Tempo de molho do feijão, da lentilha e mais! Saiba o ideal para as leguminosas

Na hora de preparar leguminosas, você deve atentar ao tempo de molho dos grãos (que deve ser de no mínimo 6 horas) antes do cozimento
Na hora de preparar leguminosas, você deve atentar ao tempo de molho dos grãos (que deve ser de no mínimo 6 horas) antes do cozimento
Cristiane Coronel

Consultor:

Cristiane Coronel

Nutricionista Graduada pelo Centro Universitário de Brasília e pós-graduada em Nutrição Clínica e Esportiva Funcional pela Universidade Cruzeiro do Sul

Deixar leguminosas (como feijão, lentilha ou ervilha) e outros grãos de molho é fundamental para eliminar os antinutrientes - substâncias que podem atrapalhar a absorção de vitaminas, minerais e causar problemas de digestão. Para entender melhor o assunto, nós conversamos com a nutricionista Cristiane Coronel, que falou mais sobre a importância da germinação (processo que ocorre quando os grãos ficam de molho) e deu dicas para não errar no tempo em que cada leguminosa deve permanecer submersa na água. Confira!

Ao deixar os grãos de molho, você realiza o processo de germinação, que é importante para remover os fitatos e outros antinutrientes

De acordo com a nutricionista Cristiane Coronel, existe um antinutriente em especial - que costuma estar presente na maioria das leguminosas - que deve ser eliminado antes do cozimento. Por isso, é de suma importância garantir que os grãos fiquem de molho durante o tempo adequado. "É importante deixarmos as leguminosas de molho com o objetivo de retirar o fitato dos grãos. O fitato é uma substância natural contida na parte externa das leguminosas que serve para a proteção dos próprios grãos. Porém, essa substância em contato com o intestino humano não é nada interessante. Ela é responsável por aqueles incômodos de abdômen distendido após as refeições, pois causa fermentação aumentada (gases e flatos), além de impedir a absorção do ferro dos alimentos pelo intestino", explica a profissional.

"Esse processo de deixar os grãos de molho se chama germinação. A germinação traz também outra vantagem para a nossa saúde: como o próprio nome diz, estimula que a leguminosa comece a germinar para surgir uma nova planta. Esse processo faz com que o grão produza bastantes enzimas. Estas, por sua vez, são muito importantes para o nosso sistema digestório, pois melhoram a digestão e metabolização dos nutrientes", complementa Cristiane.

Afinal, quanto tempo as leguminosas devem ficar de molho?

Você já se perguntou sobre quanto tempo o feijão (ou outra leguminosa) deve ficar de molho antes de ser cozido? De acordo com a nutricionista, são necessárias algumas horas para que o processo de germinação se realize completamente. "A germinação deve durar no mínimo 6 e no máximo 12 horas. É importante que a água cubra os grãos por completo e, se possível, uma boa dica é espremer um limão na água, mexer e deixar descansar por esse intervalo de tempo. O limão facilita muito a retirada do fitato dos grãos, formando uma espuminha por cima (retirada do fitato, que vai para a superfície da água). O tempo de germinação deve ser o mesmo para todos os grãos, como: feijões (de todos os tipos: branco, preto, de corda, verde, carioca e fradinho), lentilhas, ervilhas ou grão-de-bico, por exemplo", recomenda Cristiane.

Outro benefício de deixar os grãos de molho é que, assim, você também consegue otimizar o tempo de preparo da comida. Segundo a nutricionista, essa é uma ótima dica para quem precisa agilizar o preparo das refeições no dia a dia. "Assim que der o tempo, despreze essa água, enxágue e cozinhe o feijão com uma nova água. Observe que o tempo de cozimento dos grãos que passam pelo processo de germinação é bem mais curto que o tempo de cozinhar grãos secos", finaliza Cristiane.

Mais noticias com...
Receitas:
Feijão
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é vegetal B? Conheça as características desse grupo

O que é vegetal B? Conheça as características desse grupo O que é vegetal B? Conheça as características desse grupo

Para montar um cardápio saudável e balanceado em termos nutricionais, é muito importante incluir alimentos variados - em especial, vegetais de diferentes...

> Leia mais
É a mesma coisa? Os alimentos com nomes diferentes pelo Brasil

É a mesma coisa? Os alimentos com nomes diferentes pelo Brasil É a mesma coisa? Os alimentos com nomes diferentes pelo Brasil

Você sabia que, no Brasil, um mesmo alimento (prato ou ingrediente) pode receber uma infinidade de nomes? É importante lembrar que vivemos em um país...

> Leia mais
Chá para gripe e resfriado: 6 infusões poderosas para se curar mais rápido

Chá para gripe e resfriado: 6 infusões poderosas para se curar mais rápido Chá para gripe e resfriado: 6 infusões poderosas para se curar mais rápido

Para amenizar sintomas de gripe e resfriado - como tosse, coriza, dor de garganta, cansaço e fraqueza muscular -, é muito importante beber bastante líquido,...

> Leia mais
Está com sintomas de fraqueza muscular? Por que ela ocorre e como resolvê-la

Está com sintomas de fraqueza muscular? Por que ela ocorre e como resolvê-la Está com sintomas de fraqueza muscular? Por que ela ocorre e como resolvê-la

Apresentar fraqueza muscular - que consiste, basicamente, na perda temporária ou prolongada da força dos músculos e na sensação de cansaço - pode ser um...

> Leia mais
Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico

Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico

Assim como a ideia de que beber leite com manga faz mal para o organismo, a mistura da bebida com uva também tem sido considerada polêmica entre algumas...

> Leia mais
Hormônio GH é bom para o crescimento! Saiba em quais alimentos encontrá-lo

Hormônio GH é bom para o crescimento! Saiba em quais alimentos encontrá-lo Hormônio GH é bom para o crescimento! Saiba em quais alimentos encontrá-lo

Você já parou para pensar em como o organismo funciona durante a fase de crescimento? Muita gente não sabe, mas o famoso "período de estirão" que ocorre na...

> Leia mais
Mexerica e ponkan são a mesma coisa? Conheça essas tangerinas

Mexerica e ponkan são a mesma coisa? Conheça essas tangerinas Mexerica e ponkan são a mesma coisa? Conheça essas tangerinas

Quando se trata de comer frutas ricas em vitamina A, C e antioxidantes, a tangerina (assim como outras cítricas) ganha grande destaque. No entanto, muita...

> Leia mais
Receitas com mirtilo: 3 sugestões para consumir a frutinha no dia a dia

Receitas com mirtilo: 3 sugestões para consumir a frutinha no dia a dia Receitas com mirtilo: 3 sugestões para consumir a frutinha no dia a dia

Conhecido popularmente como a "fruta da longevidade", o mirtilo (ou blueberry) é um alimento cheio de benefícios para a nossa saúde! Ele é considerado um dos...

> Leia mais
Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada

Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada

Presente em uma série de mitos sobre a alimentação, o ovo é um alimento que costuma causar muita controvérsia entre os consumidores. Enquanto algumas pessoas...

> Leia mais
5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral

5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral 5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral

Importante para a saúde dos ossos, nervos e músculos, o potássio é um mineral abundante e extremamente necessário para o nosso organismo. Quem sofre...

> Leia mais