Guardar ou expor as emoções? Saiba como equilibrar os seus sentimentos na vida

Expor emoções ou guardá-las? Cada um tem uma forma de agir na vida, mas um fato é certo: nossos sentimentos precisam ser respeitados. Por isso, veja como identificar melhor tudo aquilo que você sente e o que é necessário fazer para equilibrar essas sensações no dia a dia.
Expor emoções ou guardá-las? Cada um tem uma forma de agir na vida, mas um fato é certo: nossos sentimentos precisam ser respeitados. Por isso, veja como identificar melhor tudo aquilo que você sente e o que é necessário fazer para equilibrar essas sensações no dia a dia.
Guardar para si ou expor ao mundo as suas emoções? Eis à questão. O fato é que, cada vez mais, a ciência se preocupa com os hábitos comportamentais das pessoas, seus sentimentos e as formas que encaramos nossas situações cotidianas. Tanto que, a partir disso, diversas técnicas, estudos, análises, e, até mesmo, livros de auto-ajuda são procurados e consultados para buscarmos soluções práticas e funcionais na vida. Contudo, qual é a melhor forma de entendermos esses sentimentos tão genuínos? Descubra!

Logicamente, cada caso é um caso, cada pessoa é uma pessoa, com suas peculiaridades, personalidades e formas diferentes de proceder aos sentimentos. Entretanto, de uma maneira geral, todas as emoções partem de uma vontade existencial: o bem-estar. A psicóloga Stèphanie Krieger nos aponta as melhores maneiras de expor essas emoções e como elas interferem em nossas vidas. Veja abaixo!


- Guardar emoções faz mal?

"Guardar as emoções significa não reconhecer as mesmas e, portanto, não manejá-las e possivelmente expressá-las de maneira inadequada. Uma vez que as emoções nos ajudam a avaliar as alternativas, oferecendo motivação para mudar ou fazer algo, não reconhecê-las pode levar a comportamentos disfuncionais e expressões emocionais descabidas (como explosões de raiva ou um alto nível de ansiedade). Dessa forma, guardar as emoções prejudicaria nosso funcionamento pessoal, assim como nossos relacionamentos. Além disso, se as emoções nos revelam nossas necessidades, ao guardá-las, teríamos dificuldade em expressar e conseguir suprir as mesmas. Por exemplo: uma pessoa que está se sentindo triste, em geral, tem a necessidade de acolhimento, contudo, se essa pessoa não identifica adequadamente essa emoção, pode expressá-la como raiva, por exemplo, e ao invés de se aproximar de outra pessoa, afastá-la, sem conseguir suprir sua necessidade de acolhimento."

- Qual é a melhor maneira de expor as emoções?


"Após a identificação do nosso estado emocional, precisamos aceitar a presença de determinada(s) emoções. Após esse processo, podemos comunicar a outras pessoas esse estado e expressar adequadamente nossa necessidade. A melhor maneira seria uma expressão assertiva das mesmas, através de comportamento verbal ou não. Um comportamento assertivo significa comunicarmos nossas vontades e necessidades de maneira que o outro as compreenda. Da mesma forma, uma vez que as emoções nos oferecem motivação para fazer algo ou para mudar, podemos utilizar essa motivação para adequar nossos comportamentos aos nossos objetivos."

- Como manter o equilíbrio e controlar as emoções?


"Prefiro falar em regulação das emoções ao invés de controle. Nesse sentido, é fundamental reconhecer como lidamos com nossas emoções. É muito comum as pessoas terem vontade de evitar algumas emoções ou, até mesmo, sentirem vergonha ou culpa por seu estado emocional. Entender a função de cada emoção e aceitar sua presença é uma postura fundamental para poder manejá-las. A regulação emocional propriamente dita são estratégias de enfrentamento para confrontar a intensidade indesejada de suas emoções, mantendo-as em um nível controlável para poder lidar com elas. Isso não significa "pensar positivo", mas sim avaliar as situações de forma mais completa, baseando-se no maior número possível de evidências para que a resposta emocional seja condizente com o acontecimento. Outra forma de regular as emoções é a supressão emocional. Após já ter ocorrido a resposta emocional, inibe-se os sinais exteriores das emoções, de modo que não se expresse livremente o que se está sentindo. Isso pode ser feito através de técnicas de meditação, relaxamento, respiração etc. Contudo, se for muito difícil para alguém aceitar e encontrar formas alternativas de manejar suas emoções é importante procurar a ajuda de um psicólogo."
Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Você com certeza já ouviu falar do flúor na hora de ir ao dentista, ou nas indicações para comprar algum creme ou enxaguante bucal. Porém, apesar de não...

> Leia mais
Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

A gente sabe que ser saudável não é uma tarefa fácil em um primeiro momento. Afinal, para que ter trabalho levando comida de casa para o trabalho ou...

> Leia mais
Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Quando você chega do mercado o que faz com as compras? Provavelmente guarda cada alimento no seu respectivo destino, certo? O problema é que às vezes surge...

> Leia mais
Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

A cada quatro mães de recém-nascidos brasileiras, uma sofre de depressão pós-parto. Com os hormônios ainda em reajuste, a mulher pode experimentar um período...

> Leia mais
5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado 5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

A água representa 70% do nosso organismo e é essencial para o nosso corpo. Inclusive, beber água é, muitas vezes, receituário médico em diversas situações....

> Leia mais
10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer 10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

Se tem uma coisa que não pode faltar na casa do brasileiro, decididamente, é o feijão. E por aqui a gente tem vários tipos: feijão preto, branco, manteiga,...

> Leia mais
Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

A anorexia é um distúrbio de imagem que faz com que a pessoa se enxergue de maneira muito distorcida da qual ela é de fato (geralmente, com maior peso e...

> Leia mais
O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

Verdade seja dita, a corrida é um dos exercícios mais democráticos que tem. Afinal, não é preciso pagar uma academia para começar a treinar, apenas encontrar...

> Leia mais
6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia 6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

A epilepsia é uma doença do sistema nervoso que se caracteriza pela perda de consciência momentânea, a partir de crises convulsivas, que acontecem de tempos...

> Leia mais
Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Os triglicerídeos (ou triglicérides) são gorduras muito importantes para o nosso corpo. Elas são as calorias ingeridas que o próprio organismo reserva para...

> Leia mais