Usar aplicativo para emagrecer vale a pena? Descubra se a tática funciona

O aplicativo para emagrecimento deve servir como coadjuvante para a manutenção e cumprimento da dieta estabelecida por um nutricionista
O aplicativo para emagrecimento deve servir como coadjuvante para a manutenção e cumprimento da dieta estabelecida por um nutricionista
Cristiane Coronel

Consultor:

Cristiane Coronel

Nutricionista Graduada pelo Centro Universitário de Brasília e pós-graduada em Nutrição Clínica e Esportiva Funcional pela Universidade Cruzeiro do Sul

Na procura por métodos e táticas rápidas e eficientes para perder peso, muitas pessoas acabam adotando dietas restritivas e seguindo dicas de influenciadores digitais para mudar a alimentação. Com essa nova tendência, os aplicativos para emagrecer (que propõem organizar a dieta de forma mais personalizada) vêm fazendo cada vez mais sucesso. Mas será que eles realmente são benéficos e podem te ajudar a ter uma alimentação mais saudável? Para saber mais sobre o assunto, nós conversamos com a nutricionista Cristiane Coronel, que explicou melhor como esses apps funcionam e os cuidados necessários para manter uma dieta sempre equilibrada e saudável.

Como funcionam os aplicativos para emagrecer?

Caso você ainda não saiba como os apps para emagrecer funcionam, a nutricionista Cristiane Coronel explica melhor quais são as propostas e mecanismos usados por esse tipo de dispositivo: "Existem vários tipos de aplicativos para gerenciamento de peso. Dentre eles, os mais procurados são: os com contagem de calorias, com sugestões e montagem de dietas específicas como a cetogênica ou low carb (que reduz o consumo de carboidratos) e mediterrânea (feita à base de vegetais e peixes). Eles oferecem sugestões do que comer e nos horários pré-definidos pelo usuário. Outros também sugerem atividades físicas específicas, com contagem de gasto calórico diário/semanal/mensal, com recomendações de tempo de prática por dia para o indivíduo alcançar o resultado desejado.

"Alguns apps também possuem lembretes de hidratação com base em cálculo de hidratação para o peso e idade da pessoa, cálculos de IMC e estimativa de recomendação energética diária. Alguns ainda possuem um scanner para detectar o código de barras do produto, dando informações nutricionais sobre este alimento, além das informadas na embalagem, como alergenicidade, se o produto é considerado saudável ou não", afirma a profissional.

É importante tomar cuidado ao usar qualquer aplicativo para emagrecer

Apesar de o aplicativo auxiliar, de certa forma, na organização da dieta e enviar lembretes importantes (de beber água ou fazer a próxima refeição, por exemplo), o seu uso pode ser prejudicial em algumas situações. A nutricionista destaca que esse tipo de app pode desencadear alguns problemas psicológicos e até levar a dietas pobres em termos nutricionais. Por isso, é importante atentar se o app realmente está te ajudando e sempre consultar um nutricionista.

"São aplicativos que, de um modo geral, fazem com que a pessoa passe a ter mais cuidado com a alimentação, aumentando a atenção aos alimentos que come, quantidades ingeridas e organização do fracionamento das refeições. Vale destacar, no entanto, que existe o outro lado da moeda. Para pessoas que são ansiosas, com excesso de preocupação com a alimentação, os aplicativos podem desenvolver ainda mais ansiedade, frustrações, principalmente aqueles com contagem de calorias diárias. O indivíduo pode se prender a essas calorias e acabar fazendo uma alimentação inadequada - como deixar de fazer refeições importantes e nutritivas para tomar um sorvete ou comer um chocolate ou uma torta", explica Cristiane.

"Algumas pessoas também podem restringir muito a alimentação para bater a meta da quantidade calórica diária pré-definida, podendo muitas vezes causar deficiência de nutrientes. O uso inadequado dos aplicativos de gerenciamento de peso pode causar problemas psicológicos, desenvolvimento de anorexia, bulimia, ortorexia e vigorexia (transtornos de obsessão com a perda de peso)", complementa a nutricionista.

Caso julgue necessário, use o aplicativo de emagrecer apenas como auxiliar

O mais importante para garantir uma dieta saudável é buscar a ajuda de um profissional especializado e usar qualquer app de emagrecimento apenas como possível auxiliar no dia a dia. De acordo com a nutricionista, essa é a principal dica para quem tem interesse em usar algum aplicativo do gênero.

"O ideal é realizar a consulta com o nutricionista, para que dentro do cenário exposto pelo paciente, seja criado um plano alimentar realmente viável de ser seguido - que respeite os horários, gostos, limitações e leve em consideração muitos pontos importantes apresentados pelo paciente. Os aplicativos podem ser coadjuvantes para a manutenção e cumprimento da dieta já proposta pelo profissional. Os aplicativos de gerenciamento de peso são complementares à uma rotina de alimentação saudável já conhecida pelo paciente", finaliza Cristiane.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Ótimo para preparar vitaminas, smoothies e incrementar saladas, o iogurte natural é um ingrediente bem nutritivo que ajuda a manter o organismo em...

> Leia mais
Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Você já conhece o sabor do patê de berinjela? Além de todos os benefícios que o alimento apresenta para o organismo, o legume também agrada o paladar de um...

> Leia mais
Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Já ouviu falar da dieta cetogênica? Em outras palavras, as pessoas que seguem esse cardápio diferenciado se adequam a uma dieta sem carboidrato. É uma...

> Leia mais
Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Conciliar um café da manhã saudável com uma rotina mais corrida não precisa ser um problema. Você sabia que existem opções nutritivas bem rápidas de...

> Leia mais
Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Muito usado no preparo de saladas, refogados, molhos (como o vinagrete), risotos e moquecas, o pimentão verde é um tipo de vegetal bem nutritivo e saboroso,...

> Leia mais
Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde? Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Para reduzir o consumo de carboidratos, muita gente prefere evitar pães (e outras massas) e dar preferência a receitas com tapioca nos lanches. Mas será que...

> Leia mais
Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Que tal fazer leite de castanha do Pará para aproveitar os benefícios da oleaginosa? É sempre bom ter opções diferentes de receitas para incluir na rotina...

> Leia mais
Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Quantas receitas com ervilha você conhece? E com ervilha congelada? Apesar da enorme praticidade que o legume apresenta, nem todos sabem como usá-lo no dia a...

> Leia mais
Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Você sabe quais e quantos são os tipos de tomate? A famosa fruta compõe as mais variadas receitas de saladas e é um dos orgânicos queridinhos para...

> Leia mais
Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

De sabor adocicado levemente picante, a geleia de pimenta é um ótimo acompanhamento para lanches com queijos, pães e carnes, pois concede um toque mais...

> Leia mais