Os alimentos naturalmente doces que ajudam a matar a vontade de consumir açúcar

Para amenizar a vontade de comer doce, uma boa dica é passar a consumir mais frutas (como a manga) que são ricas em frutose, um açúcar natural
Para amenizar a vontade de comer doce, uma boa dica é passar a consumir mais frutas (como a manga) que são ricas em frutose, um açúcar natural

Para muita gente, fugir de tortas, bolos, brigadeiros e outros doces costuma ser uma missão difícil. Afinal, o açúcar é uma substância viciante que faz falta quando ficamos muito tempo sem comê-la. Só que o lado bom é que existem alimentos naturalmente doces - mais saudáveis e nutritivos - que podem funcionar como excelentes substitutos. Para saber mais sobre eles, nós conversamos com a nutricionista Sheila Basso, que esclareceu muitos pontos importantes. Confira!

Evite consumir alimentos industrializados

Uma das principais dicas para evitar os malefícios do açúcar é, justamente, reduzir o consumo de produtos industrializados. "Algumas atitudes que podem reduzir o consumo excessivo de açúcar na nossa alimentação são: evitar comprar produtos ultraprocessados, que contêm enorme quantidade de açúcar (industrializados); evitar adoçar as bebidas; quando tiver vontade de consumir algum doce, consumir os que possuem versões menos calóricas e sempre com moderação", explica a nutricionista Sheila Basso.

Aposte em alimentos ricos em triptofano

Para quem quer reduzir a vontade de comer açúcar, uma das principais dicas é montar um cardápio com alimentos fontes de triptofano. Isso porque esse aminoácido é essencial para a síntese da serotonina (o "hormônio da felicidade") no nosso organismo. Ou seja, ele diminui os sintomas da ansiedade, da depressão e também a vontade excessiva de comer doce. Essa substância pode ser encontrada em alimentos como o cacau, abacate, banana e oleaginosas como as amêndoas, nozes e castanhas. Além disso, peixes, leite e derivados também são fontes importantes de triptofano - portanto, você pode incorporá-los facilmente ao seu cardápio diário.

Segundo a nutricionista, a necessidade de comer doce se deve muito pela diminuição da serotonina no nosso organismo: "Algumas pessoas apresentam a necessidade de comer algum docinho após as refeições porque, durante o processo de digestão, os estoques de serotonina ficam diminuídos. Isso faz com que o organismo busque captar rapidamente triptofano para uma nova produção desse neurotransmissor. O cérebro nos avisa desse processo, provocando desejo por carboidratos, como doces", explica a profissional.

Frutas frescas in natura são ótimas opções

As grandes substitutas do açúcar industrializado, sem dúvida nenhuma, são as frutas frescas - maçã, manga, uva, laranja, abacaxi e por aí vai. Isso porque elas contêm frutose, um açúcar natural que concede energia para o organismo. Em vez de consumir doces industrializados - que aumentam o colesterol e podem ocasionar doenças como a diabetes -, uma boa dica é adicionar as frutas ao seu cardápio. Elas ajudam a amenizar essa vontade de comer açúcar e têm substâncias (vitaminas e minerais) fundamentais para o nosso corpo.

Outra dica recomendada pela nutricionista é a adição da canela para amenizar a vontade de comer doce. "Você também pode acrescentar canela sobre as frutas (pode-se cozinhar banana, pera, maçã com canela, por exemplo). Esse tempero é um ótimo aliado para reduzir a vontade de comer doces. Procure também fazer versões mais saudáveis de sobremesas, como doces caseiros, que são mais gostosos e saudáveis - como exemplo temos arroz doce, doce de abóbora, doce de banana, compotas, geleias e sagu", afirma Sheila Basso.

Obs.: Frutas desidratadas também são ótimas opções, sabia? Isto porque, quando passam pelo processo de desidratação, elas perdem toda a água e ficam com os nutrientes (incluindo a frutose) mais concentrados. Só tome cuidado para não exagerar na quantidade, ok? O ideal é que você consuma apenas pequenas porções de frutas secas (como a uva, maçã, kiwi e banana) que também são saborosas e aliviam aquela vontade de comer doce.

Consuma oleaginosas e chocolate meio amargo

Para quem ama comer chocolate no dia a dia, aqui vai uma dica de ouro: tente priorizar barras mais amargas, que contêm uma quantidade maior de cacau e são mais saudáveis. Os chocolates meio amargos (de 70% cacau para cima, de preferência), não possuem muito açúcar e, inclusive, têm muitas substâncias benéficas. "Algumas ideias que podem ajudar são substituir chocolate e doces industrializados por frutas, oleaginosas (castanhas) ou chocolate meio amargo/amargo (60-70% cacau). São opções mais saudáveis, porque são fontes de fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes", completa a nutricionista.

Faça picolés caseiros de frutas

Outra dica interessante é preparar picolés caseiros de frutas, que são mais saudáveis e saborosos. Neste caso, você só vai precisar bater as frutas in natura (morangos, framboesas, limão etc.) com gelo, água e, em alguns casos, leite e outros ingredientes para dar sabor. Despeje a mistura em forminhas de picolé e, depois, deixe no freezer até ficar pronto. Essa também é uma alternativa inteligente para substituir o açúcar artificial, que é mais maléfico para o organismo.

Invista no frozen com iogurte natural

Você também pode preparar frozens caseiros mais saudáveis - um tipo de sorvete, feito a base de iogurte e frutas, que é super-refrescante e mais saudável para o dia a dia. Uma boa dica é usar um iogurte natural sem gordura e sem açúcar, que acaba sendo menos calórico. Além disso, você pode fazer misturas com frutas vermelhas, como o morango, framboesa e a amora.

Por fim, Sheila Basso também dá uma dica de ouro para diminuir a vontade de comer açúcar. "Praticar a atividade física também ajuda bastante, porque o exercício físico estimula a liberação de hormônios, que são responsáveis pela sensação de bem-estar - o mesmo efeito causado pelo consumo de doce", finaliza a nutricionista.

* Sheila Basso (CRN 21.557) é especialista em Nutrição Clínica e em Obesidade, Emagrecimento e Saúde pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

4 receitas fitness simples e baratas para ter uma dieta mais saudável

4 receitas fitness simples e baratas para ter uma dieta mais saudável 4 receitas fitness simples e baratas para ter uma dieta mais saudável

Ao contrário do que muita gente pensa, é possível sim ter uma dieta fitness (com pouca gordura e vegetais variados) de forma prática e sem gastar muito....

> Leia mais
O que é calistenia? 7 exercícios para fazer em casa

O que é calistenia? 7 exercícios para fazer em casa O que é calistenia? 7 exercícios para fazer em casa

Se você está procurando um exercício físico bem prático e eficiente para realizar em casa, veio ao lugar certo! A calistenia, para quem não conhece, consiste...

> Leia mais
Frutas com A: conheça aquelas batizadas com a primeira letra do alfabeto

Frutas com A: conheça aquelas batizadas com a primeira letra do alfabeto Frutas com A: conheça aquelas batizadas com a primeira letra do alfabeto

Sucos, smoothies, vitaminas, geleias, compotas, bolos, mousses, saladas e diferentes doces... São inúmeras as possibilidades de receitas que podem ser feitas...

> Leia mais
Os benefícios da serralha, planta medicinal rica em vitaminas

Os benefícios da serralha, planta medicinal rica em vitaminas Os benefícios da serralha, planta medicinal rica em vitaminas

A serralha é um tipo de PANC (planta alimentícia não convencional) que pode trazer vários benefícios à saúde, pois tem alto teor de ferro, vitaminas,...

> Leia mais
Como fortalecer o pulmão? 6 alimentos bons para o seu funcionamento

Como fortalecer o pulmão? 6 alimentos bons para o seu funcionamento Como fortalecer o pulmão? 6 alimentos bons para o seu funcionamento

Ter um estilo de vida saudável, com uma boa alimentação atrelada à prática regular de exercícios físicos, é muito importante para garantir a saúde pulmonar....

> Leia mais
Centella asiática: para que serve essa planta medicinal indiana

Centella asiática: para que serve essa planta medicinal indiana Centella asiática: para que serve essa planta medicinal indiana

Também chamada de gotu kola, pegaga e antanan, a centella asiática é uma planta medicinal de origem indiana muito usada pela medicina ayurvédica - ótima para...

> Leia mais
Lambedor de abacaxi, beterraba e mais: como fazer receitas desse xarope caseiro

Lambedor de abacaxi, beterraba e mais: como fazer receitas desse xarope caseiro Lambedor de abacaxi, beterraba e mais: como fazer receitas desse xarope caseiro

Você sabia que é possível fazer xaropes caseiros usando frutas, raízes e ervas medicinais de forma simples? A nossa dica é recorrer sempre a ingredientes bem...

> Leia mais
O que causa gordura no fígado e a dieta para tratar o problema

O que causa gordura no fígado e a dieta para tratar o problema O que causa gordura no fígado e a dieta para tratar o problema

Caracterizada pelo acúmulo de gordura no fígado, que pode levar a sintomas de inchaço, dor e fraqueza, a esteatose hepática é geralmente causada por hábitos...

> Leia mais
Os benefícios do açafrão-da-terra, a famosa cúrcuma

Os benefícios do açafrão-da-terra, a famosa cúrcuma Os benefícios do açafrão-da-terra, a famosa cúrcuma

O açafrão-da-terra, também conhecido como cúrcuma, é um tipo de raiz que pertence à mesma família do gengibre - é altamente aromático, tem uma cor amarela...

> Leia mais
Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer

Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer

Encontrado, principalmente, nas regiões do Pará, o camapu é uma planta amazônica que vem sendo muito estudada pelos pesquisadores do Norte do Brasil. Devido...

> Leia mais