Guaraná dá energia e ainda ajuda a emagrecer! Conheça todos os seus benefícios

Guaraná, fruta típica da Amazônia, aumenta a energia graças à sua concentração de cafeína
Guaraná, fruta típica da Amazônia, aumenta a energia graças à sua concentração de cafeína

Produto recomendado

Chá flores e frutas de açaí e guaraná Taeq 15g

Chá flores e frutas de açaí e guaraná Taeq 15g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Alimento típico da Amazônia e cientificamente conhecido como Paullinia Cupana, o guaraná conta com uma série de benefícios para a saúde. Um dos seus maiores destaques é a concentração de cafeína, que ajuda a garantir mais energia para o corpo e ainda funciona como uma espécie de analgésico natural - mas suas vantagens não param por aí! Essa fruta presente no Brasil, na Venezuela, no Peru e na Colômbia também alivia o estresse, aumenta a libido e ainda faz bem para o sangue e sistema digestivo. Mas esses não são seus únicos pontos positivos.

Guaraná é rico em nutrientes importantes para a saúde

Descoberto no século XVII pelos europeus e muito lembrado pelo seu sabor amargo, o guaraná é uma fruta rica em vários nutrientes. Sua semente tem amido, metilxantinas (como é o caso da cafeína), vitaminas e sais minerais - como cálcio, potássio, fósforo, ferro e magnésio. Por isso, além de ser uma opção deliciosa para sucos, bolos e mousses, por exemplo, ele também é muito indicado para o cardápio do dia a dia por ser capaz de entregar uma série de benefícios específicos para o organismo.

Concentração de cafeína no guaraná ajuda a garantir mais energia, menos estresse e faz bem para o sangue

A presença da cafeína é uma das principais responsáveis por todas as vantagens desse alimento típico da Amazônia. A porcentagem exata pode variar, mas, em geral, ela pode chegar até 8% - um número maior que o do cacau e do próprio café, uma das bebidas mais lembradas pela presença dessa substância.

O aumento de energia e da sensação de bem-estar, incluindo a melhora da libido, estão entre os benefícios causados pela boa concentração de cafeína no guaraná - já que esse componente é responsável por agir diretamente no sistema nervoso central. E não para por aí: além de funcionar como um enérgico natural e aliviar o estresse, a substância também impede que o sangue forme coágulos e atua como um analgésico por estimular sua circulação. Aliada à teobromina e a teofilina - outras substâncias que fazem parte da composição da fruta -, ainda consegue atuar na parte do cérebro que melhora a concentração e o raciocínio.

Diabetes e colesterol alto também podem ser controlados com o consumo de guaraná

Quem sofre com problemas como diabetes e colesterol alto tem ainda mais motivos para acrescentar o guaraná à dieta! No primeiro caso, a justificativa é a presença de uma fibra que absorve a água e forma uma espécie de película ao redor dos alimentos consumidos para que o esvaziamento gástrico não aconteça logo - e, assim, os picos de glicose no sangue sejam diminuídos.

Já no segundo, o colesterol ruim é controlado graças à presença de flavonóides e saponinas no pó do guaraná, enquanto o bom é elevado com a ajuda da teobromina. Vale lembrar que os três são compostos bioativos com ação antioxidante.

Guaraná ajuda a emagrecer

Ainda falando de sistema nervoso, outro benefício do guaraná relacionado tem a ver com a diminuição do apetite - o que é ótimo para quem está em uma dieta para perder peso! Isso se deve ao chamado efeito termogênico, que nada mais é do que um processo que aumenta a energia gasta durante o dia e cria um cenário favorável para a lipólise - a queima de gordura que acontece, principalmente, durante exercícios físicos. Nela, a energia é obtida do nosso próprio organismo através da oxidação dos ácidos graxos. Por isso, o guaraná pode ajudá-lo a emagrecer.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais