Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico

Leite com uva faz mal para quem sofre com problemas gastrointestinais
Leite com uva faz mal para quem sofre com problemas gastrointestinais

Assim como a ideia de que beber leite com manga faz mal para o organismo, a mistura da bebida com uva também tem sido considerada polêmica entre algumas pessoas. Mas será que a combinação realmente faz mal para o organismo? Leia a matéria e descubra se esse temor possui fundamento científico ou se é apenas mais uma lenda urbana!

Afinal, leite com uva faz mal?

Fonte de propriedades que fazem bem para o coração e estimulam a atividade do cérebro - principalmente quando se trata da recuperação da memória - a uva é considerada uma fruta extremamente nutritiva e benéfica para a saúde. Mas, será que consumi-la com outros ingredientes, como o leite, faz mal para o corpo? Na verdade, o "problema" da fruta está no fato de ela também ser rica em outros nutrientes que podem fazer mal para quem sofre com problemas no estômago.

Para quem não sabe, a uva faz parte do grupo das frutas cítricas, conhecidas pela alta concentração de ácidos que conferem o clássico sabor mais "azedinho". Assim como o morango, o limão, a acerola e a laranja, por exemplo, a uva não é indicada para quem sofre de queimação no estômago. Quando misturada ao leite, ela pode aumentar a produção de ácido estomacal - reação que acabou gerando a crença popular de que "leite com uva fazem mal à saúde".

No entanto, esse tipo de reação só ocorre com pessoas que já possuem problemas gastrointestinais sérios, como a gastrite, e precisam de dietas regradas para evitar as dores no estômago. Ou em pessoas que possuem algum tipo de intolerância à lactose - embora aqui o problema possa ser resolvido com o consumo de um leite que não possui esse açúcar. Caso contrário, não há nenhum fundamento científico que comprove que a mistura dos componentes do leite e da uva podem causar problemas ao organismo.

Recorrer ao leite para amenizar os sintomas da gastrite também é uma crença popular

Por gerar um alívio imediato ao estômago e neutralizar, pelo menos de início, a produção do ácido estomacal, muitas pessoas costumam recorrer ao leite para amenizar os sintomas da gastrite. No entanto, esse também é um exemplo de crença popular que não possui fundamento científico. Na verdade, já foi comprovado que a bebida pode aumentar a acidez do estômago mesmo provocando uma sensação de conforto no momento em que é ingerida.

Nesse caso, a dica para quem sofre com gastrite é evitar alimentos como leite, chocolate, embutidos, frituras, carne vermelha e frutas cítricas. Além de dar preferência a alimentos naturais e anti-inflamatórios como o gengibre e frutas mais alcalinas como o mamão, o melão e a banana.

Mais noticias com...
Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais