Já ouviu falar na síndrome do impostor? Descubra se você está se autossabotando

Para identificar e tratar a síndrome do impostor é muito importante ter o acompanhamento de um psicólogo
Para identificar e tratar a síndrome do impostor é muito importante ter o acompanhamento de um psicólogo
Mariana Benitez Massari

Consultor:

Mariana Benitez Massari

Mariana Benitez Massari (CRP 05/45928) é formada em Psicologia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), pós-graduada em Neuropsicologia pela UNIARA e especialista em terapia cognitivo-comportamental

Ter autoconfiança e saber reconhecer suas próprias qualidades e habilidades é algo fundamental tanto para a vida pessoal quanto profissional. Mas você sabia que existe uma síndrome que abala a autoconfiança da pessoa, causando uma sensação de inferioridade? Para quem não conhece, a síndrome do impostor é um fenômeno psicológico que pode gerar um sentimento de incapacidade no indivíduo e, a longo prazo, ser muito prejudicial para a sua saúde mental. Para saber mais sobre o assunto, nós conversamos com a psicóloga Mariana Massari, que explicou vários pontos importantes sobre a síndrome do impostor e seus sintomas. Confira!

Afinal, o que é e como funciona a síndrome do impostor?

De acordo com a psicóloga Mariana Massari, a síndrome do impostor pode ser considerada um problema grave, pois afeta diretamente o emocional do indivíduo. "Como o próprio nome diz, a pessoa se sente como uma impostora, tendo a sensação de que não tem qualidades que os outros veem nela e que outras pessoas vão descobrir isso a qualquer momento. Há o sentimento de não merecimento, inadequação, de não pertencer àquele lugar. Portadores dessa síndrome tendem a temer ser desmascarados, o que os fazem rejeitar o sucesso. O impacto da síndrome é enorme, causando ansiedade e insegurança constantes. Eles preferem não se arriscar e não fazer movimentos na carreira e na vida", explica.

"Por causa da inferior percepção de si e de suas conquistas, os portadores da síndrome negam, diminuem ou desqualificam os resultados positivos e se sentem fraudulentos ou enganadores quando são reconhecidos legitimamente por tal. Esses resultados positivos podem ocorrer em decorrência de suas habilidades, dedicação, personalidade e podem gerar benefícios acadêmicos e profissionais. A pessoa com essa síndrome pensa, automaticamente, como algo inevitável, que está sendo superestimada, lembrando apenas de opiniões negativas que não condizem com o seu sucesso", complementa Mariana.

Quais são os principais sintomas da síndrome do impostor?

Para que você saiba identificar se está (ou não) com a síndrome do impostor, a psicóloga dá dicas de como reconhecer os sintomas e, assim, detectar um possível ciclo de estresse e autossabotagem. "Os principais sintomas incluem ansiedade, medo de receber opiniões, desqualificação de elogios, crença de que o sucesso é consequência do acaso. Podem ter tendência a procrastinar ou a planejar demais suas ações, o que se reflete no ciclo da síndrome: 'Tudo que conquistei foi devido a 'X', e não porque sou inteligente ou capaz'", destaca a profissional.

Aprenda pequenas atitudes que podem ajudar no tratamento dessa síndrome

Você sabia que existem pequenas atitudes e hábitos que podem ajudar no tratamento da síndrome do impostor? De acordo com a psicóloga, realizar pequenas mudanças de comportamento diário faz toda a diferença para o processo de recuperação do indivíduo. "Algumas atitudes que podem ajudar quem se sente assim são: não se comparar a colegas, reforçar pontos positivos e talentos, buscar autoconhecimento, solicitar opiniões de pessoas próximas e de confiança, verificar se há sentido em pensamentos do tipo 'não sou bom o suficiente', procurar evidências reais que refutam essa crença, olhando tecnicamente seu trabalho como se fosse de outra pessoa. Muitas vezes, somos mais gentis com o outro do que com nós mesmos. O importante é buscar formas de trabalhar sua autopercepção e a percepção da realidade como ela é", recomenda Mariana.

Vale destacar que o acompanhamento de um psicólogo é imprescindível para a devida recuperação da síndrome. "O ideal, em todos os casos, é buscar ajuda psicológica para que um profissional habilitado possa ajudar a identificar as crenças, comportamentos e sintomas. Quando temos uma crença de não merecimento, agimos de acordo com ela, sabotando oportunidades profissionais. Entender isso e perceber quando fazemos isso nos dá a possibilidade da mudança. Na impossibilidade de fazer isso, uma estratégia de checagem da realidade pode ajudar", finaliza Mariana.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Suco de batata-doce ajuda o refluxo! Aprenda a prepará-lo e os seus benefícios

Suco de batata-doce ajuda o refluxo! Aprenda a prepará-lo e os seus benefícios Suco de batata-doce ajuda o refluxo! Aprenda a prepará-lo e os seus benefícios

Você já experimentou alguma receita de suco de batata-doce? Rica em fibras, potássio, cálcio e carboidratos, essa bebida funciona como excelente fonte de...

> Leia mais
O que fazer quando come demais e passa mal? Veja dicas para se sentir melhor

O que fazer quando come demais e passa mal? Veja dicas para se sentir melhor O que fazer quando come demais e passa mal? Veja dicas para se sentir melhor

Exagerar demais na comida ou se alimentar de forma rápida pode desencadear problemas no aparato gastrointestinal, como azia, náusea, dor e dilatação...

> Leia mais
7 frutas com T cheias de benefícios ótimas para variar no cardápio diário

7 frutas com T cheias de benefícios ótimas para variar no cardápio diário 7 frutas com T cheias de benefícios ótimas para variar no cardápio diário

Tangerina, toranja, tâmara, tarumã... Você já parou para pensar em quantas frutas com T existem e podem ser incluídas no cardápio? Para ter uma alimentação...

> Leia mais
Como comer maracujá? 5 dicas para incluí-lo na alimentação

Como comer maracujá? 5 dicas para incluí-lo na alimentação Como comer maracujá? 5 dicas para incluí-lo na alimentação

Suco, smoothie, geleia, compota, mousse... São muitas as receitas que podem ser feitas a partir da polpa e da casca do maracujá, sabia? Para variar cada vez...

> Leia mais
Crossfit ou academia? Veja as diferenças e decida qual a opção ideal para você

Crossfit ou academia? Veja as diferenças e decida qual a opção ideal para você Crossfit ou academia? Veja as diferenças e decida qual a opção ideal para você

Para escolher entre crossfit ou academia, é fundamental levar em conta uma série de fatores - como o estilo de treino, o principal objetivo (queimar calorias...

> Leia mais
7 alimentos que fortalecem o sistema imunológico

7 alimentos que fortalecem o sistema imunológico 7 alimentos que fortalecem o sistema imunológico

Uma alimentação saudável é a chave para o bem-estar, e isso inclui a prevenção de doenças. Por isso, é muito importante que a sua dieta contenha alimentos...

> Leia mais
Como fazer queijo de kefir? A receita para incluir esse probiótico na dieta

Como fazer queijo de kefir? A receita para incluir esse probiótico na dieta Como fazer queijo de kefir? A receita para incluir esse probiótico na dieta

Considerado um ótimo aliado para a saúde do intestino, o queijo de kefir é rico em probióticos, proteínas, cálcio, fósforo, vitamina D e outros nutrientes...

> Leia mais
Testosterona e leite: bebida influencia o hormônio? Nutricionista tira a dúvida

Testosterona e leite: bebida influencia o hormônio? Nutricionista tira a dúvida Testosterona e leite: bebida influencia o hormônio? Nutricionista tira a dúvida

A alimentação, o sono, a prática de exercícios e pequenos hábitos diários tendem a influenciar muito no funcionamento dos hormônios (como a testosterona, o...

> Leia mais
O que é fast-food? Entenda por que faz mal consumi-lo com frequência

O que é fast-food? Entenda por que faz mal consumi-lo com frequência O que é fast-food? Entenda por que faz mal consumi-lo com frequência

Pizza, hambúrguer, batata frita... Você provavelmente já se deliciou com pelo menos um desses alimentos, também chamados de "tentações" ou a "escapada" da...

> Leia mais
Como fazer chá de café verde e os motivos para passar a consumir a bebida

Como fazer chá de café verde e os motivos para passar a consumir a bebida Como fazer chá de café verde e os motivos para passar a consumir a bebida

Muito provavelmente você ou alguém que conheça não pode amanhecer sem uma boa xícara de café preto quentinha! Afinal, a bebida dá disposição e energia para...

> Leia mais