Os benefícios do arroz selvagem e como prepará-lo sem mistérios

Arroz selvagem é fonte de vitaminas A, B, C e E, antioxidantes, minerais, fibras e proteínas
Arroz selvagem é fonte de vitaminas A, B, C e E, antioxidantes, minerais, fibras e proteínas

Sofisticado, saborosamente marcante e único. Se você nunca provou o arroz selvagem (ou nunca ouviu falar sobre), esse é o seu momento! Preto como o arroz integral negro e consumido como o arroz branco comum, esse tipo de cereal é, na verdade, a semente de uma grama aquática. Apesar de exótico, o arroz selvagem é considerado superior à maioria dos grãos por diversos nutricionistas e reúne boa parte dos nutrientes indispensáveis para o nosso dia a dia. Quer saber mais ele? Então confira a matéria!

Arroz selvagem é rico em proteínas, fibras, minerais e vitaminas

Consumido majoritariamente na América do Norte e no Oriente Médio, o arroz selvagem possui aproximadamente 7 gramas de proteínas por porção, altos níveis de potássio e zinco, vitaminas A, B, C e E e muitas fibras alimentares. E além de todos esses compostos essenciais para a saúde, ele é baixo em calorias, carboidratos e sódio! Por isso, é superindicado para os que precisam regular o nível de glicose no sangue.

Cereal é extremamente importante para o nosso corpo

Retardar o envelhecimento das células e inibir uma série de doenças é uma das especialidades deste cereal! Com 30 vezes mais antioxidantes do que o arroz branco, o alimento protege todas as células sadias do organismo agindo fortemente contra ação de radicais livres - da mesma forma que os demais alimentos conhecidos por essa característica. Ele também é benéfico para a saúde cardíaca, atua no processo digestivo e ajuda a equilibrar os níveis de água no corpo.

Como preparar o arroz selvagem?

Diferente dos seus semelhantes, o arroz selvagem raramente é servido puro. Ele é misturado com outros tipos de cereais - como o próprio arroz branco e o arroz 7 grãos -, grão de bico, feijão fradinho, lentilha, soja e várias oleaginosas.

O modo de preparo é bem semelhante ao do arroz integral. Primeiro, você deve fazer um refogado de alho, cebola e óleo de coco em um panela e quando a cebola estiver bem douradinha acrescentar algumas xícaras do arroz. Depois, mexa por um tempo e até que os sabores se incorporem, encha a panela com água próxima ao topo e coloque uma pitadinha de sal.

O arroz selvagem costuma levar bastante tempo cozinhando até que atinja o ponto correto - ele não deve ser tão delicado como o branco e nem tão 'al dente' como o arroz de risoto. Por isso, deixe-o em fogo baixo por mais ou menos 45 minutos e verifique a sua consistência de tempos em tempos. Quando estiver pronto, escorra e misture-o com outros cereais.

Dica: Para potencializar o seu, esprema uma banda de suco de limão por cima do prato pronto. Pode confiar que fica uma delícia!

Obs.: O arroz acompanha muito bem proteínas (frango, carnes e peixes), batatas assadas, mandioca e carboidratos em geral.

Mais noticias com...
Receitas:
Arroz
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais
Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Presente na nossa alimentação antes mesmo de o Brasil ser descoberto pelos portugueses, a mandioca (também chamada de macaxeira ou aipim) é uma raiz...

> Leia mais
6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente 6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

Separar poucos minutos do dia para meditar, relaxar o corpo e a mente pode ser algo muito benéfico, sabia? Cuidar da saúde mental e emocional requer pequenos...

> Leia mais
Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo

Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo

Os minerais, de uma forma geral, são muito importantes para a saúde dos sistemas nervoso, muscular, esquelético e digestivo, além de garantirem equilíbrio...

> Leia mais