Mindful eating: 10 passos para desenvolver uma alimentação consciente

A técnica de mindful eating (comer com atenção plena), consiste em mastigar e saborear melhor os alimentos, dando foco ao momento da refeição
A técnica de mindful eating (comer com atenção plena), consiste em mastigar e saborear melhor os alimentos, dando foco ao momento da refeição

Praticar exercícios de mindfulness (atenção plena) ajuda a melhorar o foco, a memória, a concentração e ainda reduz o estresse e a ansiedade. A melhor parte é que dá para estender essa filosofia para outras tarefas e hábitos diários. Você já ouviu falar no mindful eating, por exemplo? Essa técnica consiste em praticar a consciência alimentar, dando maior atenção à comida e ao momento da refeição. O livro Mindful Eating: Comer com Atenção Plena, das autoras Cynthia Antonaccio e Manoela Figueiredo, por exemplo, explica justamente como essa prática pode ser muito benéfica. Continue lendo para saber mais!

Mindful eating: o que é e quais seus benefícios

O mindful eating tem um funcionamento bem simples e interessante: comer com atenção plena, mastigando e degustando ao máximo os alimentos. O conceito é focado justamente no mindfulness - prática de meditação budista que propõe aproveitar o momento presente. No livro Mindful Eating: Comer com Atenção Plena, as autoras falam mais sobre as vantagens dessa técnica e dão dicas de como colocá-la em prática. Confira os principais benefícios do mindful eating:

- Comer com atenção plena, atentando ao sabor, textura e aroma da comida, ajuda a relaxar o corpo e a mente.

- Ao seguir o mindful eating, a pessoa mastiga e degusta os alimentos com mais calma, o que é superimportante para o processo de digestão.

- Prática de alimentação consciente ajuda a evitar exageros na alimentação. Assim, você come apenas o necessário e tem um estilo de vida mais saudável.

Comer com atenção plena: 10 passos para uma alimentação consciente

Para colocar o mindful eating em prática, é necessário mudar hábitos e organizar a rotina para cuidar melhor da alimentação. Além de selecionar alimentos saudáveis - legumes, verduras, frutas, cereais, leguminosas e carnes magras -, você deve seguir alguns passos para comer conscientemente. Segue um resumo dos ensinamos que Cynthia Antonaccio e Manoela Figueiredo passam em seu livro:

1. Arrume a mesa e se desconecte do celular

Para começar, é importante arrumar a mesa de forma clean para deixar o ambiente agradável. Coloque preferencialmente apenas os jogos americanos e os pratos de comida. Outro ponto fundamental é manter o celular e outros dispositivos (TV ou notebook) distantes durante a refeição.

2. Sente-se de forma confortável e use os talheres com calma

Depois de arrumar a mesa, você deve se sentar de forma confortável, com a coluna bem reta, e manusear os alimentos sem pressa. Você pode apoiar os talheres no prato enquanto mastiga para comer com mais calma.

3. Alimentação consciente: respire fundo e observe os alimentos

Outro ponto importante do mindful eating é apreciar ao máximo os alimentos. Antes de comer, o ideal é que você respire fundo - para entrar em uma espécie de estado meditativo - e observe a comida que você irá consumir, prestando atenção nos aromas, cores e texturas.

4. Sirva porções menores de comida

Como a ideia é ter uma alimentação consciente e equilibrada, outro passo importante é se controlar na hora de montar o prato. Você deve servir porções menores para, dessa forma, consumir apenas o suficiente para o corpo ficar satisfeito.

5. Coma devagar e se delicie com a refeição

Comer devagar e apreciar ao máximo o sabor da comida é uma das partes mais importantes! Para isso, você deve separar um tempo apenas para as refeições, focando no que você está comendo no momento.

6. Lembre-se de mastigar mais vezes

Durante a refeição, lembre-se de mastigar mais vezes a comida, o que também garante uma melhor digestão e absorção dos nutrientes. Dessa forma, também é possível evitar exageros ou problemas como azia e refluxo.

7. Observe as sensações que a comida causam

Para ter uma experiência completa de mindful eating, você deve pensar nas sensações que a refeição ocasiona. Feche os olhos para aproveitar o momento de forma mais intensa, sentindo os sabores, aromas e todos os aspectos da comida.

8. Não pense nas calorias

Outro ponto fundamental é se desprender da quantidade de calorias que existe no prato. Você não deve ficar se repreendendo pela comida que consome - mas sim se conectar e aproveitar a experiência ao máximo.

9. Aproveite o entorno e a companhia

Criar um ambiente agradável (com música, por exemplo) e ter uma boa companhia durante a refeição também faz toda a diferença. Uma boa dica é tentar organizar a rotina para que toda a família possa comer junta o máximo possível.

10. Finalize agradecendo pela refeição

Para encerrar a experiência, o ideal é expressar gratidão pela comida e pelo momento em família. Agradecer pelos alimentos ajuda a trazer mais bem-estar e positividade para a rotina, pode apostar!

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais