Tipos de requeijão: Diet, light, com fibras... Quais são os mais saudáveis?

Requeijão é uma delícia! Descubra, em seus mais diferentes tipos, aqueles que são os mais saudáveis para a nossa alimentação.
Requeijão é uma delícia! Descubra, em seus mais diferentes tipos, aqueles que são os mais saudáveis para a nossa alimentação.
Daniella Chein

Consultor:

Daniella Chein

Formada em Nutrição Clínica pelo Centro Universitário Bennett, atualmente atua como coach e faz acompanhamento nutricional à distância

Produto recomendado

Requeijão light com fibras Taeq 200g

Requeijão light com fibras Taeq 200g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Gostoso, cremoso, saudável... Inconfundível! Quem resiste à uma porção de requeijão naquele pão bem quentinho, saído do forno? Sempre presente nas mesas do café da manhã, o alimento, rico em nutrientes, proporciona, além de sabor, um grande bem-estar ao organismo! E, são tantas opções disponíveis nas prateleiras dos mercados, tais como light, diet, enriquecido com fibras e ervas, que fica difícil escolhermos um! Por isso, saiba qual é o melhor para nosso plano alimentar!

O requeijão é um produto do grupo dos laticínios, logo, é de origem animal e possui bons níveis de proteínas e gorduras em sua composição. Por ser um derivado do leite, substâncias como cálcio, ferro, vitamina A e potássio são encontrados e ajudam a tornar o nosso corpo mais saudável e nutrido, já que esses nutrientes estão diretamente relacionados com o bem-estar do sistema imunológico, fortalecimento e bom desenvolvimento dos nossos ossos, dentes e músculos.

Suas versões variam na diminuição da gordura, na ausência de lactose e até em substâncias acrescidas na preparação. "Para quem é adepto a um estilo de vida mais saudável é mais indicado a versão sem lactose light, pois além de não conter a lactose, ainda tem menos 33% das calorias. Vale lembrar que requeijão não contém carboidratos e essa versão também é isenta de gordura. É importante não abusar do consumo", indica a nutricionista Daniella Chein, alertando que é importante sempre estar atento aos rótulos dos produtos e consumir o alimento com moderação. Veja os tipos de requeijão selecionados pela profissional!

Tipos de requeijão e suas peculiaridades!

Requeijão light: Essa versão do alimento significa que contém 25% a menos de algum ingrediente, seja gordura, sódio, calorias e até proteínas. É importante estar atento ao quadro nutricional e ver se o produto encaixa no seu plano alimentar.

Sem lactose: Segundo Daniella Chein, essa versão do requeijão é ideal para os alérgicos ou intolerantes à lactose: "Significa que não tem o açúcar presente no leite, a lactose", analisa a nutricionista.

Zero lactose light: Para quem segue uma dieta alimentar para perda de peso, esse tipo de requeijão é o mais recomendado, já que possui o valor energético e as gorduras com níveis reduzidos, além de não conter lactose.

Requeijão original ou tradicional: Nessa versão estão presentes todos os ingredientes da receita original. "Não podem utilizar esse requeijão os intolerantes à lactose e os que querem fazer restrições calóricas, pois contém, por exemplo, sódio", alerta a nutricionista.

Requeijão diet: Esse tipo de requeijão é indicado para quem possui exigências alimentares específicas, por exemplo: restrição de carboidrato e gordura. Geralmente são indicados para pessoas que querem controlar o peso ou precisam ficar atentos á ingestão de açúcar, como os diabéticos.

Recomendações de consumo do requeijão no dia a dia

Cheio de nutrientes e com tantas versões disponíveis para consumo, é de suma importância que o requeijão seja consumido com moderação: "Dependendo do teor de proteína presente no rótulo, pode ser usado com mais liberdade nas versões light e zero lactose, uma colher de sobremesa no sanduíche ou de acordo com a receita. Para tudo tem que ter balanço, assim podemos usufruir dos vários produtos disponíveis no mercado", analisa a nutricionista.

- Formas de consumo: Ideal para sanduíche com pães integrais e saladas frias. "Também pode ser usado nas versões de doces fits, em gelatina diet, em preparações para geladeira como tortas e mousses, basta usar a imaginação e consumir moderadamente", finaliza a profissional.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Feijão-de-porco é comestível! Saiba para que serve o alimento

Feijão-de-porco é comestível! Saiba para que serve o alimento Feijão-de-porco é comestível! Saiba para que serve o alimento

Presente no prato dos brasileiros, o feijão é uma de leguminosa altamente nutritiva (fonte de ferro, potássio, fibras e vitaminas) e rende ótimas receitas:...

> Leia mais
6 benefícios do hibisco e como acrescentá-lo de diferentes formas na dieta

6 benefícios do hibisco e como acrescentá-lo de diferentes formas na dieta 6 benefícios do hibisco e como acrescentá-lo de diferentes formas na dieta

Muito usado no preparo de chás terapêuticos, o hibisco é um tipo de planta medicinal que traz vários benefícios à saúde. Suas flores são bem aromáticas - por...

> Leia mais
O que é psyllium e como usar esse ingrediente nas receitas

O que é psyllium e como usar esse ingrediente nas receitas O que é psyllium e como usar esse ingrediente nas receitas

Obtido através da casca das sementes da Plantago ovata (importante planta medicinal), o psyllium é um tipo de farinha sem glúten (isto é, pode ser usado na...

> Leia mais
Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais