Quinoa, amaranto e mais: se livre do glúten com a ajuda dos pseudocereais

A quinoa, um dos pseudocereais recomendados para celíacos, pode ser usada para substituir o arroz nas refeições
A quinoa, um dos pseudocereais recomendados para celíacos, pode ser usada para substituir o arroz nas refeições
Thaís Leopoldo

Consultor:

Thaís Leopoldo

Formada em Nutrição pela Unigranrio, possui pós-graduação em Nutrição Esportiva Funcional pela VP e é coach certificada pela Academia de Coach e Nutrição Brasileira

Produto recomendado

Pão de forma integral castanha e quinoa Taeq 400g

Pão de forma integral castanha e quinoa Taeq 400g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Os cereais são indicados para a dieta de quem quer seguir uma alimentação saudável por serem ricos em nutrientes importantes - como fibras, vitaminas e proteínas, por exemplo. No entanto, por terem glúten em sua composição, não podem ser consumidos por celíacos, que têm intolerância a este ingrediente. Mas você sabia que essas pessoas podem aproveitar os benefícios que fazem parte desse grupo de alimentos apostando nos chamados pseudocereais?

O que são, afinal, os pseudocereais?

Livres de glúten, os pseudocereais apresentam uma quantidade aproximada dos nutrientes que fazem parte dos cereais. "Entende-se por grãos semelhantes por apresentarem uma proporção aproximada em carboidratos, lipídios, proteínas e fibras comparados ao trigo. Eles até possuem algumas vitaminas e minerais em maior quantidade", explica a nutricionista Thaís Leopoldo.

Pensando nisso, para enriquecer o cardápio de quem tem intolerância ao componente, a profissional preparou uma lista com 4 pseudocereais para adicionar já na dieta."Eles são excelentes alternativas para portadores de alergias e intolerâncias alimentares relacionados ao glúten e a caseína", aponta a profissional. Conheça alguns deles:

1. Quinoa

Você certamente já ouviu falar na quinoa. Mas sabia que ela também faz parte da lista de pseudocereais? Além de ser livre de glúten, essa semente é considerada um superalimento por ser rica em muitas proteínas, vitaminas, fibras, minerais e também por contar com ação antioxidante.

Para os celíacos, é uma ótima opção para substituir o arroz. E, devido ao seu baixo índice glicêmico, também é muito indicada para diabéticos.

2. Trigo Sarraceno

Outro pseudocereal muito nutritivo, o trigo sarraceno é uma semente que se destaca por ter até mais fibras que a aveia. Por isso, a melhora no funcionamento do intestino e o aumento da sensação de saciedade estão entre suas principais vantagens - e fazem com que ele seja muito recomendado para a dieta de quem precisa perder peso.

Devido ao seu sabor mais forte e amargo, ele é muito usado para a produção de cervejas sem glúten. Mas não para por aí: o trigo sarraceno também serve para o preparo de massas e de mingaus e pode ser usado como ingrediente extra em sopas e saladas.

3. Amaranto

Um dos maiores benefícios desse pseudocereal é o de atuar na prevenção do câncer, já que ajuda a regular a pressão arterial e a diminuir o colesterol ruim. Além disso, também fortalece os ossos por ser rico em cálcio, contribui para a perda de peso por contar com uma boa quantidade de fibras, funciona como um aliado para melhorar o sistema imunológico e ainda contribui para o aumento da massa muscular por ser rico em proteínas.

Para consumir esse alimento, a dica é adicioná-lo em saladas de frutas, iogurtes, sopas ou até usá-lo como substituto do arroz. Outra opção é usar o grão para preparar uma pipoca mais saudável e nutritiva.

4. Cañihua

Da família da quinoa, a cañihua é um grão que só cresce no Peru e na Bolívia. Altamente nutritivo, ele tem a proteína como uma das principais substâncias - e, por isso, pode até substituir ou intercalar a carne em algumas dietas. Dentre os seus principais benefícios, está o de regular a atividade intestinal, diminuição do colesterol ruim e aumento da energia.

O grão pode ser usado para fazer pipoca, farinhas e aparecer como ingrediente extra em sopas e saladas. Já nas bebidas, funciona como um ótimo substituto do chocolate.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Fit Dance: o que é e quais os benefícios? Saiba mais sobre esse exercício!

Fit Dance: o que é e quais os benefícios? Saiba mais sobre esse exercício! Fit Dance: o que é e quais os benefícios? Saiba mais sobre esse exercício!

Você já ouviu falar no Fit Dance? O exercício que transformou as aulas de dança na academia e vem conquistando milhares de adeptos ao redor do mundo nos...

> Leia mais
5 receitas com abóbora cabotiá (japonesa) que são deliciosas e supernutritivas

5 receitas com abóbora cabotiá (japonesa) que são deliciosas e supernutritivas 5 receitas com abóbora cabotiá (japonesa) que são deliciosas e supernutritivas

Extremamente versátil e saborosa na cozinha, a abóbora cabotiá (ou japonesa) é um ingrediente muito utilizado no preparo de caldos, sopas e purês. Para quem...

> Leia mais
Culinária regional: feijão tropeiro e outros 4 pratos típicos do Sudeste

Culinária regional: feijão tropeiro e outros 4 pratos típicos do Sudeste Culinária regional: feijão tropeiro e outros 4 pratos típicos do Sudeste

Se você quer conhecer mais a fundo a culinária brasileira, que tal começar a experimentar as comidas típicas de cada região? A gastronomia do Sudeste, em...

> Leia mais
Vegetais tipo A: o que são, quais são e como incluí-los na dieta diária

Vegetais tipo A: o que são, quais são e como incluí-los na dieta diária Vegetais tipo A: o que são, quais são e como incluí-los na dieta diária

Você sabia que os vegetais são divididos em grupos e classificados de acordo com a quantidade (e tipos) de nutrientes que fornecem? Os vegetais do tipo A, em...

> Leia mais
10 frutas verdes excelentes para a sua saúde: do abacate ao limão

10 frutas verdes excelentes para a sua saúde: do abacate ao limão 10 frutas verdes excelentes para a sua saúde: do abacate ao limão

As frutas verdes, conhecidas por serem fontes de clorofila (um tipo de pigmento antioxidante), são ótimas para fortalecer a imunidade e desintoxicar o...

> Leia mais
Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária

Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária

Indicado para fortalecer a imunidade, favorecer a perda de peso e a saúde da pele, o óleo de abacate é um ingrediente natural altamente nutritivo que pode (e...

> Leia mais
O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias

O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias

Desde 2009, um desafio anual que incentiva a prática de desenhos e ilustrações durante o mês de outubro vem conquistando milhares de artistas ao redor do...

> Leia mais
Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica

Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica

Ter o hábito de passar manteiga em pães e biscoitos no dia a dia não é necessariamente prejudicial à saúde. Apesar de ser comumente tachada como gordurosa e...

> Leia mais
6 frutas com D para variar no cardápio

6 frutas com D para variar no cardápio 6 frutas com D para variar no cardápio

O universo das frutas é tão amplo e diverso que existe até mesmo uma área científica da horticultura, chamada de pomologia, que é dedicada exclusivamente...

> Leia mais
Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios

Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios

Dono de nomes populares, como hortelãzinho, menta-selvagem e erva-de-são-lourenço, o poejo (Mentha pulegium) é uma planta medicinal muito conhecida por conta...

> Leia mais