Quiropraxia: o que é e como funciona esse método reconhecido pela OMS

Entre os seus benefícios, a quiropraxia trata problemas na coluna sem utilizar medicamentos ou fazer intervenções cirúrgicas
Entre os seus benefícios, a quiropraxia trata problemas na coluna sem utilizar medicamentos ou fazer intervenções cirúrgicas

Produto recomendado

Chá herbal de capim cidreira Taeq 15g

Chá herbal de capim cidreira Taeq 15g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Você já ouviu falar na quiropraxia? Criado nos Estados Unidos em 1895, o método tem como objetivo corrigir problemas no sistema locomotor, o que inclui músculos e ossos. Com isso, promete resolver desordens na coluna e aliviar dores de uma forma geral. Embora sua prática seja considerada por muitos uma medicina alternativa - o que faz muita gente ter receio em adotá-la - ela é reconhecida filiada à Organização Mundial de Saúde (OMS). Quer entender melhor do que essa prática se trata? Nós listamos as dúvidas mais comuns para você não cair em nenhuma lenda urbana sobre a quiropraxia. Dá uma olhada:

O que é a quiropraxia

De acordo com o site da Associação Brasileira de Quiropraxia, o método não consiste simplesmente em massagens que farão os músculos relaxarem. Na verdade, ele é bem mais completo, já que trabalha desde o diagnóstico da dor até o tratamento e a prevenção de problemas futuros. "Há uma ênfase em técnicas manuais, incluindo o ajuste e/ou a manipulação articular, com um enfoque particular nas subluxações", afirma o site da associação.

A ideia é que o problema seja corrigido sem a necessidade de apelar para uma cirurgia ou o consumo de qualquer tipo de remédio. Aqui, tanto a coluna vertebral quanto o sistema nervoso são considerados essenciais para a resolução da desordem, seja ela qual for. A ideia é que ela seja ajustada apenas pelo movimento das mãos de um quiropraxista, e por isso sua formação precisa ser completa para evitar submeter o paciente a qualquer tipo de risco.

Qual a formação de um quiropraxista

Talvez agora você esteja se perguntando qual a formação de um quiropraxista. Então saiba que não, ele não fez nenhum curso, como ocorre com a massagem, mas sim uma formação superior! Pois é, é preciso ter bacharelado em quiropraxia para poder atuar na área. Durante o curso, o profissional vai adquirir um largo conhecimento na área de saúde, o que inclui não só anatomia e biomecânica como também neurologia e até radiologia. Inclusive, ainda de acordo com o site da Associação Brasileira de Quiropraxia, ela "está hoje entre as três maiores profissões na área de saúde (Medicina, Quiropraxia e Odontologia) na América do Norte e Europa".

Quais os benefícios da quiropraxia

Além de tratar problemas na coluna, a quiropraxia também cuida de outras áreas do corpo na qual existe uma dor muscular, como braços e pernas. Entre os listados pelo site da associação temos: problemas nas articulações do ombro, cotovelo, punho, joelho, tornozelo; tensão muscular; dores no pescoço, na lombar na cabeça; e hérnia de disco. Além disso, é possível que a prática melhore o bem-estar do paciente como um todo, fazendo com que ele durma melhor e tenha os seus níveis de estresse reduzidos, por exemplo.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica

Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica

Você já ouviu falar no abrótano? De nome científico Artemisia abrotanum, essa planta medicinal é muito usada no preparo de chás. Ela é originária da Ásia,...

> Leia mais
Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis

Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis

Existem algumas receitas saborosas - como frituras e doces - que acabam sendo muito calóricas e maléficas para o organismo. Isso porque elas são fontes de...

> Leia mais
Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros

Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros

Para quem é vegano ou vegetariano é muito importante incluir leguminosas no cardápio diário. Elas são fontes importantes de ferro, proteínas e garantem uma...

> Leia mais
Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal

Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal

Pertencente ao universo das plantas medicinais, a unha de gato é uma erva muito usada em tratamentos fitoterápicos - sendo consumida em forma de chá ou...

> Leia mais
Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou

Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou

Com que frequência você bebe refrigerante? No caso da cineasta Nathália Souza, de 26 anos, a resposta é "todos os dias". "Na época de faculdade bebia de duas...

> Leia mais
Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D

Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D

Você já deve ter ouvido falar sobre a importância de tomar sol. Afinal, a exposição aos raios solares ativa a produção de vitamina D que, por sua vez,...

> Leia mais
Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil

Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil

Experimentar pratos de culinárias diferentes é sempre algo interessante. As comidas coreanas, em especial, vêm se popularizando bastante no Brasil -...

> Leia mais
Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo

Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo

Existem muitos vegetais - como jiló, berinjela e agrião - que têm um sabor mais amargo e, por isso, não agradam o paladar de muitas pessoas (principalmente o...

> Leia mais
GPA adota bandejas biodegradáveis em produtos das marcas Taeq e Qualitá

GPA adota bandejas biodegradáveis em produtos das marcas Taeq e Qualitá GPA adota bandejas biodegradáveis em produtos das marcas Taeq e Qualitá

Você sabia que o plástico leva 100 anos para se decompor na natureza e que o tempo do isopor é indeterminado? Foi pensando no bem-estar do nosso planeta que...

> Leia mais
5 receitas lights que você pode preparar sem medo

5 receitas lights que você pode preparar sem medo 5 receitas lights que você pode preparar sem medo

Para quem quer seguir um estilo de vida mais saudável - com alimentos leves e nutritivos - uma boa dica é procurar por receitas lights. O problema é que...

> Leia mais