Macronutrientes e micronutrientes: saiba suas diferenças e por que consumi-los

Vegetais como alface e tomate são fontes de macro e micronutrientes - pois contêm fibras, vitaminas e minerais em sua composição
Vegetais como alface e tomate são fontes de macro e micronutrientes - pois contêm fibras, vitaminas e minerais em sua composição

Você já ouviu falar em macro e micronutrientes? Apesar de cumprirem papéis distintos no nosso organismo, essas duas categorias de nutrientes são igualmente importantes para a saúde. Para que você aprenda mais sobre o assunto, nós fizemos uma matéria explicando as diferenças - e os benefícios - dos macronutrientes e dos micronutrientes. Dá uma olhada!

Macronutrientes são as principais fontes de energia e são requeridos em maior quantidade

O grupo dos macronutrientes é formado por carboidratos, gorduras, fibras e proteínas, que são os responsáveis por fornecer energia para o funcionamento do corpo. Por conta disso, inclusive, eles devem ser consumidos em maior quantidade no dia a dia. Os carboidratos, por exemplo, cumprem importante função energética, pois são utilizados pelas células no processo respiratório. Eles são encontrados em diferentes tipos de pães, batatas e cereais (como arroz e milho).

As gorduras, por sua vez, são importantes para manter a temperatura do corpo, auxiliam no transporte de vitaminas, protegem os órgãos vitais e, assim como os carboidratos, funcionam como importante fonte de energia. Ou seja, também cumprem funções necessárias para o organismo! As gorduras insaturadas - que auxiliam no controle do colesterol - podem ser encontradas em alimentos como abacate, peixes e oleaginosas (castanhas, amêndoas e nozes).

Para garantir o bom funcionamento do intestino, também é importante consumir fibras. Esses macronutrientes contribuem para o controle do trânsito intestinal e ajudam a reduzir os níveis de glicose no sangue. Elas são encontradas em leguminosas, folhas verde-escuras e cereais integrais (arroz, aveia e trigo). Já as proteínas - encontradas em carnes, ovos, leites e derivados - ajudam a fortalecer os músculos, a produzir anticorpos e transportar oxigênio. Não tem como deixar nenhum macronutriente de fora!

Micronutrientes são exigidos em menor quantidade

Composto por vitaminas e minerais, o grupo dos micronutrientes também é fundamental para o organismo - afinal, eles contribuem para as reações químicas que liberam energia para o corpo. Só que, enquanto os macronutrientes precisam ser consumidos em grande quantidade, os micronutrientes podem ser consumidos com parcimônia - apenas alguns miligramas por dia são suficientes!

Tanto as vitaminas hidrossolúveis (C e do complexo B) quanto as lipossolúveis (A, D, E e K) fazem parte da categoria de micronutrientes. Elas são muito importantes para o funcionamento do sistema nervoso, cardiovascular, fortalecem a imunidade, os ossos, músculos, fazem bem para a saúde da pele e dos cabelos.

Minerais como cálcio, ferro, sódio, potássio, iodo, cobre, zinco, manganês, flúor e magnésio também são constituintes do grupo dos micronutrientes. Eles são fundamentais para a manutenção dos tecidos do corpo e, por isso, devem ser consumidos todos os dias.

Vale destacar que os micronutrientes (vitaminas e minerais) podem ser encontrados em diversos tipos de alimentos: legumes, verduras, frutas, peixes, carnes vermelhas, ovos, leites e derivados. Ou seja, para consumir todos os nutrientes necessários, é fundamental manter uma dieta diversificada. Por isso, a nossa dica é sempre seguir as indicações de um nutricionista.

Mais noticias com...
Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais