Quem amamenta pode comer o que? Saiba quais alimentos lactantes devem evitar

De acordo com a nutricionista Luciana Novaes, é necessário moderar na quantidade de café durante a amamentação, pois essa bebida pode acelerar os batimentos cardíacos do bebê e gerar irritabilidade
De acordo com a nutricionista Luciana Novaes, é necessário moderar na quantidade de café durante a amamentação, pois essa bebida pode acelerar os batimentos cardíacos do bebê e gerar irritabilidade
Luciana Novaes

Consultor:

Luciana Novaes

Nutricionista mestre em Saúde Pública pela FIOCRUZ com especialização em Saúde Materna e Infantil e Nutrição Clínica e Estética pelo IPGS

Produto recomendado

Couve-flor orgânica Taeq 350g

Couve-flor orgânica Taeq 350g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Muitas mulheres não sabem, mas existem alimentos que devem ser reduzidos (ou até mesmo cortados) durante o período de amamentação. Afinal, tudo que a mãe consome se reflete diretamente na produção do leite - que é a alimentação base do bebê nos primeiros seis meses de vida. Por isso, além de procurar uma alimentação saudável e equilibrada, também é necessário cortar alguns grupos de alimentos. Para saber mais sobre o assunto, nós conversamos com a nutricionista Luciana Novaes, especializada em saúde materna e infantil. Confira!

Bebidas alcoólicas não devem ser consumidas durante a amamentação

Buscar uma alimentação saudável durante a amamentação é essencial para garantir uma boa nutrição ao bebê. "Alguns alimentos não são indicados para esse período de amamentação. Não só por conta da saúde da mãe, mas também por trazerem riscos à saúde do bebê", afirma Luciana.

Nessa onda de reduzir e cortar alimentos, um dos principais pontos é a bebida alcoólica, como explica a nutricionista: "É um mito achar que o consumo de cerveja preta aumenta a produção de leite materno. Além de isso não acontecer, o álcool da bebida passa para o leite, tornando-se um risco para a saúde do bebê", comenta.

Algumas mulheres pensam que é possível consumir álcool em horas do dia que não estão amamentando. No entanto, a nutricionista destacou que isso não é indicado. "Não adianta achar que 2 ou 3 horas depois do consumo da bebida não há esse risco. O álcool fica circulando no corpo por muito mais tempo. Por isso, quem amamenta não deve fazer a ingestão de bebida alcoólica. Além disso, há uma mudança no cheiro do leite, o que pode levar o bebê a recusar e atrapalhar a prática do aleitamento", complementa a profissional.

Evite alimentos muito gordurosos e pesados

Além de cortar as bebidas alcoólicas durante a amamentação, é importante que a mãe também evite alimentos muito gordurosos: "Alimentos ricos em gorduras, como bacon, linguiça e frituras, tendem a aumentar o teor de gordura no leite e podem provocar desarranjos intestinais na criança, fazendo com que ela tenha fezes mais amolecidas e aumentando a quantidade das evacuações", explica Luciana.

É importante maneirar no consumo da cafeína

Você sabia que os efeitos da cafeína (de despertar a mente, por exemplo) podem ser transmitidos para o leite materno? Segundo Luciana, o ideal é que a mãe também modere no consumo dessa substância: "Café, chá preto e chá mate têm que ser usados com moderação: 200 ml no máximo por dia, sendo dividida de 2 a 4 vezes (4 xícaras de 50 ml, por exemplo). Isso porque a cafeína passa para o leite materno e isso pode acelerar o batimento cardíaco do bebê, provocar irritabilidade e dificuldades para dormir", acrescenta a especialista.

Reduza o consumo de alimentos muito calóricos

Outra dica interessante é reduzir o consumo de alimentos calóricos, como doces e massas. Assim, você garante uma alimentação mais leve e nutritiva, apenas com alimentos indispensáveis para o bebê. "Alimentos ricos em açúcar, pão branco e arroz branco também devem ser evitados. São extremamente calóricos e, por isso, contribuem para o ganho de peso materno e do bebê", explica Luciana.

Mesmo assim, a nutricionista ainda destaca que não existe um alimento específico que cause cólicas ou dores no bebê. O importante é realmente fazer um acompanhamento com um bom médico e nutricionista e manter-se atenta às reações do bebê à alimentação.

"Nenhum alimento, isolado, pode causar cólicas no bebê. Mas o intestino do bebê ainda está se formando e algumas crianças apresentam maior dificuldade de digestão do que outras. Alguns alimentos podem contribuir para agravar essa situação, como crucíferas (brócolis, repolho, couve-flor), café, chá mate, chocolate e refrigerante. É importante que a mãe perceba se a mamada, após a ingestão desses alimentos, causa algum desconforto, para a retirada que deve ser feita com o acompanhamento e a orientação de um nutricionista" finaliza a profissional.

Receitas:
Café
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais