Probióticos: como incorporá-los na alimentação diária de forma variada

Comer iogurte com algum complemento é uma ótima forma de diversificar a sua alimentação sem deixar de consumir os probióticos
Comer iogurte com algum complemento é uma ótima forma de diversificar a sua alimentação sem deixar de consumir os probióticos

Embora os probióticos sejam essenciais para o bom funcionamento do nosso corpo, muita gente nem faz ideia do que eles se tratam ou mesmo quais são seus benefícios para a saúde. Se você já ouviu falar nos lactobacilos vivos então saiba que é exatamente a eles que a gente está se referindo. Essa ideia de que estamos ingerindo um organismo vivo pode assustar, mas é importante frisar que eles contribuem para o bom funcionamento do nosso corpo, se tornando essenciais na nossa alimentação diária.

Ao atuar na nossa flora intestinal, elas regulam o nosso intestino e são essenciais tanto para aqueles que sofrem com o intestino preso quanto para os que o tem solto demais, sofrendo com diarreias, e consequentemente com a perda de nutrientes que não são absorvidos pelo corpo. Levando tudo isso em consideração, não há motivos para não colocar essas "bactérias do bem" na sua alimentação desde já. Mas aí entra a pergunta: como fazer isso sem comer todos os dias exatamente a mesma coisa?

No café da manhã utilize iogurte como complemento

Os probióticos são encontrados em produtos lácteos fermentados, como é o caso dos iogurtes, mas também estão presentes em legumes e verduras. Entre os exemplos temos principalmente alguns muito utilizados na culinária oriental, como é o caso do missô, feito a partir da fermentação do arroz.

Mas se a ideia é incorporar os probióticos no seu cardápio de café da manhã, a maior sugestão é aproveitar os iogurtes. Para deixar a sua dieta ainda mais rica o ideal é combiná-los com outros alimentos que possam oferecer diferentes nutrientes. Cereais, frutas, grãos e sementes cumprem muito bem essa tarefa, e ainda dão aquela disposição que você precisa para enfrentar o dia que acabou de começar.

Lembrando que pessoas com intolerância ou alergia a lactose devem buscar os iogurtes sem esse composto. Caso contrário, coloque-os no seu cardápio apenas se tiver sido autorizado por um médico ou nutricionista, e mesmo assim fique atento à quantidade permitida e se é possível consumir tanto iogurte natural quanto desnatado ou integral.

No almoço foque no molho da salada

Já pensou em aproveitar o próprio iogurte para preparar um molho de salada de fazer inveja em qualquer um? Pois saiba que além de tornar o prato mais saboroso o ingrediente ainda vai permitir que você consuma os probióticos que precisa para manter o seu intestino regular. Lembrando que você pode acrescentar alguns ingredientes para tornar o molho mais saboroso, só não se esqueça que os probióticos apenas ficam vivos em um ambiente propício, então mesmo que você acrescente algum ingrediente o ideal é consumi-lo logo. Se for utilizar sal ou limão evite o excesso, porque você pode acabar matando as bactérias e, consequentemente, perder seus benefícios.

Faça patês no lanche

Você sabia que também pode utilizar o iogurte para fazer patês? Misturando algumas ervas, e mesmo um pouco de requeijão, é possível criar o acompanhamento perfeito para seus pães e torradas. Lembrando que se quiser também é possível repetir a ideia do café da manhã, combinando o iogurte com outros complementos. Ou então faça os dois! Comece pelo salgado e depois termine com algo doce e nutritivo. Outra ideia é apostar em leite fermentado, que cai muito bem no lanche da tarde.

No jantar procure outros alimentos com probióticos

Lembra que a gente explicou que os probióticos estão presentes em alguns legumes e verduras? É apostando exatamente neles que você irá incluir esses lactobacilos vivos na sua dieta. Aqui o iogurte será deixado de lado e outros ingredientes se tornam o grande destaque. Com o missô, por exemplo, você pode preparar uma excelente sopa, ao melhor estilo japonês. Já o kimchi é um condimento muito utilizado na culinária coreana, e pode ser o seu novo tempero favorito. O que não faltam são alimentos ricos em probióticos, basta saber combiná-los para que as suas receitas fiquem não só mais gostosas como também muito mais saudáveis.

Mais noticias com...
Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Ótimo para preparar vitaminas, smoothies e incrementar saladas, o iogurte natural é um ingrediente bem nutritivo que ajuda a manter o organismo em...

> Leia mais
Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Você já conhece o sabor do patê de berinjela? Além de todos os benefícios que o alimento apresenta para o organismo, o legume também agrada o paladar de um...

> Leia mais
Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Já ouviu falar da dieta cetogênica? Em outras palavras, as pessoas que seguem esse cardápio diferenciado se adequam a uma dieta sem carboidrato. É uma...

> Leia mais
Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Conciliar um café da manhã saudável com uma rotina mais corrida não precisa ser um problema. Você sabia que existem opções nutritivas bem rápidas de...

> Leia mais
Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Muito usado no preparo de saladas, refogados, molhos (como o vinagrete), risotos e moquecas, o pimentão verde é um tipo de vegetal bem nutritivo e saboroso,...

> Leia mais
Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde? Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Para reduzir o consumo de carboidratos, muita gente prefere evitar pães (e outras massas) e dar preferência a receitas com tapioca nos lanches. Mas será que...

> Leia mais
Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Que tal fazer leite de castanha do Pará para aproveitar os benefícios da oleaginosa? É sempre bom ter opções diferentes de receitas para incluir na rotina...

> Leia mais
Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Quantas receitas com ervilha você conhece? E com ervilha congelada? Apesar da enorme praticidade que o legume apresenta, nem todos sabem como usá-lo no dia a...

> Leia mais
Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Você sabe quais e quantos são os tipos de tomate? A famosa fruta compõe as mais variadas receitas de saladas e é um dos orgânicos queridinhos para...

> Leia mais
Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

De sabor adocicado levemente picante, a geleia de pimenta é um ótimo acompanhamento para lanches com queijos, pães e carnes, pois concede um toque mais...

> Leia mais