Ortorexia: em que momento comer alimentos saudáveis se torna uma obsessão?

Restringir demais ou até mesmo reduzir a quantidade de alimentos podem ser sintomas da ortorexia
Restringir demais ou até mesmo reduzir a quantidade de alimentos podem ser sintomas da ortorexia
Cristiane Coronel

Consultor:

Cristiane Coronel

Nutricionista Graduada pelo Centro Universitário de Brasília e pós-graduada em Nutrição Clínica e Esportiva Funcional pela Universidade Cruzeiro do Sul

Buscar uma alimentação saudável é algo importante para ter uma vida equilibrada. Mas quando isso se torna uma obsessão - a ponto de a pessoa ficar neurótica com a rotina alimentar - passa a ser um problema. Essa é a definição de ortorexia: um transtorno alimentar no qual o indivíduo fica obcecado pela dieta. Para entender melhor como esse transtorno funciona, nós conversamos com a nutricionista Cristiane Coronel. Ela esclareceu muitos pontos importantes - confira!

Como saber se você está exagerando na dieta

Uma dúvida que costuma surgir é como a pessoa sabe se está (ou não) exagerando na dieta. Para esclarecer esse ponto, a nutricionista Cristiane Coronel citou alguns indícios que mostram quando o indivíduo está em um ciclo ortoréxico. "Pode existir a negação constante de consumo de alimentos que não sejam preparados pela própria pessoa; privação de eventos sociais como datas comemorativas de aniversários, festas, restaurantes, dentre outros. Muitas vezes, se a pessoa não leva seus próprios alimentos, fica em períodos extensos de jejum para não colocar nada na boca que não esteja previsto e correto, do ponto de vista do paciente", comenta a profissional.

Além disso, a nutricionista também destacou que algumas manias, como ficar obcecado pela tabela nutricional dos alimentos ou até mesmo inventar restrições alimentares exageradas podem constituir um quadro ortoréxico: "Outros indícios da ortorexia são: quando o indivíduo não apresenta doenças de origem alimentar, mas leva sua própria refeição para restaurantes e eventos que ofereçam variedades de alimentos; manias como analisar diariamente (e repetidamente) rótulos de alimentos e a preocupação excessiva com as questões éticas, ideológicas e/ou filosóficas dos alimentos", complementa Cristiane.

Cortar nutrientes da dieta por conta própria pode ser perigoso

O grande problema da ortorexia está justamente no exagero relacionado à rotina alimentar. Em uma onda de obsessão com o corpo e "dietas milagrosas", muitas pessoas acabam tornando-se obcecadas por evitar doces, gorduras e até mesmo carboidratos (que são substâncias importantes para a saúde do corpo). A nutricionista destacou como pode ser problemática essa onda de restringir nutrientes. "Atualmente, temos grupos grandes de pessoas que aboliram certos grupos alimentares sem necessidade, como por exemplo, o glúten. Pessoas que não são sensíveis ou alérgicas à gliadina (proteína do trigo), mas que cortaram o glúten totalmente da dieta, com a ideia de que faz mal e ponto final. Essa exclusão de grupos alimentares sem necessidade pode, sim, gerar problemas sérios à saúde. Sem as substituições corretas, o indivíduo pode apresentar falta de nutrientes no corpo e apresentar uma série de problemas, dentre eles, se tornar sensível às substâncias que não era sensível antes", explica a nutricionista.

Como fugir da ortorexia?

Para fugir desse ciclo de ortorexia, o primeiro passo é reeducar a mente para buscar uma alimentação mais equilibrada - com hábitos saudáveis, mas sempre de forma dosada e consciente! Além disso, é muito importante ter um acompanhamento frequente com um nutricionista. De acordo com a Cristiane Coronel, esse é um dos pontos mais importantes: "O ideal é sempre ter orientação do nutricionista e psicólogo mensalmente. Se o indivíduo já apresenta tendências maníacas, deve tomar o máximo de cuidado com a dieta para não piorar", finaliza a profissional.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio

Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio

Quer dar uma diferenciada no cardápio no fim de semana? A comida mediterrânea é uma opção saudável para curtir uma noite de receitas estrangeiras com a...

> Leia mais
Benefícios do brócolis: 5 razões para comer mais esse vegetal

Benefícios do brócolis: 5 razões para comer mais esse vegetal Benefícios do brócolis: 5 razões para comer mais esse vegetal

Dentre os vegetais, a lista de benefícios do brócolis é uma das mais extensas! O legume é supernutritivo e oferece muita versatilidade para as refeições...

> Leia mais
Suco de caixinha não é tudo igual! Nutricionista ensina como escolher

Suco de caixinha não é tudo igual! Nutricionista ensina como escolher Suco de caixinha não é tudo igual! Nutricionista ensina como escolher

Você já deve ter ouvido falar que suco de caixinha faz mal, não é? Assim como diversos produtos vendidos no mercado e consumidos na rotina alimentar, existem...

> Leia mais
Lanches saudáveis: o que levar para comer na praia

Lanches saudáveis: o que levar para comer na praia Lanches saudáveis: o que levar para comer na praia

Ter lanches saudáveis na bolsa é sempre uma boa ideia para quem quer curtir um dia ensolarado com toda a família na praia. Além de ser mais econômica, essa é...

> Leia mais
Quais os benefícios da maçã e 4 motivos para comer a fruta desidratada

Quais os benefícios da maçã e 4 motivos para comer a fruta desidratada Quais os benefícios da maçã e 4 motivos para comer a fruta desidratada

Você sabe quais os benefícios da maçã? E no caso da maçã desidratada, o que você sabe sobre o alimento? A primeira coisa a se dizer é que as frutas...

> Leia mais
Óleo de coco x azeite: qual o óleo mais saudável?

Óleo de coco x azeite: qual o óleo mais saudável? Óleo de coco x azeite: qual o óleo mais saudável?

Entre óleo de coco e azeite, qual você prefere? É possível que você já tenha se perguntado qual o óleo mais saudável, pois essa questão é bem comum para quem...

> Leia mais
Cranberry: conheça os benefícios da fruta para a saúde

Cranberry: conheça os benefícios da fruta para a saúde Cranberry: conheça os benefícios da fruta para a saúde

Também chamado de oxicoco, mirtilo-vermelho ou airela, o cranberry é uma fruta vermelha, pequena e redonda, de sabor agridoce que se destaca por ter um alto...

> Leia mais
Bolinho de espinafre: aprenda a fazer esse petisco saudável

Bolinho de espinafre: aprenda a fazer esse petisco saudável Bolinho de espinafre: aprenda a fazer esse petisco saudável

Quer preparar um petisco saudável para servir em eventos ou receber os amigos em casa? O bolinho de espinafre é a receita perfeita para quem gosta de...

> Leia mais
Ovo pochê: aproveite os nutrientes do ovo com essa receita saudável

Ovo pochê: aproveite os nutrientes do ovo com essa receita saudável Ovo pochê: aproveite os nutrientes do ovo com essa receita saudável

O ovo pochê é um clássico da culinária francesa. Ele é cozido fora da casca em água quente, resultando em uma gema mole bem levinha. Além de delicioso, o ovo...

> Leia mais
Alimentos ricos em vitamina C: 10 opções para consumir diariamente

Alimentos ricos em vitamina C: 10 opções para consumir diariamente Alimentos ricos em vitamina C: 10 opções para consumir diariamente

Montar um cardápio semanal com alimentos ricos em vitamina C é essencial para fortalecer a imunidade. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde),...

> Leia mais