O que são lignanas e em quais alimentos podemos encontrá-las

A linhaça é uma excelente fonte de lignanas
A linhaça é uma excelente fonte de lignanas

Se você tem o costume de comer linhaça, talvez até não saiba, mas já conhece de perto os benefícios das lignanas - substâncias conhecidas por prevenir o câncer (em especial, o de mama). Para que você entenda melhor do que essa substância química se trata, nós listamos suas principais utilidades e em quais alimentos ela está presente. Dá uma conferida!

Como as lignanas atuam no nosso organismo?

O principal benefício das lignanas é que elas atuam como neutralizadoras do estrogênio (ou estrógeno), evitando que este hormônio prejudique as glândulas mamárias e outros locais do organismo. Basicamente, as lignanas são fotoquímicos que se ligam ao estrógeno e, assim, impedem que ele se prolifere em grande quantidade e acabe ocasionando algum câncer. Além disso, em épocas de baixa hormonal (como no período da menstruação), as lignanas também substituem a função do estrogênio.

Linhaça é a principal fonte de lignanas

A principal fonte de lignanas, sem dúvidas, é a linhaça - que pode ser consumida em forma de sementes, pó, óleo e pães. Além disso, você pode escolher entre a linhaça marrom ou dourada, sendo que ambas são muito benéficas e saborosas. No entanto, a dourada costuma ter um teor mais alto de lignanas. A linhaça também é um ingrediente rico em ômega 3, antioxidantes e magnésio - substâncias fundamentais para a saúde do nosso corpo.

Cereais integrais também são fonte de lignanas

Os cereais integrais, como aveia, arroz, trigo e cevada, também são fontes importantes de lignanas. O diferencial dos alimentos integrais é que eles não são refinados, de modo que acabam sendo mais nutritivos, pois não passam pelo processo de refinamento. Além disso, os cereais integrais são ricos em vitaminas E (um poderoso antioxidante), do complexo B, fibras insolúveis (que aumentam a velocidade intestinal) e minerais importantes, como o magnésio. Por isso, são alimentos recomendados para a saúde da pele, do cabelo e do organismo de forma geral.

Oleaginosas, como castanhas e avelãs, são ricas em lignanas e fibras

Se a ideia é incorporar as lignanas à dieta, outra dica interessante é passar a consumir oleaginosas: castanhas, avelãs, nozes, amêndoas e por aí vai. Isso porque elas têm uma alta concentração desse fotoquímico e outras substâncias importantes. A presença de fibras alimentares, em especial, é um dos principais destaques desse grupo de alimentos. Esses nutrientes auxiliam na digestão e prolongam a sensação de saciedade, sendo indicados para quem precisa perder peso.

Legumes e frutas podem ser fontes de lignanas

Alguns tipos de legumes e frutas também podem fornecer lignanas para o seu organismo, tais como cenoura, inhame, maçã e morango. Todos esses alimentos, inclusive, devem estar presentes na rotina de quem mantém uma alimentação saudável. As frutas, em especial, são ricas em quase todos os tipos de vitaminas, minerais e fibras. O mesmo serve para a cenoura e outros legumes, que são ricos em carotenóides, pigmentos naturais que atuam como importantes antioxidantes.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Truta: conheça os benefícios desse peixe para a saúde

Truta: conheça os benefícios desse peixe para a saúde Truta: conheça os benefícios desse peixe para a saúde

Já viu truta em uma receita e quer saber mais sobre o peixe? O animal é normalmente confundido com o salmão por apresentarem cores semelhantes, mas apesar de...

> Leia mais
Como fazer suco de maçã

Como fazer suco de maçã Como fazer suco de maçã

Rico em vitaminas do complexo B e antioxidantes, o suco de maçã cumpre ação detox no organismo e é um dos sabores que mais faz sucesso. A melhor parte é que...

> Leia mais
O que comer depois do jejum intermitente

O que comer depois do jejum intermitente O que comer depois do jejum intermitente

Quando feito de forma adequada e com acompanhamento nutricional, o jejum intermitente pode ajudar a desintoxicar o organismo e trazer outros benefícios (como...

> Leia mais
3 formas de preparar maionese vegana

3 formas de preparar maionese vegana 3 formas de preparar maionese vegana

Que tal conhecer algumas opções de maionese vegana para incluir no cardápio? Você pode aproveitar os benefícios e sabores de uma dieta sem alimentos de...

> Leia mais
Suco de couve: conheça os benefícios e 3 ideias para preparar

Suco de couve: conheça os benefícios e 3 ideias para preparar Suco de couve: conheça os benefícios e 3 ideias para preparar

Tomar suco verde detox todos os dias é ótimo para eliminar as impurezas do sangue, aumentar a imunidade e fornecer nutrientes para o organismo. A couve, em...

> Leia mais
Suflê de chuchu: 2 receitas fit

Suflê de chuchu: 2 receitas fit Suflê de chuchu: 2 receitas fit

O suflê de chuchu é o preparo perfeito para quem está de dieta, ainda mais se for feito com o Chuchu Orgânico Taeq! É um prato saboroso, pouco calórico,...

> Leia mais
Para que serve o ômega 3

Para que serve o ômega 3 Para que serve o ômega 3

Encontrado em diferentes peixes (salmão, cavala, atum, sardinha, arenque), castanhas e sementes, o ômega 3 é um tipo de ácido graxo essencial (uma gordura...

> Leia mais
Café faz bem: 7 benefícios da bebida

Café faz bem: 7 benefícios da bebida Café faz bem: 7 benefícios da bebida

Tomar café regularmente de forma moderada (no máximo, 3 xícaras por dia) pode trazer uma série de benefícios para a saúde, sabia? Isso porque a bebida é...

> Leia mais
Arginina: para que serve e onde encontrar

Arginina: para que serve e onde encontrar Arginina: para que serve e onde encontrar

As refeições diárias estão cheias de nutrientes essenciais e superimportantes que nem imaginamos, como é o caso da arginina! Essa substância está presente no...

> Leia mais
Barra de frutas: o que é e como consumir

Barra de frutas: o que é e como consumir Barra de frutas: o que é e como consumir

A barra de frutas é uma fonte de energia e tanto, principalmente em dias mais corridos! Incluir o alimento no cardápio é sinônimo de saúde e saciedade para o...

> Leia mais