Pastel saudável: aprenda a preparar esse lanche de forma nutritiva e sem gordura

Preparar o pastel no forno é uma ótima alternativa para fugir da fritura
Preparar o pastel no forno é uma ótima alternativa para fugir da fritura

Convenhamos: não existe nada melhor do que comer um delicioso pastel no fim da tarde. Justamente por isso, nós separamos algumas receitas de pastel saudável, sequinho e sem nenhum tipo de óleo para fritura. Ou seja, zero gorduras! E, claro, com opções de recheios irresistíveis e mega nutritivos, que também funcionam em outras receitas de tapioca e de panquecas por exemplo. Confira!

Que tal preparar um delicioso pastel de forno com recheio de ricota e espinafre?

Assar a massa de pastel pode ser a solução perfeita para os que querem fugir da fritura. Para prepará-lo no forno, basta ter os ingredientes básicos da massa de pastel - ou seja, farinha de trigo, manteiga, água morna (ou leite morno), sal e ovos. Além de um recheio supernutritivo, como, por exemplo, espinafre refogado e ricota ou queijo cottage.

Primeiro, ponha a mão na massa

Para fazer a massa do pastel, comece misturando farinha, manteiga, ovo e sal em uma vasilha grande e amasse todos os ingredientes até que a massa fique homogênea. Depois, a cubra com um pano de prato e a deixe descansar por pelo menos 30 minutos.

Para finalizar a primeira etapa, abra a massa em uma superfície lisa e levemente polvilhada com farinha de trigo, corte-a em pequenas porções e parta para o recheio.

Segunda etapa, recheio

Esse é o momento de tornar o seu lanche ainda mais nutritivo! E seguindo a nossa sugestão de recheio, o espinafre pode agregar à receita os benefícios das verduras verde-escuras - vitaminas A, B, C e K e minerais como ferro, fósforo e potássio - e a ricota pode contribuir com uma boa dose de proteínas e cálcio.

Para prepará-los, corte a ricota em pedaços pequenos e lave bem o espinafre para retirar qualquer impureza. Em uma panela à parte, ponha um fio de azeite, alguns dentes de alho picados, sal e pimenta-do-reino, e refogue o espinafre até que ele murche (não se esqueça de mexer a panela de vez em quando para não queimar!). Depois é só cozinhar até o líquido secar (cerca de 5 minutos) e pronto.

Última etapa, montagem + tempo de forno

A parte mais fácil de todo o processo é a montagem do pastel! Para isso, pegue uma das porções da massa que você separou, preencha-a com algumas colheradas do recheio (um pouco de ricota e um pouco de espinafre, o suficiente para que você consiga fechá-la) e coloque outra porção de massa por cima.

Para fechar o pastel, dobre as extremidades da massa de fora para dentro, englobe todo o recheio e vede bem com um garfo. É ele quem vai criar aquela clássica marquinha das pontas. Por fim, pincele a massa com gema de ovo e leve para assar à 180°C, preaquecido, por mais ou menos 40 minutos.

Dica: Para poupar tempo e trabalho, compre uma massa de pastel pronta que dá no mesmo!

Prepare um pastel rico em fibras e sabor utilizando farinha integral

Que tal fazer uma massa de pastel com muito mais fibras? Tudo o que você precisa é trocar a farinha de trigo comum, pela integral! E para continuar abrindo mão da fritura, prepare-o no forno, como na receita anterior. Assim fica muito mais saudável né?

Os ingredientes básicos da receita não mudam (exceto pela farinha). Ou seja, repita todo o processo de misturar farinha integral, manteiga, ovo e sal, abra a massa quando pronta e deixe-a descansar.

Quanto ao recheio, que tal apostar na sofisticação do tomate seco com o frescor do manjericão? Não tem como essa mistura dar errado, muito menos quando se trata dos nutrientes! Enquanto o tomate seco oferece um alto nível de potássio, licopeno e anti-inflamatórios naturais do fruto, o manjericão traz incontáveis nutrientes à receita, como vitaminas e minerais variados, e muito mais fibras.

No final, basta rechear a massa e assá-la no forno em fogo médio/ baixo até dourar. E o melhor de tudo é que a massa integral vai deixar o pastel ainda mais consistente e crocante!

Obs.: Também vale experimentar a receita com farinha de aveia, fica uma delícia.

Se possível, frite o pastel na airfryer

Essa é para os que curtem aquele aspecto de pastel frito, mas não suportam o excesso de óleo! E você ainda economiza o seu tempo: o pastel na airfryer não demora mais que 15 minutos para ficar pronto.

Basta fazê-lo com a farinha que preferir (da mesma forma que nas outras receitas). E depois que tudo estiver pronto, programe a sua airfryer entre 10 a 15 minutos, à 200°C. O importante é virar o lado do pastel na metade do tempo e ficar sempre de olho!

Bônus: Lá vai uma sugestão de recheio supersaudável: queijo minas com orégano e pedaços de tomate fresco.

Mais noticias com...
Receitas:
Queijo
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais