Jejum Intermitente: Você sabe o que é? Entenda como funciona essa alimentação

Comer quando der fome. Essa é a premissa do jejum intermitente, que promete a perda de peso saudável e natural
Comer quando der fome. Essa é a premissa do jejum intermitente, que promete a perda de peso saudável e natural
Patrícia Bertoni Brotherhood

Consultor:

Patrícia Bertoni Brotherhood

Formada em Nutrição pela UNIRIO, é especializada em Gestão de Qualidade e Segurança de Alimentos

Você já ouviu falar em jejum intermitente? A prática, que tem crescido entre os brasileiros, promete, de maneira saudável, a perda de peso natural e sem tantas restrições alimentares. Baseado em comer apenas quando sentir fome, essa dieta ajuda na queima de gordura corporal de forma eficaz, proporcionando um corpo saudável e a boa forma ! Conheça mais sobre essa técnica, descubra os benefícios e os cuidados para aderi-la no seu dia a dia!

Intercalando uma gastronomia saudável e equilibrada e algumas horas de jejum, o objetivo da prática é fazer com que, durante o jejum, o nosso corpo utilize a gordura armazenada para gerar energia, fazendo com que ocorra uma perda gradativa de peso. Segundo a nutricionista Patrícia Bertoni Brotherhood, o jejum intermitente consiste em uma programação da rotina alimentar, podendo variar em jejum de 24 horas, 16h ou 14h:

"O jejum intermitente possui intervalos sem alimentação, visando a adequação dos níveis hormonais, controle do apetite e melhora das escolhas alimentares. Devemos ficar atentos às escolhas alimentares, o fato de fazer jejum não libera o consumo de qualquer alimento. É importante escolher alimentos saudáveis, naturais e sem açúcares e/ou adoçante", explica a profissional destacando como funciona essa dieta. Confira:

Jejum intermitente: Como funciona?

A nutricionista destaca três possíveis tipos de jejum para realizar a prática:

1 - Jejum 24 horas: Onde há um intervalo sem alimentos com calorias no período de 24 horas. "Por exemplo, se você comeu no almoço, sua próxima refeição será o almoço do dia seguinte. Nessa estratégia é necessário ficar 24 horas sem comer. Esse protocolo pode ser repetido 1 ou 2 vezes por semana", analisa a profissional.

2- Intermitente 5 por 2: Nessa opção de prática, você poderá comer normalmente por cinco dias e por dois dias seguidos restringe as calorias a aproximadamente 500 kcal.

3 - Intermitente 16 ou 14 horas de jejum: Segundo Patrícia, esse é o protocolo mais comum e utilizado no meio saudável: "Você para de comer às 20 horas e só come novamente no horário do almoço do dia seguinte", ressalta a nutricionista.

"Nos três protocolos água, chás e café são liberados, desde que estes sejam ingeridos sem açúcar ou adoçante", completa.

Quem pode aderir o jejum intermitente?

Segundo a nutricionista, a prática do jejum intermitente só é indicada para as pessoas que conhecem bem o seu organismo e que façam um acompanhamento nutricional regularmente: "Deve-se avaliar quais indivíduos são aptos a seguir ou não as restrições. Um profissional habilitado deve ser consultado para adequar o protocolo as necessidades do paciente", explica Patrícia.

Cuidados - Para os adeptos do jejum intermitente, é importante atentar-se às alterações de pressão e glicemia: "Esses cuidados devem ser tomados para evitar mal estar, desmaios, mau humor ou até mesmo fome excessiva nos horários onde é permitido comer", ressalta a especialista.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada

Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada

Você sabia que é possível diminuir a acidez do organismo através da alimentação? A dieta alcalina, para quem não conhece, propõe uma alimentação mais natural...

> Leia mais
Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo

Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo

Extraído a partir da árvore copaíba (ou pau-de-óleo), que é nativa da floresta Amazônica, o óleo de copaíba é conhecido por ter várias substâncias...

> Leia mais
Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas

Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas

Buscar ingredientes alternativos para dietas celíacas não é tão difícil quanto parece, sabia? A farinha de grão-de-bico, por exemplo, é uma opção livre de...

> Leia mais
Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes

Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes

Muito consumida no estado de Minas Gerais, a marmelada é um doce de origem portuguesa que, além de saboroso, se destacar por ser rico em fibras, vitaminas A,...

> Leia mais
Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Você sabia que, quando consumido em excesso, o potássio pode ser muito prejudicial à saúde? A hipercaliemia (ou hiperpotassemia), para quem não conhece,...

> Leia mais
Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Preparar sobremesas saudáveis e ao mesmo tempo saborosas não precisa ser algo difícil, sabia? Usando ingredientes mais naturais - como frutas, açúcar de coco...

> Leia mais
Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Originário do sudeste asiático, o mangostão (ou mangostin) é uma fruta exótica bem suculenta, de sabor suave e altamente benéfica para a saúde. Além de ser...

> Leia mais
Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Fonte de propriedades nutritivas e calmantes, o chá de erva-doce é uma bebida cheia de benefícios para a saúde! Assim como os de camomila e alfazema, ele é...

> Leia mais
Como fazer compota de berinjela sem erros

Como fazer compota de berinjela sem erros Como fazer compota de berinjela sem erros

Feita geralmente com a polpa de frutas, legumes e outros vegetais, a compota é um tipo de conserva (que pode ser salgada ou doce) que costuma ser servida com...

> Leia mais
4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes 4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

Você já deve ter reparado que existem tantos tipos de frutas ao redor do mundo que listar todas elas parece uma tarefa impossível. Mas para explorar um...

> Leia mais