Prós e contras do veganismo que você precisa saber antes de adotar essa dieta

A dieta vegana costuma ser mais variada, saudável e rica em fibras, mas, em contrapartida, a ausência da carne e de variados pode acarretar na deficiência de alguns nutrientes importantes
A dieta vegana costuma ser mais variada, saudável e rica em fibras, mas, em contrapartida, a ausência da carne e de variados pode acarretar na deficiência de alguns nutrientes importantes

Adotar o veganismo como estilo de vida é uma forma de valorizar a vida dos bichinhos. Afinal, a alimentação dos veganos exclui do cardápio o consumo de carnes e produtos de origem animal, como o queijo e o leite, por exemplo. Só que nem tudo são flores e, apesar de a alimentação vegana ser bem saudável e rica em nutrientes, ela precisa ser feita de forma bem regrada para que dê certo. Para esclarecer esse assunto, separamos alguns prós e contras do veganismo. Confira!

Alimentação vegana ajuda a prevenir diabetes, hipertensão e outras doenças crônicas

A grande vantagem da dieta vegana é que, quando feita de forma correta e durante um longo período de tempo, ajuda muito a prevenir doenças crônicas - como diabetes, hipertensão e até mesmo diferentes tipos de câncer. Isso porque, quando deixamos de ingerir carnes e derivados (principalmente os embutidos, como presuntos, mortadelas e salames), o nível de gordura no sangue reduz drasticamente - diminuindo, consequentemente, o risco de doenças cardiovasculares. Além disso, o consumo excessivo de carne vermelha está associado ao aumento do colesterol e a outros problemas de saúde. Isso porque esse tipo de alimento possui substâncias nocivas que podem favorecer doenças como o câncer e hipertensão.

Veganismo ajuda a combater a obesidade

Você sabia que a dieta vegana também é ótima para quem quer perder peso? Isto porque ela é geralmente rica em alimentos com fibras (como cereais, oleaginosas e leguminosas) - que trazem uma maior sensação de saciedade, além de melhorarem significativamente a atuação do intestino.

Além disso, quando deixamos de comer carnes (que são mais gordurosas e difíceis de digerir), o nosso intestino consegue trabalhar mais rapidamente e, assim, fica bem mais fácil perder peso. Por isso, quem adota o veganismo como estilo de vida também tem menos chances de sofrer com obesidade e outros problemas de saúde.

Dieta vegana tem cardápio bem variado

Se você está buscando uma dieta que abranja vários grupos de alimentos - legumes, verduras, frutas, cereais, leguminosas, entre outros -, uma boa dica é conhecer os pratos veganos. Isto porque eles se destacam, justamente, por serem bem diversos e coloridos, com ingredientes que fogem do convencional. Dentro do cardápio vegano existem diversas combinações de hortaliças e vegetais que ficam supersaborosas, sabia? Vale a pena experimentar!

Vitamina B12, ferro e outras substâncias podem ficar em falta no organismo

Apesar de serem muitos os benefícios que a dieta vegana traz, vale lembrar que também existem alguns fatores que não são tão favoráveis. Isto porque, quando abolimos de vez a carne da dieta, também deixamos de ingerir algumas vitaminas e nutrientes importantes. A vitamina B12, por exemplo, só é encontrada em alimentos de origem animal (peixes, ovos, leite, queijo etc.) e em algumas algas. Só que ela é muito importante para a produção dos glóbulos vermelhos e para o bom funcionamento do sistema nervoso. Portanto, sua falta no organismo pode levar à anemia, sensação de cansaço, fraqueza ou em casos mais graves, até mesmo acarretar em alterações de humor e problemas de memória.

O ferro é outra substância que pode ficar em falta quando deixamos de comer carnes e derivados - o que pode comprometer o transporte de oxigênio no sangue. Além disso, substâncias como proteína, ômega 3, cálcio e zinco também estão presentes nas carnes, sendo importantes para a saúde dos músculos, ossos, da circulação sanguínea e para o sistema nervoso. Por isso, caso você decida excluir as carnes da dieta, é importante saber como substituí-las da forma correta, ok?

Podem surgir sintomas de irritação e cansaço

Devido ao corte de algumas substâncias importantes para o corpo, é possível que surjam alguns sintomas mais chatinhos: cansaço, irritação, perda de massa muscular e falta de equilíbrio. Isso ocorre principalmente com pessoas que se acostumaram a vida toda a se alimentar com os diferentes produtos de origem animal. Então, para seguir com a dieta vegana, você vai precisar montar um novo cardápio que seja bem mais diverso, com frutas, legumes, verduras, folhas, grãos e cereais.

Você deve substituir a carne por alimentos bem nutritivos

O segredo para ter uma dieta vegana equilibrada é tentar repor ao máximo os nutrientes presentes nas carnes e derivados. Para isso, você vai precisar comer alimentos específicos, que tenham as mesmas substâncias encontradas nas carnes. As folhas verde-escuras (como rúcula, brócolis, espinafre e couve), por exemplo, são ricas em ferro. Grãos e sementes, como a chia e a linhaça, também são fontes de ômega 3 e de outros nutrientes importantes. Por isso, uma boa dica é tentar incorporar esses alimentos à rotina de alimentação.

Mais noticias com...
Receitas:
Couve
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais