Você sabia que alguns nutrientes podem inibir a ação de outros? Entenda!

A combinação de hambúrguer com milkshake não é muito recomendável, pois o cálcio do leite (presente na bebida) pode inibir a absorção do ferro (que está na carne do hambúrguer)
A combinação de hambúrguer com milkshake não é muito recomendável, pois o cálcio do leite (presente na bebida) pode inibir a absorção do ferro (que está na carne do hambúrguer)

Muita gente não sabe, mas existem alguns alimentos que, quando ingeridos juntos, acabam se anulando. Isso porque alguns nutrientes acabam funcionando como "inibidores" de outros e, por isso, o ideal é que você os consuma separadamente. Para aprofundar mais esse assunto, a gente conversou com o nutricionista Roni Cardoso Alexandre, que contou quais são as principais combinações que não dão muito certo. Confira!

Cálcio funciona como inibidor do ferro

Você sabia que o cálcio tem a capacidade de inibir a absorção de ferro pelo organismo? Pois é, isso ocorre porque essas duas substâncias têm propriedades semelhantes - tal como o mecanismo de transporte celular, que é bem parecido nos dois casos. Por isso, o excesso de um pode resultar na inibição da absorção do outro, de modo que o mais recomendado é ingerir esses nutrientes separadamente.

"Entre as diferentes interações, sem dúvida, uma das mais frequentes é a do cálcio inibindo a absorção de ferro. O que pode ser ainda grave no caso do Brasil, tendo em mente que a maior parte da população brasileira costuma ter certa deficiência de ferro no organismo. Por conta disso, não é muito indicado consumir leite e derivados durante o almoço ou jantar, refeições que normalmente têm um maior aporte de ferro vindo das carnes e leguminosas. Também não é muito indicado comer sobremesas a base de leite com muita frequência", explica o nutricionista Roni.

Excesso de zinco também pode inibir a absorção de cobre

A combinação zinco + cobre também não está entre as mais recomendadas. Isso porque o zinco em excesso acaba aumentando a síntese da proteína metalotioneína que, por sua vez, se liga ao cobre e impede que ele seja absorvido pela mucosa intestinal. Por isso, uma boa dica é tentar ingerir esses nutrientes em horas distintas do dia.

O cobre, por exemplo, é um mineral que pode ser encontrado na maioria dos cereais, como a aveia, cevada, trigo e muitos outros. Já o zinco está presente na maioria das carnes, como frangos, peixes, miúdos e por aí vai. Sabendo quais são os principais alimentos ricos nesses nutrientes, você pode fazer uma dieta mais inteligente e regrada: nas refeições principais (almoço e jantar), você irá ingerir os pratos mais ricos em zinco, geralmente formados por carnes. Já no lanche da tarde, o cobre estará presente em maior quantidade - no mix de cereais, pães de centeio e outros alimentos. Não tem erro!

Obs.: A vitamina C em excesso também pode funcionar como vilã do organismo. Isso porque, quando presente em grande quantidade, ela pode impedir a absorção do cobre e do cálcio. Por isso, você deve tomar cuidado para não consumir frutas cítricas, como o limão, laranja, e o abacaxi (assim como outros alimentos ricos em vitamina C) de forma exagerada.

O mais importante é evitar os excessos

Vale ressaltar que não há problema algum ingerir esses nutrientes (cálcio + ferro e zinco + cobre, por exemplo) ao mesmo tempo. No pior dos casos, o que pode acontecer é o não aproveitamento completo de substâncias. "Na verdade, quando temos uma rotina de alimentação saudável não temos que ficar presos a esse tipo de pensamento (a respeito de nutrientes que se anulam). O grande problema sempre estará no excesso, que é o que pode causar determinados desequilíbrios. Hoje em dia, com essa moda de suplementar vitaminas e minerais por conta própria, é que esse exagero se tornou algo mais comum", completa Roni Cardoso.

* Roni Cardoso Alexandre (CRN: 19100186) é formado em Nutrição pela UnigranRio

Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica

Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica

Você já ouviu falar no abrótano? De nome científico Artemisia abrotanum, essa planta medicinal é muito usada no preparo de chás. Ela é originária da Ásia,...

> Leia mais
Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis

Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis

Existem algumas receitas saborosas - como frituras e doces - que acabam sendo muito calóricas e maléficas para o organismo. Isso porque elas são fontes de...

> Leia mais
Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros

Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros

Para quem é vegano ou vegetariano é muito importante incluir leguminosas no cardápio diário. Elas são fontes importantes de ferro, proteínas e garantem uma...

> Leia mais
Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal

Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal

Pertencente ao universo das plantas medicinais, a unha de gato é uma erva muito usada em tratamentos fitoterápicos - sendo consumida em forma de chá ou...

> Leia mais
Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou

Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou

Com que frequência você bebe refrigerante? No caso da cineasta Nathália Souza, de 26 anos, a resposta é "todos os dias". "Na época de faculdade bebia de duas...

> Leia mais
Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D

Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D

Você já deve ter ouvido falar sobre a importância de tomar sol. Afinal, a exposição aos raios solares ativa a produção de vitamina D que, por sua vez,...

> Leia mais
Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil

Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil

Experimentar pratos de culinárias diferentes é sempre algo interessante. As comidas coreanas, em especial, vêm se popularizando bastante no Brasil -...

> Leia mais
Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo

Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo

Existem muitos vegetais - como jiló, berinjela e agrião - que têm um sabor mais amargo e, por isso, não agradam o paladar de muitas pessoas (principalmente o...

> Leia mais
GPA adota bandejas biodegradáveis em produtos das marcas Taeq e Qualitá

GPA adota bandejas biodegradáveis em produtos das marcas Taeq e Qualitá GPA adota bandejas biodegradáveis em produtos das marcas Taeq e Qualitá

Você sabia que o plástico leva 100 anos para se decompor na natureza e que o tempo do isopor é indeterminado? Foi pensando no bem-estar do nosso planeta que...

> Leia mais
5 receitas lights que você pode preparar sem medo

5 receitas lights que você pode preparar sem medo 5 receitas lights que você pode preparar sem medo

Para quem quer seguir um estilo de vida mais saudável - com alimentos leves e nutritivos - uma boa dica é procurar por receitas lights. O problema é que...

> Leia mais