Ostras são ricas em ferro! Conheça as vantagens desse fruto do mar para a saúde

Ostras são ricas em ferro e cálcio, além de serem consideradas afrodisíacas
Ostras são ricas em ferro e cálcio, além de serem consideradas afrodisíacas

Graças ao cinema e à televisão, a ostra acabou sendo associada a uma gastronomia mais cara e requintada. O que poucos realmente lembram é que, por se tratar de um fruto do mar, ela faz parte da dieta do mediterrâneo, que é aquela conhecida por dar longevidade a povos que viviam na região do Mar Mediterrâneo em uma época em que a medicina não era tão avançada. Mas por mais que a ostra não seja corriqueira na sua alimentação, seus benefícios são tantos que vale a pena dar uma chance ao seu consumo.

Ostra possui boas quantidades de ômega 3

Assim como ocorre com outros frutos do mar, a ostra possui boas quantidades de ômega 3. Esse ácido graxo essencial é ótimo para a saúde do coração, já que diminui o colesterol, regula a pressão arterial, previne a formação de coágulos sanguíneos e ainda evita arritmias cardíacas. Isso sem falar que atua no cérebro, evitando problemas como a depressão.

Fruto do mar é rico em ferro

Embora seja rica em diversos minerais, um dos que ganha destaque é o ferro, já que ele está presente em grandes quantidades no animal. Para se ter uma ideia, 100g de ostras, que equivalem a oito unidades do molusco, possuem entre 5g e 9g de ferro, o que é considerado um valor bem significativo. Aliás, a ostra também é rica em vitamina C, que por sua vez ajuda na absorção desse mineral no organismo. Portanto, ela é muito indicada a pessoas que sofrem com anemia.

Ostra é considerada um alimento afrodisíaco

É bem possível que você já tenha escutado em algum lugar que a ostra é um alimento afrodisíaco, mas será que isso é verdade? De certa forma sim, mas ela ajuda a melhorar o desempenho sexual masculino, e não feminino. Isso porque possui uma quantidade impressionante de zinco, e por isso ajuda na espermatogênese, que é o processo de formação de espermatozoides. Consequentemente, vai ajudar a produzir a testosterona, que é o principal hormônio sexual masculino. Lembrando que para que ela atue como afrodisíaco é preciso incluí-la na dieta, e não consumi-la antes do ato sexual.

Cálcio da ostra é muito benéfico

O leite é sempre lembrado como uma boa fonte de cálcio, mas é importante ressaltar que o mineral está presente em outros alimentos. E a ostra, por exemplo, é dos que o possui em abundância. Com isso, seu consumo permite que ossos e dentes fiquem mais fortes, evitando problemas como a osteoporose. Inclusive, o cálcio de ostras é vendido como suplemento vitamínico, já que também é rico em outros nutrientes, como vitamina D. Essa, por sua vez, além de ajudar na calcificação também aumenta a performance de atletas e ainda previne o autismo.

Cuidado com o excesso!

Por mais que o consumo de ostras seja muito benéfico, o seu excesso pode gerar alguns problemas de saúde. Isso porque as ostras são bem calóricas, possuindo uma taxa alta de colesterol. Por isso, o ideal é limitar o seu consumo a no máximo 100 gramas por semana. Além disso, o alimento não pode entrar no cardápio de grávidas, já que há o risco de contrair toxoplasmose, doença que embora em geral não seja maléfica para a mãe pode ser muito danosa para o bebê.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais