Noz da Índia emagrece mesmo? Saiba tudo sobre esse alimento proibido no Brasil

Noz da Índia foi proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária porque é tóxica e pode levar quem a consome a óbito
Noz da Índia foi proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária porque é tóxica e pode levar quem a consome a óbito

De uns tempos para cá a noz da Índia passou a ser muito procurada por pessoas que queriam perder peso rápido. Mas afinal, ela realmente emagrece? A maior pergunta aqui deveria ser se ela é de fato um alimento saudável, já que a Anvisa proibiu a sua venda no Brasil. Antes que alguns saiam em sua defesa é importante lembrar que essa decisão não foi tomada de forma leviana, ainda mais porque a Agência Nacional de Vigilância Sanitária não proíbe a prática fitoterápica. Para que você não tenha dúvidas a respeito dessa decisão aparentemente radical, nós preparamos uma lista com tudo o que você precisa saber sobre a noz da Índia.

Noz 'milagrosa' não possui benefícios comprovados

A noz da Índia tem esse nome porque é originária da Ásia, onde é utilizada devido às suas propriedades medicinais. Mas não, ela não é usada para emagrecer, mas sim para tratar problemas como febre, dor de cabeça e náusea. Ainda assim, não foram realizados estudos suficientes para comprovar a sua real eficácia, mesmo no tratamento de doenças.

A grande questão é que ela passou a ser plantada na América do Sul, onde afirmaram que ela trazia diversos benefícios para a saúde. O principal deles seria a perda de peso, isso porque ela reduziria o apetite, ajudaria o intestino a trabalhar melhor e acabaria com a gordura corporal. Para quem se preocupa com a questão estética ela ainda traria mais uma vantagem, que seria a redução de celulite. Pois é, ela acabou sendo vendida como uma "noz milagrosa" em muitos lugares, mas nada disso nunca foi comprovado.

Anvisa afirma que semente é tóxica

Tudo bem, mas o fato de não saber quais são os seus reais benefícios seria suficiente para fazer a Anvisa proibir sua comercialização e uso? Neste caso sim, porque se trata de uma planta comprovadamente tóxica e que não faz parte do registro de alimentos. Em seu site oficial, a agência explicou a decisão:

"A Anvisa tomou como base para a sua decisão as evidências de toxicidade e a ocorrência de três casos de óbitos no Brasil associados ao consumo de 'Noz da Índia' (Aleurites moluccanus), também chamada de Nogueira de Iguape, Nogueira, Nogueira da Índia, Castanha Purgativa, Nogueira-de-Bancul, Cróton das Moluscas, Nogueira Americana, Nogueira Brasileira, Nogueira da Praia, Nogueira do Litoral, Noz Candeia, Noz das Moluscas, Pinhão das Moluscas".

É preciso ressaltar também que muitas vezes a noz da Índia aparece como ingrediente em suplementos alimentares, e por isso é sempre importante ficar atento aos componentes de qualquer produto que você decida acrescentar na sua alimentação. Além disso, a tabela com o quadro nutricional presente em cada embalagem mostra os benefícios reais do alimento em questão, e por essa razão é tão importante fazer sua leitura antes colocá-lo no carrinho de compras.

Chapéu de Napoleão também é proibido

Ao anunciar no Diário Oficial da União a proibição da noz da Índia, a Anvisa também revelou que a planta conhecida como Chapéu de Napoleão não pode ser distribuída no país. "Essas sementes, quando ingeridas, também são tóxicas e seu uso é proibido em diversos países", lembra a agência em seu site oficial. O problema é que ambas estavam sendo apontadas como perfeitas para quem quer emagrecer, o que não passa de um mito. Afinal, elas possuem sim efeitos laxativos, mas sua reação pode ser tão forte que o corpo acaba deixando de absorver minerais muito importantes para a saúde, algo que, em última instância, pode levar à morte.

Opte por nozes que fazem bem para o seu corpo

Não existe nenhuma fórmula milagrosa para emagrecer. Quem quer perder peso deve optar por uma alimentação saudável combinada com exercícios regulares. De qualquer forma, é bom lembrar que as nozes não são vilãs por si só, pelo contrário! Além de muito benéficas para a saúde, elas são ricas em fibras, proteínas, vitaminas e minerais. Além disso, são fontes de ômega 3 e 6, que ajudam a reduzir os níveis do colesterol ruim (LDL) e aumentar o bom (HDL). Lembrando que seu consumo não deve ser exagerado, então caso queira saber quantas porções pode comer por dia consulte um nutricionista.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

5 frutas com caroço que você pode comer integralmente

5 frutas com caroço que você pode comer integralmente 5 frutas com caroço que você pode comer integralmente

Na maioria das vezes, as pessoas têm o hábito de descartar os caroços (também chamados de sementes) das frutas, consumindo apenas a polpa. Mas você sabia que...

> Leia mais
Chá de guaco: como fazer e quais os nutrientes dessa planta medicinal

Chá de guaco: como fazer e quais os nutrientes dessa planta medicinal Chá de guaco: como fazer e quais os nutrientes dessa planta medicinal

Também conhecido como "erva de bruxa", o guaco é uma planta medicinal originária da América do Sul que se destaca, principalmente, por auxiliar no tratamento...

> Leia mais
Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada

Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada

Você sabia que é possível diminuir a acidez do organismo através da alimentação? A dieta alcalina, para quem não conhece, propõe uma alimentação mais natural...

> Leia mais
Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo

Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo

Extraído a partir da árvore copaíba (ou pau-de-óleo), que é nativa da floresta Amazônica, o óleo de copaíba é conhecido por ter várias substâncias...

> Leia mais
Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas

Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas

Buscar ingredientes alternativos para dietas celíacas não é tão difícil quanto parece, sabia? A farinha de grão-de-bico, por exemplo, é uma opção livre de...

> Leia mais
Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes

Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes

Muito consumida no estado de Minas Gerais, a marmelada é um doce de origem portuguesa que, além de saboroso, se destacar por ser rico em fibras, vitaminas A,...

> Leia mais
Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Você sabia que, quando consumido em excesso, o potássio pode ser muito prejudicial à saúde? A hipercaliemia (ou hiperpotassemia), para quem não conhece,...

> Leia mais
Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Preparar sobremesas saudáveis e ao mesmo tempo saborosas não precisa ser algo difícil, sabia? Usando ingredientes mais naturais - como frutas, açúcar de coco...

> Leia mais
Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Originário do sudeste asiático, o mangostão (ou mangostin) é uma fruta exótica bem suculenta, de sabor suave e altamente benéfica para a saúde. Além de ser...

> Leia mais
Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Fonte de propriedades nutritivas e calmantes, o chá de erva-doce é uma bebida cheia de benefícios para a saúde! Assim como os de camomila e alfazema, ele é...

> Leia mais