Vitamina K: Onde podemos encontrá-la? Saiba mais sobre esse nutriente!

A vitamina K pode ser encontrada nos mais diversos alimentos, principalmente em verduras. Veja as melhores opções e como ela age em nosso organismo!
A vitamina K pode ser encontrada nos mais diversos alimentos, principalmente em verduras. Veja as melhores opções e como ela age em nosso organismo!

Muito se fala na importância das vitaminas A, B, C e D para a nossa vida, mas, e a vitamina K, você já ouviu falar? Mais um elemento fundamental dos complexos vitamínicos, essa substância, encontrada nos mais diversos alimentos, é um fonte poderosa para mantermos o corpo em dia, principalmente em relação à boa coagulação do sangue no organismo. Descubra as melhores fontes de vitamina K, como elas agem, e seus benefícios à saúde!

A vitamina K é altamente conhecida por atuar na coagulação do sangue, prevenindo hemorragias, acelerando o processo de cicatrização e evitando o desenvolvimento de tumores e doenças cardiovasculares. Segundo a nutricionista Sheila Basso, o nutriente pode ser encontrado em óleos vegetais e hortaliças, que são fontes predominantes da substância:

"A vitamina K está bem distribuída na natureza, principalmente em verduras como couve, espinafre, brócolis, repolho e folhas de nabo, em quantidade acima de 300 µg/100g. Está presente na maioria dos óleos de origem vegetal, principalmente soja e canola, em quantidade acima de 100µg/100g", explica a profissional destacando a quantidade presente em cada um dos alimentos:

- Espinafre: 380 microgramas em 100g

Consumo indicado: 3 colheres de sopa (60g)

- Couve: 440 microgramas em 100g

Consumo indicado: 1 colher de servir (42g)

- Repolho: 145 microgramas em 100g

Consumo indicado: 5 colheres de sopa (75g)

- Brócolis: 180 microgramas em 100g

Consumo indicado: 4 colheres de sopa (60g)

- Alface: 122 microgramas em 100g

Consumo indicado: 4 folhas (40g)

- Óleo de soja: 193 microgramas em 100g

Consumo indicado: 1 colher de sopa (8g)

- Óleo de canola: 127 microgramas em 100g

Consumo indicado: 1 colher de sopa (8g)

Confira a ingestão recomendada de vitamina K:

0-6 meses: 2,0 microgramas

7-12 meses: 2,5 microgramas

1-3 anos: 30 microgramas

4-8 anos: 55 microgramas

9-13 anos: 60 microgramas

14-18 anos: 75 microgramas

19-30 anos: 90 microgramas (mulheres) e 120 microgramas (homens)

31-50 anos: 90 microgramas (mulheres) e 120 microgramas (homens)

50-70 anos: 90 microgramas (mulheres) e 120 microgramas (homens)

Mais de 70 anos: 90 microgramas (mulheres) e 120 microgramas (homens)

- Gestantes:

19-30 anos: 90 microgramas

31-50 anos: 90 microgramas

- Lactação:

Menos de 18 anos: 75 microgramas

19-30 anos: 90 microgramas

Vitamina K para os ossos: Veja como o nutriente atua!

Além dos seus benefícios para o processo de coagulação do sangue, o consumo regular da vitamina K pode tornar os ossos saudáveis e fortes, já que auxilia na fixação do cálcio, acontecendo assim a biodisponibilidade entre as substâncias. A vitamina K e o cálcio juntos se tornam responsáveis para evitar a osteoporose, repor os nutrientes e auxiliar na manutenção e desenvolvimento dos ossos e dentes.

A deficiência da vitamina K no organismo: Entenda os riscos!

O segredo de uma alimentação equilibrada e de um organismo saudável é a ingestão correta de nutrientes, cada um na sua quantidade recomendada. Com a vitamina K não seria diferente, por isso, a nutricionista Sheila Basso alerta:

"A deficiência de vitamina k resulta no prolongamento do tempo de protrombina (proteína plasmática) e, eventualmente, na doença hemorrágica, como resultado da diminuição de síntese de proteínas de coagulação sanguínea dependentes de vitamina K. Resumindo, a sua carência pode levar a processos hemorrágicos, pois a coagulação do sangue leva mais tempo para ocorrer", finaliza a profissional.

*Sheila Basso (CRN 21.557) é especialista em nutrição clínica e em obesidade, emagrecimento e saúde pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Mais noticias com...
Receitas:
Couve
Ver Mais

Últimas Matérias

As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras

As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras

Você sabia que existem diferentes tipos de laranja que variam, principalmente, em termos de sabor e textura? A laranja-bahia, por exemplo, é uma alternativa...

> Leia mais
Como evitar o aquecimento global através da alimentação

Como evitar o aquecimento global através da alimentação Como evitar o aquecimento global através da alimentação

Você sabia que é possível combater o aquecimento global através de pequenas atitudes no dia a dia? Mudar hábitos alimentares, de consumo e estilo de vida é...

> Leia mais
O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis

O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis

O excesso de acúmulo de gordura no corpo pode ser prejudicial para o organismo como um todo, acarretando em doenças do coração, por exemplo. A gordura...

> Leia mais
4 tipos de tangerina e as características nutricionais de cada um deles

4 tipos de tangerina e as características nutricionais de cada um deles 4 tipos de tangerina e as características nutricionais de cada um deles

Existente em diferentes versões, a tangerina é uma fruta cítrica rica em vitaminas A, C e sais minerais que fortalecem a imunidade e melhoram a saúde do...

> Leia mais
Fezes verde pode ser alimentação! Descubra o que fazer

Fezes verde pode ser alimentação! Descubra o que fazer Fezes verde pode ser alimentação! Descubra o que fazer

Você tem o hábito de reparar na frequência diária em que vai ao banheiro evacuar? Para garantir a saúde do intestino, é muito importante ter uma alimentação...

> Leia mais
O que é curau? Como fazer essa receita de milho verde

O que é curau? Como fazer essa receita de milho verde O que é curau? Como fazer essa receita de milho verde

Chamado de canjica em estados do Nordeste, o curau é um prato de origem afro-brasileira que faz muito sucesso nas festas de São João. Feito basicamente com...

> Leia mais
Qual quantidade de uva passa posso comer por dia? Aprenda a não exagerar

Qual quantidade de uva passa posso comer por dia? Aprenda a não exagerar Qual quantidade de uva passa posso comer por dia? Aprenda a não exagerar

Versáteis, práticas e ricas em nutrientes, as frutas secas são ótimas para incrementar iogurtes, bolos, panetones e funcionam como lanche rápido (fácil de...

> Leia mais
As frutas com H que você talvez não conheça, mas são supernutritivas

As frutas com H que você talvez não conheça, mas são supernutritivas As frutas com H que você talvez não conheça, mas são supernutritivas

Para fortalecer a imunidade e matar a vontade de comer doce no dia a dia, uma ótima dica é incluir diferentes tipos de frutas na dieta. Além das mais...

> Leia mais
Gelatina vegana existe! Aprenda a prepará-la com diferentes ingredientes

Gelatina vegana existe! Aprenda a prepará-la com diferentes ingredientes Gelatina vegana existe! Aprenda a prepará-la com diferentes ingredientes

Fonte importante de colágeno, a gelatina pode trazer uma série de benefícios para a saúde dos ossos, articulações e da pele. Para quem não sabe, ela é feita...

> Leia mais
Como fazer chuchu deixando o prato delicioso

Como fazer chuchu deixando o prato delicioso Como fazer chuchu deixando o prato delicioso

Muito usado no preparo de sopas, refogados, gratinados e saladas, o chuchu é um fruto bem nutritivo - rico em vitaminas (A, B e C), antioxidantes, fibras e...

> Leia mais