Peixe cru é saudável? Saiba como preparar pescados da forma mais segura

O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne
O consumo de peixe cru é sim muito saudável! É só ficar atento aos cuidados de higiene, tanto na hora da compra como no preparo da carne

Você gosta de peixe cru? Seja salmão, tilápia e outros tipos de pescados, o consumo da carne crua é sempre motivo de dúvidas, mitos e verdades. No entanto, quando falamos nesse tipo de culinária, não tem meio termo: Quem come defende e quem não come critica. Por isso, para sanar os dilemas, vamos descobrir e destrinchar os benefícios desse tipo de preparação, tão comum da gastronomia japonesa, para a nossa saúde alimentar.

Apesar de muitos ainda "torcerem o pescoço" para preparações não cozidas, os peixes crus são sim opções saudáveis e saborosas para a nossa alimentação. Segundo a nutricionista Tamara Castro, com equilíbrio e atenção às questões de higiene, seguindo as normas impostas pela Vigilância Sanitária, essa forma de cozinhar é altamente benéfica:

"O hábito de consumir peixe cru pode ser bastante saudável desde que algumas considerações sejam observadas. Ao consumirmos peixe cru em restaurantes, por exemplo, devemos sempre estar atentos se o estabelecimento em questão segue todas as normas da Vigilância Sanitária quanto aos processos de Boas Práticas de Manipulação, uma vez que, o peixe cru pode ser contaminado pelos manipuladores que não obedecem as regras higiênico-sanitárias", explica a profissional.

Como escolher o peixe certo para se comer cru?

De acordo com a Dra. Tamara, para consumir o peixe cru é necessário que o mesmo fique congelado por sete dias sob temperatura adequada (-20°C), a fim de eliminar possíveis contaminações parasitárias. "A norma estabelecida pela Vigilância diz que o distribuidor ou o importador é obrigado a fazer esse congelamento antes de vender a mercadoria para os estabelecimentos. A Anvisa orienta também que, os peixes frescos não sejam consumidos crus, devendo passar por processo de cocção (cozinhar, grelhar, assar, fritar)", completa a profissional, ressaltando que, ao se dirigir aos mercados e peixarias, é importante estar atento às características organolépticas (odor, cor, textura, sabor e etc) dos pescados:

"Para escolher um bom peixe fresco o odor não deve ser pútrido devendo estar de acordo com a espécie escolhida; os olhos devem estar brilhantes e ocupar toda a cavidade ocular; as escamas têm que estar firmes e resistentes e de coloração translúcida e brilhante; as guelras devem estar vermelhas ou rosadas e úmidas", alerta a especialista.

Peixes para consumir cru - Salmão, atum, linguado, haddock, tilápia, seja como sashimis ou ceviches.

Os peixes crus e os seus benefícios

Os pescados são alimentos saudáveis e muito requisitados em um plano alimentar equilibrado. São fontes de proteínas, vitaminas e minerais eles são fundamentais para proporcionar bem-estar para o nosso organismo:

Salmão: Fonte ômega 3, o ácido graxo é responsável por atuar na prevenção das doenças cardiovasculares, tornando o coração forte e saudável.

Atum: Rico em proteínas, minerais, vitaminas e ômega 3, o pescado previne doenças como o Alzheimer e demência, por exemplo, mantendo nosso cérebro sempre ativo.

Linguado: Com poderosos agentes antioxidantes em sua composição, o linguado atua na proteção das ações dos radicais livre no nosso corpo.

Tilápia: Fonte de vitaminas do complexo B, fósforo e potássio, ela é essencial para tornar os nossos dentes, ossos e músculos saudáveis, prevenindo a osteoporose e outras complicações.

"Os peixes são fontes de proteínas, vitaminas e minerais, e, a maioria, possui ômega 3, um potente anti-inflamatório capaz de ajudar na prevenção de doenças, principalmente cardiovasculares, diminuindo o colesterol ruim (LDL) e aumentando o colesterol bom (HDL) e auxiliando também no controle da pressão arterial", explica Tamara.

Recomendação de consumo - A quantidade indicada varia de acordo com a individualidade bioquímica de cada um, segundo Tamara Castro: "De maneira geral, o consumo de peixe cru deve ser esporádico e evitado por crianças, gestantes e idosos, devido à maior vulnerabilidade para contrair doenças", finaliza a nutricionista.

*Tamara Castro (CRN: 12101120) é nutricionista e disponibiliza sua página no Facebook e no Instagram para contato e outras informações.

Mais noticias com...
Receitas:
Salmão
Ver Mais

Últimas Matérias

Suco de batata-doce ajuda o refluxo! Aprenda a prepará-lo e os seus benefícios

Suco de batata-doce ajuda o refluxo! Aprenda a prepará-lo e os seus benefícios Suco de batata-doce ajuda o refluxo! Aprenda a prepará-lo e os seus benefícios

Você já experimentou alguma receita de suco de batata-doce? Rica em fibras, potássio, cálcio e carboidratos, essa bebida funciona como excelente fonte de...

> Leia mais
O que fazer quando come demais e passa mal? Veja dicas para se sentir melhor

O que fazer quando come demais e passa mal? Veja dicas para se sentir melhor O que fazer quando come demais e passa mal? Veja dicas para se sentir melhor

Exagerar demais na comida ou se alimentar de forma rápida pode desencadear problemas no aparato gastrointestinal, como azia, náusea, dor e dilatação...

> Leia mais
7 frutas com T cheias de benefícios ótimas para variar no cardápio diário

7 frutas com T cheias de benefícios ótimas para variar no cardápio diário 7 frutas com T cheias de benefícios ótimas para variar no cardápio diário

Tangerina, toranja, tâmara, tarumã... Você já parou para pensar em quantas frutas com T existem e podem ser incluídas no cardápio? Para ter uma alimentação...

> Leia mais
Como comer maracujá? 5 dicas para incluí-lo na alimentação

Como comer maracujá? 5 dicas para incluí-lo na alimentação Como comer maracujá? 5 dicas para incluí-lo na alimentação

Suco, smoothie, geleia, compota, mousse... São muitas as receitas que podem ser feitas a partir da polpa e da casca do maracujá, sabia? Para variar cada vez...

> Leia mais
Crossfit ou academia? Veja as diferenças e decida qual a opção ideal para você

Crossfit ou academia? Veja as diferenças e decida qual a opção ideal para você Crossfit ou academia? Veja as diferenças e decida qual a opção ideal para você

Para escolher entre crossfit ou academia, é fundamental levar em conta uma série de fatores - como o estilo de treino, o principal objetivo (queimar calorias...

> Leia mais
7 alimentos que fortalecem o sistema imunológico

7 alimentos que fortalecem o sistema imunológico 7 alimentos que fortalecem o sistema imunológico

Uma alimentação saudável é a chave para o bem-estar, e isso inclui a prevenção de doenças. Por isso, é muito importante que a sua dieta contenha alimentos...

> Leia mais
Como fazer queijo de kefir? A receita para incluir esse probiótico na dieta

Como fazer queijo de kefir? A receita para incluir esse probiótico na dieta Como fazer queijo de kefir? A receita para incluir esse probiótico na dieta

Considerado um ótimo aliado para a saúde do intestino, o queijo de kefir é rico em probióticos, proteínas, cálcio, fósforo, vitamina D e outros nutrientes...

> Leia mais
Testosterona e leite: bebida influencia o hormônio? Nutricionista tira a dúvida

Testosterona e leite: bebida influencia o hormônio? Nutricionista tira a dúvida Testosterona e leite: bebida influencia o hormônio? Nutricionista tira a dúvida

A alimentação, o sono, a prática de exercícios e pequenos hábitos diários tendem a influenciar muito no funcionamento dos hormônios (como a testosterona, o...

> Leia mais
O que é fast-food? Entenda por que faz mal consumi-lo com frequência

O que é fast-food? Entenda por que faz mal consumi-lo com frequência O que é fast-food? Entenda por que faz mal consumi-lo com frequência

Pizza, hambúrguer, batata frita... Você provavelmente já se deliciou com pelo menos um desses alimentos, também chamados de "tentações" ou a "escapada" da...

> Leia mais
Como fazer chá de café verde e os motivos para passar a consumir a bebida

Como fazer chá de café verde e os motivos para passar a consumir a bebida Como fazer chá de café verde e os motivos para passar a consumir a bebida

Muito provavelmente você ou alguém que conheça não pode amanhecer sem uma boa xícara de café preto quentinha! Afinal, a bebida dá disposição e energia para...

> Leia mais