Você é sensível? Descubra os 6 traços marcantes das pessoas mais emotivas!

As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!
As pessoas sensíveis têm, por características próprias, uma forma lúdica e pura de enxergar a vida. É quando o coração fala mais alto!

Você se considera uma pessoa emotiva? Daquelas que choram ao ver uma cena de um filme romântico, ou que, muitas vezes, sentem-se carentes e dão mais atenção aos sentimentos dos outros do que aos próprios, vivendo sempre de maneira reflexiva pelos cantos? Pois é, as pessoas "à flor da pele" carregam, no dia a dia, os traços bem peculiares de quem coloca o coração à frente da razão. Descubra algumas dessas características marcantes e entenda mais sobre os prós e contras de levar a vida dessa maneira tão intensa.

A primeira ideia que precisamos separar em relação às pessoas emotivas é: sensibilidade não é sinônimo fraqueza! Ou seja, ser sensível vai além das questões de sofrimento. Segundo o psicólogo Igor Teo, todo mundo é sensível, no entanto, as variações ocorrem nos assuntos, questões e, principalmente, na capacidade de equilibrar as reações:

"Aquilo que nos causa reações emocionais não é igual para todos. As pessoas mais sensíveis costumam refletir mais sobre determinadas questões que os demais. Geralmente se preocupam muito com aquilo que estão sentindo, e uma decisão de fazer algo ou não (por exemplo, sair de casa ou assistir um filme) depende muito de como ela intimamente está se sentindo", explica o profissional que indica os principais traços das pessoas sensíveis. Confira!

6 traços de pessoas emocionalmente sensíveis

1- São muitos intensas: Pessoas sensíveis costumam sentir as coisas de forma mais profunda. "Quando acontece algum problema, elas mergulham na sua intimidade e passam muito tempo pensando naquilo. Vivem de uma maneira quase intuitiva", analisa o psicólogo.

2 - Têm emoções à flor da pele: Suas reações costumam ser mais emotivas. "Quando acontece alguma coisa, não irão analisar friamente, mas de maneira empática, demonstrando grande preocupação, especialmente quando se trata de um amigo", explica o profissional.

3 - Curtem momentos de solidão: Muitas vezes confundida com a introspecção, as pessoas sensíveis, às vezes, preferem realizar atividades sozinhas: "Quando em grupo, elas possuem a sensação de que todo mundo está lhe observando", completa o terapeuta.

4 - Vivem sempre indecisos: Podem demorar muito para tomar decisões. "Como possuem a percepção das sutilezas, mesmo quando não há algo "certo" ou "errado" a ser decidido, as pessoas sensíveis repensam constantemente as consequências de suas escolhas", reitera.

5- Estão sempre se culpando: Ter a impressão que erradam na escolha, pode causar um grande desconforto: "Também possuem medo de serem criticadas, fazendo de tudo para evitar críticas. Levar a vida com mais leveza é um grande desafio para seu desenvolvimento pessoal", explica o Dr. Igor Teo.

6 - São extremamente detalhistas: Coisas pequenas e que normalmente passam despercebidas para as demais pessoas podem ser bem irritantes para os emocionalmente sensíveis, como ruídos ou desorganização, por exemplo.

Pessoas sensíveis: Descubra as vantagens dessa sensibilidade!

Para Igor Teo, as pessoas mais sensíveis estão mais próximas do autoconhecimento: "Como não costumam ignorar seus próprios sentimentos, elas conhecem bastante do seu modo de ser e pensar. O que pode ser um grande facilitador para mudanças positivas. Conhecer seu jeito de agir é meio caminho andado para seu desenvolvimento pessoal", explica o profissional.

"Pessoas sensíveis também costumam desempenhar muito bem o seu trabalho quando conseguem dosar sua sensibilidade. Como possuem um pensamento profundo, conhecem bem aquilo que a carreira escolhida necessita. A sensibilidade também as tornam altamente conscientes. Por conta disto, às vezes são extremamente educadas e atenciosas", completa o psicólogo.

Cuidados com os sensíveis? A sensibilidade não é ruim!

Para quem julga a sensibilidade como algum ruim no dia a dia, o psicólogo alega que a sensibilidade não é um problema, pelo contrário, deve ser vista como uma característica comum da personalidade, e que nos faz ser quem realmente somos:

"Uma sensibilidade aguçada é uma grande qualidade para determinadas carreiras que lidam com o cuidado do outro, dos sentimentos e das artes. O problema é quando a sensibilidade se manifesta de maneira exagerada. Quando começa a tomar conta da vida, e a pessoa não consegue se desapegar de pensar emocionalmente questões que não devem ser levadas de maneira tão pesada", indaga.

"As pessoas sensíveis precisam compreender que nem sempre o outro pensa e sente da mesma maneira que ela. Suas percepções tem a ver com consigo mesmas. Então não adianta temer fazer algo porque não sabe como o outro vai pensar, ou ter medo de errar, já que os erros fazem parte da vida. Encarar a vida com mais leveza é a grande dica. Elas possuem o dom de escutar a voz do coração. Os sentimentos são excelentes companheiros quando desfrutamos deles", ressalta Igor.

Entenda seus sentimentos! A terapia pode ajudar!

Procurar ajuda profissional independe das pessoas sensíveis. A terapia funciona como um meio de organizar seus sentimentos, entendê-los e até mesmo justificá-lo. Por isso, qualquer processo psicoterapêutico que faça a pessoa perceber o peso que tem dado para suas emoções pode ajudá-la a lidar melhor com elas.

"Não se trata de querer calar seus sentimentos, mas melhor escutá-los. Sendo uma pessoa altamente emocional, ela pode estar sendo iludida por seus próprios sentimentos. É preciso seguir a voz do coração para ser feliz, mas de maneira consciente. É muito bom quando podem falar dessas experiências para um profissional, e assim superá-las. Buscar terapia é altamente recomendado quando você sente que não dá para dar conta dos sentimentos negativos", finaliza o psicólogo.

* Igor Teo (CRP05/48957) é psicólogo formado pela UERJ e disponibiliza seu site para contato e outras informações: https://www.igorteo.com.br/

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Imagine esta cena: você está em um restaurante, e observa algumas pessoas, seja um grupo de amigos ou uma família, em volta de uma mesa com suas refeições,...

> Leia mais
7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca 7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

Para aproveitar todos os nutrientes que os alimentos têm a oferecer, é importante que você consuma não apenas a polpa, mas também as suas cascas e sementes....

> Leia mais
Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

É muito bom descobrir maneiras novas de preparar os alimentos, né? Seja usando temperos ou métodos de cozimento variados, é sempre possível inovar na...

> Leia mais
Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos

Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos

Encontrado em diversos tipos de plástico, policarbonato, resina e alumínio, o Bisfenol A - também chamado de BPA - é uma substância química utilizada para...

> Leia mais
Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir

Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir

Para quem sofre com insônia ou problemas para dormir, tomar chás calmantes na parte da noite é uma ótima dica. Existem diversas plantas medicinais, frutas e...

> Leia mais
Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele

Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele

O maior órgão do nosso corpo é a pele. Sendo assim, nada mais justo do que se preocupar com a sua saúde. Uma das substâncias que ajudam a cuidar da...

> Leia mais
Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida

Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida

A melancia é uma das frutas preferidas dos brasileiros: conhecida pelo seu sabor doce e grande quantidade de água, ela é muito consumida por ser um alimento...

> Leia mais
Setembro amarelo: 8 bons hábitos que ajudam a melhorar a saúde mental

Setembro amarelo: 8 bons hábitos que ajudam a melhorar a saúde mental Setembro amarelo: 8 bons hábitos que ajudam a melhorar a saúde mental

A gente sabe que cuidar da saúde do corpo é essencial, mas tão importante quanto manter um corpo sadio, é estar em dia com a saúde mental. O setembro amarelo...

> Leia mais
Talos dos vegetais: 7 opções para incluir no cardápio de forma variada

Talos dos vegetais: 7 opções para incluir no cardápio de forma variada Talos dos vegetais: 7 opções para incluir no cardápio de forma variada

Para criar receitas cada vez mais diferentes, saborosas e nutritivas, o ideal é tentar usar ao máximo os ingredientes. Alguns talos de vegetais, por exemplo,...

> Leia mais
Pepino japonês, holandês, aodai e caipira: conheça os diferentes tipos do legume

Pepino japonês, holandês, aodai e caipira: conheça os diferentes tipos do legume Pepino japonês, holandês, aodai e caipira: conheça os diferentes tipos do legume

Você sabia que existem diferentes tipos de pepino? Esse legume (ou fruto salgado) é geralmente usado no preparo de saladas, tabules, risotos e até mesmo...

> Leia mais