Os alimentos naturalmente doces que ajudam a matar a vontade de consumir açúcar

Para amenizar a vontade de comer doce, uma boa dica é passar a consumir mais frutas (como a manga) que são ricas em frutose, um açúcar natural
Para amenizar a vontade de comer doce, uma boa dica é passar a consumir mais frutas (como a manga) que são ricas em frutose, um açúcar natural

Para muita gente, fugir de tortas, bolos, brigadeiros e outros doces costuma ser uma missão difícil. Afinal, o açúcar é uma substância viciante que faz falta quando ficamos muito tempo sem comê-la. Só que o lado bom é que existem alimentos naturalmente doces - mais saudáveis e nutritivos - que podem funcionar como excelentes substitutos. Para saber mais sobre eles, nós conversamos com a nutricionista Sheila Basso, que esclareceu muitos pontos importantes. Confira!

Evite consumir alimentos industrializados

Uma das principais dicas para evitar os malefícios do açúcar é, justamente, reduzir o consumo de produtos industrializados. "Algumas atitudes que podem reduzir o consumo excessivo de açúcar na nossa alimentação são: evitar comprar produtos ultraprocessados, que contêm enorme quantidade de açúcar (industrializados); evitar adoçar as bebidas; quando tiver vontade de consumir algum doce, consumir os que possuem versões menos calóricas e sempre com moderação", explica a nutricionista Sheila Basso.

Aposte em alimentos ricos em triptofano

Para quem quer reduzir a vontade de comer açúcar, uma das principais dicas é montar um cardápio com alimentos fontes de triptofano. Isso porque esse aminoácido é essencial para a síntese da serotonina (o "hormônio da felicidade") no nosso organismo. Ou seja, ele diminui os sintomas da ansiedade, da depressão e também a vontade excessiva de comer doce. Essa substância pode ser encontrada em alimentos como o cacau, abacate, banana e oleaginosas como as amêndoas, nozes e castanhas. Além disso, peixes, leite e derivados também são fontes importantes de triptofano - portanto, você pode incorporá-los facilmente ao seu cardápio diário.

Segundo a nutricionista, a necessidade de comer doce se deve muito pela diminuição da serotonina no nosso organismo: "Algumas pessoas apresentam a necessidade de comer algum docinho após as refeições porque, durante o processo de digestão, os estoques de serotonina ficam diminuídos. Isso faz com que o organismo busque captar rapidamente triptofano para uma nova produção desse neurotransmissor. O cérebro nos avisa desse processo, provocando desejo por carboidratos, como doces", explica a profissional.

Frutas frescas in natura são ótimas opções

As grandes substitutas do açúcar industrializado, sem dúvida nenhuma, são as frutas frescas - maçã, manga, uva, laranja, abacaxi e por aí vai. Isso porque elas contêm frutose, um açúcar natural que concede energia para o organismo. Em vez de consumir doces industrializados - que aumentam o colesterol e podem ocasionar doenças como a diabetes -, uma boa dica é adicionar as frutas ao seu cardápio. Elas ajudam a amenizar essa vontade de comer açúcar e têm substâncias (vitaminas e minerais) fundamentais para o nosso corpo.

Outra dica recomendada pela nutricionista é a adição da canela para amenizar a vontade de comer doce. "Você também pode acrescentar canela sobre as frutas (pode-se cozinhar banana, pera, maçã com canela, por exemplo). Esse tempero é um ótimo aliado para reduzir a vontade de comer doces. Procure também fazer versões mais saudáveis de sobremesas, como doces caseiros, que são mais gostosos e saudáveis - como exemplo temos arroz doce, doce de abóbora, doce de banana, compotas, geleias e sagu", afirma Sheila Basso.

Obs.: Frutas desidratadas também são ótimas opções, sabia? Isto porque, quando passam pelo processo de desidratação, elas perdem toda a água e ficam com os nutrientes (incluindo a frutose) mais concentrados. Só tome cuidado para não exagerar na quantidade, ok? O ideal é que você consuma apenas pequenas porções de frutas secas (como a uva, maçã, kiwi e banana) que também são saborosas e aliviam aquela vontade de comer doce.

Consuma oleaginosas e chocolate meio amargo

Para quem ama comer chocolate no dia a dia, aqui vai uma dica de ouro: tente priorizar barras mais amargas, que contêm uma quantidade maior de cacau e são mais saudáveis. Os chocolates meio amargos (de 70% cacau para cima, de preferência), não possuem muito açúcar e, inclusive, têm muitas substâncias benéficas. "Algumas ideias que podem ajudar são substituir chocolate e doces industrializados por frutas, oleaginosas (castanhas) ou chocolate meio amargo/amargo (60-70% cacau). São opções mais saudáveis, porque são fontes de fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes", completa a nutricionista.

Faça picolés caseiros de frutas

Outra dica interessante é preparar picolés caseiros de frutas, que são mais saudáveis e saborosos. Neste caso, você só vai precisar bater as frutas in natura (morangos, framboesas, limão etc.) com gelo, água e, em alguns casos, leite e outros ingredientes para dar sabor. Despeje a mistura em forminhas de picolé e, depois, deixe no freezer até ficar pronto. Essa também é uma alternativa inteligente para substituir o açúcar artificial, que é mais maléfico para o organismo.

Invista no frozen com iogurte natural

Você também pode preparar frozens caseiros mais saudáveis - um tipo de sorvete, feito a base de iogurte e frutas, que é super-refrescante e mais saudável para o dia a dia. Uma boa dica é usar um iogurte natural sem gordura e sem açúcar, que acaba sendo menos calórico. Além disso, você pode fazer misturas com frutas vermelhas, como o morango, framboesa e a amora.

Por fim, Sheila Basso também dá uma dica de ouro para diminuir a vontade de comer açúcar. "Praticar a atividade física também ajuda bastante, porque o exercício físico estimula a liberação de hormônios, que são responsáveis pela sensação de bem-estar - o mesmo efeito causado pelo consumo de doce", finaliza a nutricionista.

* Sheila Basso (CRN 21.557) é especialista em Nutrição Clínica e em Obesidade, Emagrecimento e Saúde pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais