Você é sensível? Descubra os 6 traços marcantes das pessoas mais emotivas!

As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!

Você se considera uma pessoa emotiva? Daquelas que choram ao ver uma cena de um filme romântico, ou que, muitas vezes, sentem-se carentes e dão mais atenção aos sentimentos dos outros do que aos próprios, vivendo sempre de maneira reflexiva pelos cantos? Pois é, as pessoas "à flor da pele" carregam, no dia a dia, os traços bem peculiares de quem coloca o coração à frente da razão. Descubra algumas dessas características marcantes e entenda mais sobre os prós e contras de levar a vida dessa maneira tão intensa.

A primeira ideia que precisamos separar em relação às pessoas emotivas é: sensibilidade não é sinônimo fraqueza! Ou seja, ser sensível vai além das questões de sofrimento. Segundo o psicólogo Igor Teo, todo mundo é sensível, no entanto, as variações ocorrem nos assuntos, questões e, principalmente, na capacidade de equilibrar as reações:

"Aquilo que nos causa reações emocionais não é igual para todos. As pessoas mais sensíveis costumam refletir mais sobre determinadas questões que os demais. Geralmente se preocupam muito com aquilo que estão sentindo, e uma decisão de fazer algo ou não (por exemplo, sair de casa ou assistir um filme) depende muito de como ela intimamente está se sentindo", explica o profissional que indica os principais traços das pessoas sensíveis. Confira!

6 traços de pessoas emocionalmente sensíveis

1- São muitos intensas: Pessoas sensíveis costumam sentir as coisas de forma mais profunda. "Quando acontece algum problema, elas mergulham na sua intimidade e passam muito tempo pensando naquilo. Vivem de uma maneira quase intuitiva", analisa o psicólogo.

2 - Têm emoções à flor da pele: Suas reações costumam ser mais emotivas. "Quando acontece alguma coisa, não irão analisar friamente, mas de maneira empática, demonstrando grande preocupação, especialmente quando se trata de um amigo", explica o profissional.

3 - Curtem momentos de solidão: Muitas vezes confundida com a introspecção, as pessoas sensíveis, às vezes, preferem realizar atividades sozinhas: "Quando em grupo, elas possuem a sensação de que todo mundo está lhe observando", completa o terapeuta.

4 - Vivem sempre indecisos: Podem demorar muito para tomar decisões. "Como possuem a percepção das sutilezas, mesmo quando não há algo "certo" ou "errado" a ser decidido, as pessoas sensíveis repensam constantemente as consequências de suas escolhas", reitera.

5- Estão sempre se culpando: Ter a impressão que erradam na escolha, pode causar um grande desconforto: "Também possuem medo de serem criticadas, fazendo de tudo para evitar críticas. Levar a vida com mais leveza é um grande desafio para seu desenvolvimento pessoal", explica o Dr. Igor Teo.

6 - São extremamente detalhistas: Coisas pequenas e que normalmente passam despercebidas para as demais pessoas podem ser bem irritantes para os emocionalmente sensíveis, como ruídos ou desorganização, por exemplo.

Pessoas sensíveis: Descubra as vantagens dessa sensibilidade!

Para Igor Teo, as pessoas mais sensíveis estão mais próximas do autoconhecimento: "Como não costumam ignorar seus próprios sentimentos, elas conhecem bastante do seu modo de ser e pensar. O que pode ser um grande facilitador para mudanças positivas. Conhecer seu jeito de agir é meio caminho andado para seu desenvolvimento pessoal", explica o profissional.

"Pessoas sensíveis também costumam desempenhar muito bem o seu trabalho quando conseguem dosar sua sensibilidade. Como possuem um pensamento profundo, conhecem bem aquilo que a carreira escolhida necessita. A sensibilidade também as tornam altamente conscientes. Por conta disto, às vezes são extremamente educadas e atenciosas", completa o psicólogo.

Cuidados com os sensíveis? A sensibilidade não é ruim!

Para quem julga a sensibilidade como algum ruim no dia a dia, o psicólogo alega que a sensibilidade não é um problema, pelo contrário, deve ser vista como uma característica comum da personalidade, e que nos faz ser quem realmente somos:

"Uma sensibilidade aguçada é uma grande qualidade para determinadas carreiras que lidam com o cuidado do outro, dos sentimentos e das artes. O problema é quando a sensibilidade se manifesta de maneira exagerada. Quando começa a tomar conta da vida, e a pessoa não consegue se desapegar de pensar emocionalmente questões que não devem ser levadas de maneira tão pesada", indaga.

"As pessoas sensíveis precisam compreender que nem sempre o outro pensa e sente da mesma maneira que ela. Suas percepções tem a ver com consigo mesmas. Então não adianta temer fazer algo porque não sabe como o outro vai pensar, ou ter medo de errar, já que os erros fazem parte da vida. Encarar a vida com mais leveza é a grande dica. Elas possuem o dom de escutar a voz do coração. Os sentimentos são excelentes companheiros quando desfrutamos deles", ressalta Igor.

Entenda seus sentimentos! A terapia pode ajudar!

Procurar ajuda profissional independe das pessoas sensíveis. A terapia funciona como um meio de organizar seus sentimentos, entendê-los e até mesmo justificá-lo. Por isso, qualquer processo psicoterapêutico que faça a pessoa perceber o peso que tem dado para suas emoções pode ajudá-la a lidar melhor com elas.

"Não se trata de querer calar seus sentimentos, mas melhor escutá-los. Sendo uma pessoa altamente emocional, ela pode estar sendo iludida por seus próprios sentimentos. É preciso seguir a voz do coração para ser feliz, mas de maneira consciente. É muito bom quando podem falar dessas experiências para um profissional, e assim superá-las. Buscar terapia é altamente recomendado quando você sente que não dá para dar conta dos sentimentos negativos", finaliza o psicólogo.

* Igor Teo (CRP05/48957) é psicólogo formado pela UERJ e disponibiliza seu site para contato e outras informações: https://www.igorteo.com.br/

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer

Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer

Encontrado, principalmente, nas regiões do Pará, o camapu é uma planta amazônica que vem sendo muito estudada pelos pesquisadores do Norte do Brasil. Devido...

> Leia mais
Como fazer shawarma, a receita árabe que se popularizou no Brasil

Como fazer shawarma, a receita árabe que se popularizou no Brasil Como fazer shawarma, a receita árabe que se popularizou no Brasil

Conhecido como o famoso sanduíche árabe, a receita de shawarma se popularizou em diversas regiões do Brasil nos últimos anos. Chamado também de gyros, kebab...

> Leia mais
Chá de marcela serve para tratar dores! Conheça os benefícios da bebida

Chá de marcela serve para tratar dores! Conheça os benefícios da bebida Chá de marcela serve para tratar dores! Conheça os benefícios da bebida

Dono de propriedades medicinais que ajudam a tratar dores no corpo, o chá de marcela é o produto de uma planta brasileira muito consumida no Sul do país....

> Leia mais
O que é creatina e quais alimentos possuem a substância

O que é creatina e quais alimentos possuem a substância O que é creatina e quais alimentos possuem a substância

Conhecida como um tipo de suplemento alimentar usado para melhorar a performance em diversas atividades físicas, a creatina costuma fazer parte do mundo dos...

> Leia mais
Como fazer molho branco vegano

Como fazer molho branco vegano Como fazer molho branco vegano

Preparado, normalmente, com leite, creme de leite e manteiga, o molho branco - também conhecido como o famoso molho bechamel - é uma das principais opções...

> Leia mais
Dia da Consciência Negra: 6 comidas de origem africana para celebrar a data

Dia da Consciência Negra: 6 comidas de origem africana para celebrar a data Dia da Consciência Negra: 6 comidas de origem africana para celebrar a data

Marcado por muitas memórias e heranças culturais, o Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro no Brasil, relembra a data da morte de Zumbi dos...

> Leia mais
Bolinho de chuva vegano e outras versões saudáveis da receita

Bolinho de chuva vegano e outras versões saudáveis da receita Bolinho de chuva vegano e outras versões saudáveis da receita

Apesar de ser feito, tradicionalmente, com leite, ovos, açúcar, canela e farinha de trigo, existe mais de uma maneira de preparar um delicioso bolinho de...

> Leia mais
Como substituir o arroz nas refeições de forma saudável

Como substituir o arroz nas refeições de forma saudável Como substituir o arroz nas refeições de forma saudável

Buscar um cardápio variado, com diferentes legumes, verduras, cereais, leguminosas e outros grupos alimentares, é a melhor alternativa para manter o...

> Leia mais
O que é taioba? Os benefícios dessa PANC usada como substituta da couve

O que é taioba? Os benefícios dessa PANC usada como substituta da couve O que é taioba? Os benefícios dessa PANC usada como substituta da couve

Pertencente ao grupo das PANCs (plantas alimentícias não convencionais), a taioba é um tipo de vegetal verde-escuro semelhante à couve em termos nutricionais...

> Leia mais
Conheça o breaking, dança que faz parte dos Jogos Olímpicos da Juventude

Conheça o breaking, dança que faz parte dos Jogos Olímpicos da Juventude Conheça o breaking, dança que faz parte dos Jogos Olímpicos da Juventude

Criado no Bronx, na cidade de Nova York, durante os anos 70, o breaking (ou breakdance) é um estilo de dança de rua que faz parte da cultura do Hip Hop -...

> Leia mais