Para que serve a luteína? Entenda sua importância para o nosso corpo

Para incluir a luteína na alimentação, o mais indicado é comer vegetais verdes folhosos (como o espinafre) e gema de ovo
Para incluir a luteína na alimentação, o mais indicado é comer vegetais verdes folhosos (como o espinafre) e gema de ovo
Cristiane Coronel

Consultor:

Cristiane Coronel

Nutricionista Graduada pelo Centro Universitário de Brasília e pós-graduada em Nutrição Clínica e Esportiva Funcional pela Universidade Cruzeiro do Sul

Presentes em vegetais verdes, vermelhos, amarelos, alaranjados e outros, os carotenoides são fitonutrientes indispensáveis para o organismo - protegem as células contra o estresse oxidativo, melhoram o metabolismo e fortalecem a imunidade. A luteína, em especial, é um tipo de carotenoide de forte ação antioxidante que deve estar presente na dieta de todos. Para saber mais sobre o assunto, nós conversamos com a nutricionista Cristiane Coronel, que falou mais sobre as particularidades da luteína: para que serve, quais são seus benefícios e principais fontes.

Para que serve a luteína?

Assim como a zeaxantina, a luteína é uma substância não produzida naturalmente pelo organismo. Por isso, de acordo com a nutricionista Cristiane Coronel, é fundamental consumir alimentos ricos nesse carotenoide - afinal, ele cumpre funções indispensáveis para a saúde. "A luteína é uma substância chamada carotenoide, um composto com pigmentação amarela (mas que pode estar presente em ) e que se solubiliza em gorduras. Ela é muito importante para o organismo, principalmente no âmbito da saúde ocular e atua contra o envelhecimento precoce da pele, considerada um potente antioxidante", explica a profissional.

Quais são os alimentos ricos em luteína?

Para preservar a mácula ocular (evitar problemas de visão), melhorar a saúde da pele, dos cabelos, inibir os radicais livres e otimizar o metabolismo, é importante manter um bom nível de carotenoides na alimentação. O recomendado, por exemplo, é ingerir cerca de 15 mg de luteína por dia para evitar possíveis problemas de saúde. De acordo com a nutricionista, as principais fontes dessa substância são: "Gema de ovos, milho, couve, brócolis, rúcula, espinafre, mostarda, chicória, aipo, alface e agrião. Ao menos 2 desses alimentos devem estar na alimentação diária para oferecer uma boa fonte de luteína para o corpo", recomenda.

Você sabia que, em alguns casos, também é necessário fazer suplementação de luteína? De acordo com Cristiane Coronel, é importante ter os exames em dia - e consultar regularmente profissionais da saúde - para evitar possíveis deficiências nutricionais. "A suplementação de luteína é necessária quando a pessoa não faz o consumo adequado das fontes alimentares desse carotenoide. É necessária uma avaliação por nutricionista para saber a necessidade de suplementação e como fazer", afirma.

A nutricionista ainda destaca que a carência extrema de luteína pode ser bastante prejudicial para a saúde - por isso, é importante atentar para haver um consumo equilibrado do carotenoide. "A falta dessa substância no corpo, pode causar envelhecimento precoce da pele, queda do sistema imunológico e aparecimento precoce de catarata. A suplementação de luteína quase não apresenta efeitos colaterais nem dosagem de toxicidade. O que se pode notar é um possível amarelamento da pele e dos olhos com seu excesso", finaliza Cristiane.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é pitomba e quais seus benefícios? Conheça essa fruta exótica do Nordeste

O que é pitomba e quais seus benefícios? Conheça essa fruta exótica do Nordeste O que é pitomba e quais seus benefícios? Conheça essa fruta exótica do Nordeste

Espécie nativa da Caatinga, Cerrado, Amazônia e Mata Atlântica, a pitomba, também chamada de olho de boi, é o fruto da pitombeira (Talisia esculenta) - uma...

> Leia mais
Açúcar demerara: o que é e quais são seus benefícios

Açúcar demerara: o que é e quais são seus benefícios Açúcar demerara: o que é e quais são seus benefícios

Quando se trata de escolher um tipo de açúcar mais saudável para incluir no cardápio, faz todo sentido recorrer ao demerara. Considerado uma versão mais...

> Leia mais
Banana dá gases? Entenda se a fruta pode gerar flatulência

Banana dá gases? Entenda se a fruta pode gerar flatulência Banana dá gases? Entenda se a fruta pode gerar flatulência

Você sabia que existem alimentos que causam gases quando consumidos de forma excessiva (ou preparados de forma equivocada)? As leguminosas, em especial,...

> Leia mais
Existem diferentes tipos de chuchu? Saiba mais sobre as variedades desse fruto

Existem diferentes tipos de chuchu? Saiba mais sobre as variedades desse fruto Existem diferentes tipos de chuchu? Saiba mais sobre as variedades desse fruto

É comum que alimentos orgânicos apresentem variações em tamanho e cor quando vamos às compras no mercado, mas você sabia que existem diferentes tipos de...

> Leia mais
Como tratar síndrome do pânico com exercícios? Psicóloga dá dicas

Como tratar síndrome do pânico com exercícios? Psicóloga dá dicas Como tratar síndrome do pânico com exercícios? Psicóloga dá dicas

Você sabe o que é síndrome do pânico e quais sintomas esse transtorno causa? Caracterizado por crises de ansiedade, que provocam uma forte sensação de medo e...

> Leia mais
Receita de pão de tapioca caseiro para quem tem intolerância ao glúten

Receita de pão de tapioca caseiro para quem tem intolerância ao glúten Receita de pão de tapioca caseiro para quem tem intolerância ao glúten

Que tal uma receita de pão de tapioca caseiro para incluir na sua dieta sem glúten? Boa parte da culinária brasileira é baseada em derivados do trigo. Pães,...

> Leia mais
Como cozinhar beterraba de forma saudável? 5 dicas para preparar a raiz

Como cozinhar beterraba de forma saudável? 5 dicas para preparar a raiz Como cozinhar beterraba de forma saudável? 5 dicas para preparar a raiz

Você sabe como cozinhar beterraba de forma simples para aproveitar ao máximo seus nutrientes? Quando se trata de raízes e tubérculos, o ideal é sempre variar...

> Leia mais
O que é dieta Atkins e como ela funciona? Saiba se ela realmente é indicada

O que é dieta Atkins e como ela funciona? Saiba se ela realmente é indicada O que é dieta Atkins e como ela funciona? Saiba se ela realmente é indicada

Por mais que dietas restritivas possam trazer certos benefícios ao organismo, elas devem ser seguidas de forma muito cautelosa. A dieta Atkins, por exemplo,...

> Leia mais
Como aumentar a dopamina no cérebro através de hábitos saudáveis

Como aumentar a dopamina no cérebro através de hábitos saudáveis Como aumentar a dopamina no cérebro através de hábitos saudáveis

Para manter os hormônios equilibrados e em bom funcionamento, é muito importante ter um estilo de vida saudável - com uma dieta balanceada e a prática...

> Leia mais
Alimentos batidos no liquidificador perdem os nutrientes? Nutricionista explica

Alimentos batidos no liquidificador perdem os nutrientes? Nutricionista explica Alimentos batidos no liquidificador perdem os nutrientes? Nutricionista explica

É bem provável que você já tenha ouvido alguém dizer que alimentos batidos no liquidificador perdem os nutrientes. Essa é uma afirmação muito recorrente...

> Leia mais