. Por isso, o excesso de um pode resultar na inibição da absorção do outro, de modo que o mais recomendado é ingerir esses nutrientes separadamente.

"Entre as diferentes interações, sem dúvida, uma das mais frequentes é a do cálcio inibindo a absorção de ferro. O que pode ser ainda grave no caso do Brasil, tendo em mente que a maior parte da população brasileira costuma ter certa deficiência de ferro no organismo. Por conta disso, não é muito indicado consumir leite e derivados durante o almoço ou jantar, refeições que normalmente têm um maior aporte de ferro vindo das carnes e leguminosas. Também não é muito indicado comer sobremesas a base de leite com muita frequência", explica o nutricionista Roni.

Excesso de zinco também pode inibir a absorção de cobre

A combinação zinco + cobre também não está entre as mais recomendadas. Isso porque o zinco em excesso acaba aumentando a síntese da proteína metalotioneína que, por sua vez, se liga ao cobre e impede que ele seja absorvido pela mucosa intestinal. Por isso, uma boa dica é tentar ingerir esses nutrientes em horas distintas do dia.

O cobre, por exemplo, é um mineral que pode ser encontrado na maioria dos cereais, como a aveia, cevada, trigo e muitos outros. Já o zinco está presente na maioria das carnes, como frangos, peixes, miúdos e por aí vai. Sabendo quais são os principais alimentos ricos nesses nutrientes, você pode fazer uma dieta mais inteligente e regrada: nas refeições principais (almoço e jantar), você irá ingerir os pratos mais ricos em zinco, geralmente formados por carnes. Já no lanche da tarde, o cobre estará presente em maior quantidade - no mix de cereais, pães de centeio e outros alimentos. Não tem erro!

Obs.: A vitamina C em excesso também pode funcionar como vilã do organismo. Isso porque, quando presente em grande quantidade, ela pode impedir a absorção do cobre e do cálcio. Por isso, você deve tomar cuidado para não consumir frutas cítricas, como o limão, laranja, e o abacaxi (assim como outros alimentos ricos em vitamina C) de forma exagerada.

O mais importante é evitar os excessos

Vale ressaltar que não há problema algum ingerir esses nutrientes (cálcio + ferro e zinco + cobre, por exemplo) ao mesmo tempo. No pior dos casos, o que pode acontecer é o não aproveitamento completo de substâncias. "Na verdade, quando temos uma rotina de alimentação saudável não temos que ficar presos a esse tipo de pensamento (a respeito de nutrientes que se anulam). O grande problema sempre estará no excesso, que é o que pode causar determinados desequilíbrios. Hoje em dia, com essa moda de suplementar vitaminas e minerais por conta própria, é que esse exagero se tornou algo mais comum", completa Roni Cardoso.

Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

Chá de cebola: para que serve e como preparar

Chá de cebola: para que serve e como preparar Chá de cebola: para que serve e como preparar

Que tal aproveitar cascas, talos, sementes e caules de vegetais para fazer diferentes receitas na cozinha? O chá de cebola, em especial, é uma bebida...

> Leia mais
Mozzarella de búfala: conheça os benefícios desse tipo de queijo

Mozzarella de búfala: conheça os benefícios desse tipo de queijo Mozzarella de búfala: conheça os benefícios desse tipo de queijo

Escolher tipos de queijo mais saudáveis para comer no dia a dia é importante para reduzir o consumo de sódio e gorduras. A mozzarella de búfala, em especial,...

> Leia mais
Macarrão de abobrinha é saudável e não tem glúten! Aprenda a preparar

Macarrão de abobrinha é saudável e não tem glúten! Aprenda a preparar Macarrão de abobrinha é saudável e não tem glúten! Aprenda a preparar

Considerado um prato vegano bem leve e nutritivo, o macarrão de abobrinha é fácil de preparar e fica delicioso! Aqui, em vez de usar o espaguete comum, a...

> Leia mais
Oat bran: saiba tudo sobre esse tipo de aveia

Oat bran: saiba tudo sobre esse tipo de aveia Oat bran: saiba tudo sobre esse tipo de aveia

Oat bran é sinônimo de saúde e você precisa experimentar! Este é um dos tipos de aveia e faz parte de receitas culinárias mais saudáveis, como o preparo de...

> Leia mais
Sobremesa de morango: 3 sugestões de doces com a fruta

Sobremesa de morango: 3 sugestões de doces com a fruta Sobremesa de morango: 3 sugestões de doces com a fruta

Quem não gosta de uma sobremesa de morango logo depois de um almoço de domingo, né? Os preparos com a fruta vermelha são supernutritivos e garantem um sabor...

> Leia mais
Queijo cottage: nutricionista explica o que é e quais são os benefícios

Queijo cottage: nutricionista explica o que é e quais são os benefícios Queijo cottage: nutricionista explica o que é e quais são os benefícios

O queijo cottage é uma opção simples e saudável para adicionar mais proteína às refeições! É possível encontrar diferentes tipos de queijo no mercado, mas...

> Leia mais
Qualidade desde a Origem: as boas práticas de Taeq para controle dos alimentos

Qualidade desde a Origem: as boas práticas de Taeq para controle dos alimentos Qualidade desde a Origem: as boas práticas de Taeq para controle dos alimentos

É sempre bom conhecer a origem dos alimentos que consumimos, não é mesmo? Melhor ainda é ter a certeza de que a comida que colocamos no prato passou por...

> Leia mais
Ovo cozido: conheça os benefícios e variações para comer todo dia

Ovo cozido: conheça os benefícios e variações para comer todo dia Ovo cozido: conheça os benefícios e variações para comer todo dia

O ovo cozido está presente na rotina alimentar dos brasileiros, principalmente daqueles que treinam regularmente e estão em busca de massa muscular magra!...

> Leia mais
Mindful eating: 10 passos para desenvolver uma alimentação consciente

Mindful eating: 10 passos para desenvolver uma alimentação consciente Mindful eating: 10 passos para desenvolver uma alimentação consciente

Praticar exercícios de mindfulness (atenção plena) ajuda a melhorar o foco, a memória, a concentração e ainda reduz o estresse e a ansiedade. A melhor parte...

> Leia mais
Suco de uva branco é uma delícia! Conheça os benefícios dessa bebida refrescante

Suco de uva branco é uma delícia! Conheça os benefícios dessa bebida refrescante Suco de uva branco é uma delícia! Conheça os benefícios dessa bebida refrescante

Adicionar alimentos light à rotina alimentar pode ser uma ideia muito saudável e o Suco de Uva Branco Integral Taeq é o exemplo perfeito disso! A bebida...

> Leia mais